F.E. A Doutrina de Jesus Cristo.

--------------------------------------
OLÁ, SEJA BEM VINDO AO FÓRUM EVANGELHO.

CASO DESEJE PARTICIPAR DE DEBATES FAÇA SEU REGISTRO.

ESTE FÓRUM É ABERTO A PESSOAS DE TODOS OS CREDOS.

SE PREFERIR SER APENAS UM LEITOR, ACOMPANHE AS POSTAGENS.

"Conheçamos e prossigamos em conhecer a YHVH ( י ה ו ה )..." (Oséias 6.3)

Norberto
Administrador do Fórum Evangelho

Fórum evangélico, aberto à participação de pessoas de qualquer credo ou religião.


Arrebatamento e segunda vinda; dois eventos distintos?

Compartilhe

Edison
- Áqüila / Priscila -
- Áqüila / Priscila -

Número de Mensagens : 2295
Data de inscrição : 29/11/2008

Re: Arrebatamento e segunda vinda; dois eventos distintos?

Mensagem por Edison em Dom 01 Abr 2018, 14:41

Washington disse:

Olá, Ernesto,

Quem será o nosso pai adotivo não será o Pai, mas o Filho, Jesus, isto é, você está interpretando errado os escritos de Ef 1.5: nos predestinou (foi o Pai quem nos predestinou, quem nos escolheu para sermos adotados pelo Filho, isto é, não seremos adotados pelo Pai, mas pelo Filho) para ele (para o Filho), para a adoção de filhos (ou seja, a adoção veio), por meio de Jesus Cristo, segundo o beneplácito de sua vontade”, quer dizer,

Nós, os homens, somos filhos LEGÍTIMOS de Deus, criados por Deus, e não filhos ADOTIVOS, que é como você quer que sejamos, porém,


Realmente a adoção é dada aos filhos legítimos. Nós a alcançamos em Cristo e Nele somos co-herdeiros, no entanto somos filhos legítimos do mesmo Pai de nosso Senhor Jesus Cristo.

Essa ADOÇÃO que Paulo conhecia muito bem porque era cidadão romano, é processo em que o Pai elege um filho legítimo, filho de sangue e o elege para ser o seu sucessor.

Então ele contrata um excelente professor, um sábio para que seja o "tutor", o "aio" daquele filho. E, na ocasião determinada pelo pai, se dava a cerimônia pública da adoção e aquele filho era oficialmente condecorado e a partir de então ele passava a representar o pai em toda a sua plenitude.

Após a adoção, o "aio" não tinha nenhum poder mais sobre aquele filho.

Israel teve a Lei como "aio" (Gal. 3:24).

Vou tentar redigir algo sobre isso ou quem sabe abrir um tópico sobre a adoção ensinada por Paulo.




Edison
- Áqüila / Priscila -
- Áqüila / Priscila -

Número de Mensagens : 2295
Data de inscrição : 29/11/2008

Re: Arrebatamento e segunda vinda; dois eventos distintos?

Mensagem por Edison em Dom 01 Abr 2018, 14:50

Washington Ruiz escreveu:Olá, Edison,

Não fui eu que usei essa expressão chula, que você acha engraçada, mas você.

Tenha um bom domingo.


Foi eu quem usou. Eu disse que você tinha "viajado na maionese" a citar determinada coisa. Coisa boba sem importância. Só isso.

Então você disse que os drogados usam a expressão "viajar na maionese". Eu não sabia. Contudo não acho chula.

Condenar quem esporadicamente usa essa expressão engraçada, continuo achando extremismo da sua parte.

Contudo, acho que  somos crescidinhos demais para ficarmos com mi-mi-mi. Ou mi-mi-mi também é conversa de drogado. rsrsrsrs

Não vamos nos portar como dois vovôs caducos. rsrsrs

Brincar é bom.
avatar
Ernesto
- Áqüila / Priscila -
- Áqüila / Priscila -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 1397
Idade : 88
Cidade/Estado : Limeira. SP
Religião : crista
Igreja : evangelica
País : brasil
Mensagens Curtidas : 193
Pontos de participação : 3941
Data de inscrição : 26/11/2014

Re: Arrebatamento e segunda vinda; dois eventos distintos?

Mensagem por Ernesto em Dom 01 Abr 2018, 16:39

Washington Diz;


Nós, os homens, somos filhos LEGÍTIMOS de Deus, criados por Deus, e não filhos ADOTIVOS, que é como você quer que sejamos, porém,

Por termos nos deixado enganar no Céu, quando ainda éramos ANJOS, e quando ainda vivíamos no Céu; por termos saído da obediência ao Pai e preferido crer no engano promovido por Satanás, que era o nosso irmão e comandante, nós, os ANJOS ENGANADOS, perdemos a condição de continuar vivendo lá no Céu, e foi por causa dessa involuntária desobediência que nós tivemos de ser mandados à Terra, a fim de que pudéssemos reconquistar a confiança perdida que o Pai tinha em nós, porém,



Ernesto responde:


Olá companheiro! com o tempo tu estás te soltando, se tu não queres reconhecer que estás enrolado na maionese, então dê um jeito de pegar jeito, porque vc. está mais enrolado do que Bom Bril. com esta tua doutrina. 
Eu vejo que contigo não tem mais jeito de dialogar; Se Satanás é teu irmão, eu tenho certeza que o meu não é, e nunca foi..
 Eu respeito a tua idade, mas, permita lhe dizer, Essa tua doutrina chula, de um dia termos sido anjos, só pode ser gerado em uma mente que diz que tem, mas, não tem nada de doutrina bíblica.. Se tu continuares com esta malfadada doutrina, eu deixo também de dialogar contigo, assim como outros ja se afastaram do teu dialogo..
Perdoe-me por usar algumas expressões fortes,  mas, o remédio precisa ser conforme a enfermidade. Pelo que vejo vc. também não sabe quem são agora os anjos caídos, Os espirito imundos que Jesus expulsava dos edemoniádos  são os anjos que foram expulsos do céu, Se tu te queres igualar a eles, então vá, é um problema teu


Washington Diz;

Nós, os homens, somos filhos LEGÍTIMOS de Deus, criados por Deus, e não filhos ADOTIVOS, que é como você quer que sejamos, porém,



Ernesto responde:


Efesios 1:5,


e nos predestinou para filhos de adoção por Jesus Cristo, para si mesmo segundo o seu beneplácito de sua vontade.


Meu caro companheiro; pelo que vejo tu não sabes a diferença entre filho adotivo, e filho legitimo, O adotivo tem outros pais, porém por certas circunstancias, esta criança é abandonada pelos pais legítimos, e outro casal, não do mesmo sangue,. toma esta criança e o adota, a partir de então ela pode ser tratada e considerada como um filho legitimo, mas, de nascença nunca foi legitimo, e nunca será. 
O mesmo Deus fez com os cristãos que o aceitam como seu Deus, Ele, porque nos ama, nos recebe como filhos, e nos trata como se fossemos filhos legítimos. 
Leia Rom 11:17, E se alguns dos ramos foram quebrados, e tu sendo zambujeiro, foste enxertado, em lugar deles, e foi feito participante da raiz e da seiva da oliveira.
v;21,Porque se Deus não poupou os ramos naturais, tem que te não poupe a ti também.
Cuidado, não confies na tua mente, ela pode te trair. 


Abraços   Ernesto

Washington Ruiz
- Davi / Abigail -
- Davi / Abigail -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 597
Idade : 67
Cidade/Estado : Manaus/Amazonas
Religião : Cristã
Igreja : Igreja do CRENTE
País : Brasil
Mensagens Curtidas : -41
Pontos de participação : 1419
Data de inscrição : 15/10/2014

Re: Arrebatamento e segunda vinda; dois eventos distintos?

Mensagem por Washington Ruiz em Seg 02 Abr 2018, 11:18

Olá, Edison,

Acho, meu irmão, apenas acho, que devemos tratar com mais seriedade os assuntos de fé. Só isso.

Eu não o condeno por usar frases banais, irmão, mas o repreendo por você ter crenças que negam o ensino que está escrito, porém, sempre digo: cada um crê no que quiser.

Sempre estou de bom humor, sabia?

Até mais!

Washington Ruiz
- Davi / Abigail -
- Davi / Abigail -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 597
Idade : 67
Cidade/Estado : Manaus/Amazonas
Religião : Cristã
Igreja : Igreja do CRENTE
País : Brasil
Mensagens Curtidas : -41
Pontos de participação : 1419
Data de inscrição : 15/10/2014

Re: Arrebatamento e segunda vinda; dois eventos distintos?

Mensagem por Washington Ruiz em Seg 02 Abr 2018, 11:25

Olá, Ernesto,

Está escrito, meu querido irmão defensor do deus dos católicos, que Deus, não o trino, mas o Deus que é somente o Pai, que ele é pai de todos nós, inclusive de Satanás, que está conseguindo lhe enganar novamente (At 4.24 Ouvindo isto, unânimes, levantaram a voz a Deus e disseram: Tu, Soberano Senhor, que fizeste o céu, a terra, o mar e tudo o que neles há).

Nunca lhe desrespeitei, irmão, pelo contrário.

Deus é pai de todos os anjos do Céu, Ernesto, inclusive de Satanás, que foi criado quando todos os anjos filhos de Deus foram criados (EZ 28.15 Perfeito eras nos teus caminhos (Satanás foi criado perfeito), desde o dia em que foste criado, até que se achou iniquidade em ti), ou será que você acha que Deus não é Pai de Satanás?

Quando digo que já fomos anjos e que já estivemos no Céu não é para lhe ofender, pelo contrário. Crer que já estivemos nos céus é para mim motivo de HONRA, pois significa que também fomos criados perfeitos, porém,

Tudo isso faz parte do plano de Deus, pois o Pai sabia que seríamos enganados, e que teríamos de sair do Céu, e que teríamos de viver na Terra, nascidos de mulher, e que estávamos predestinados a sermos dados ao Filho (adotados), que foi quem nos adotou como filhos da reconciliação.

Até anjos da estirpe de Jó foram enganados, Ernesto. Jó, no entanto, devido o seu pecado no Céu ter sido tão pequeno, quase insignificante, não era para ele ter nascido de mulher, posto que a sua existência na Terra não era para ultrapassar o seu nascimento carnal, quer dizer,

Jó, que também era um anjo que tinha estado no Céu, deveria ter morrido ainda no ventre de sua mãe, que, mesmo assim, morrendo no ventre de sua mãe, sem ter feito em carne praticamente nada para merecer o perdão de Deus, mesmo assim seria considerado reconciliado com o Pai, porém,

Deus quis que Jó não morresse no ventre de sua mãe e que nascesse de mulher e crescesse até a idade adulta (Jó 3.11 Por que não morri eu desde a madre? E em saindo do ventre, não expirei?), a fim de nos mostrar que todos os anjos enganados, para merecerem o perdão do Pai, têm de ser colocados na Terra.

É Deus quem determina que os anjos enganados morram ou não no ventre de sua mãe; é Deus quem determina o tempo de vida que devemos ter na Terra; é Deus quem determina as ordens que temos de obedecer, porém, quem determina o que temos de obedecer somos nós mesmos, irmão, por isso,

Se você continuar negando que o Pai sozinho não possa nos salvar; se você continuar crendo no deus que a católica inventou, de maneira nenhuma você conseguirá a sua justificação, porém, não digo isso para lhe ofender, pelo contrário.

Não confie no deus trino, ele é um deus que não pode salvar ninguém que a ele se prostre: Está es-crito!
=
Sobre a adoção.

Somos filhos do Pai (e não do trino), porém, é o Filho, criado no haja luz, quem nos veio adotar como filhos. Me perdoe a sinceridade, mas é você que está se confundindo todo.

Até mais!
avatar
Ernesto
- Áqüila / Priscila -
- Áqüila / Priscila -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 1397
Idade : 88
Cidade/Estado : Limeira. SP
Religião : crista
Igreja : evangelica
País : brasil
Mensagens Curtidas : 193
Pontos de participação : 3941
Data de inscrição : 26/11/2014

Re: Arrebatamento e segunda vinda; dois eventos distintos?

Mensagem por Ernesto em Seg 02 Abr 2018, 15:23

Washington diz?
Olá, Ernesto,

Está escrito, meu querido irmão defensor do deus dos católicos, que Deus, não o trino, mas o Deus que é somente o Pai, que ele é pai de todos nós, inclusive de Satanás, que está conseguindo lhe enganar novamente (At 4.24 
Ouvindo isto, unânimes, levantaram a voz a Deus e disseram: Tu, Soberano Senhor, que fizeste o céu, a terra, o mar e tudo o que neles há).
 
Ernesto responde:
 
Para começar; Eu vejo que tu te enrolas sempre mais, Para te ajudar sair deste emaranhado de bobagens, ( que nós chamamos de maionese) Eu te pergunto: Um automóvel tem Pai? Não? Mas, ele teve um criador, e como fica, Se o criador do automóvel não é pai dele, então porque tu afirmas que Deus é pai de tudo que criou?     
 
Washington diz?
 
Deus é pai de todos os anjos do Céu, Ernesto, inclusive de Satanás, que foi criado quando todos os anjos filhos de Deus foram criados (EZ 28.15 Perfeito eras nos teus caminhos (Satanás foi criado perfeito), desde o dia em que foste criado, até que se achou iniquidade em ti), ou será que você acha que Deus não é Pai de Satanás? 
 
Ernesto responde:
 
Apocalipse 5:13. E ouvi a toda a CRIATURA que está no céu, e na terra, e debaixo da terra, e que está no mar, e a todas as coisas que neles há, dizer: Ao que está assentado sobre o trono, e ao Cordeiro, sejam dadas ações de graças; e honra, e glória, e poder para todo o sempre.
O que me dizes, vais rasgar este verso da tua bíblia?
 
Washington diz?
 
Quando digo que já fomos anjos e que já estivemos no Céu não é para lhe ofender, pelo contrário. Crer que já estivemos nos céus é para mim motivo de HONRA, pois significa que também fomos criados perfeitos, porém,
Tudo isso faz parte do plano de Deus, pois o Pai sabia que seríamos enganados, e que teríamos de sair do Céu, e que teríamos de viver na Terra, nascidos de mulher, e que estávamos predestinados a sermos dados ao Filho (adotados), que foi quem nos adotou como filhos da reconciliação.


Ernesto responde
 
Eu vejo que a imaginação da tua mente é muito fértil.
Quem foi que te ensinou estas bobagens? Parece que nunca lestes no Genesis 2:7, que nós fomos criados do pó da terra, e, isso aconteceu no sexto dia da criação; antes disso o homem não existia, e como tu podes afirmar uma doutrina tão anti- bíblica?
Eu nem vou me dar ao trabalho de te dizer sobre a origem do nosso planeta, por mais que alguém te ensina vc. já está com a consciência cauterizada, tu só pensas de levar a outros esta doutrina tão sem pé e sem cabeça.


Washington diz?
 
Até anjos da estirpe de Jó foram enganados, Ernesto. Jó, no entanto, devido o seu pecado no Céu ter sido tão pequeno, quase insignificante, não era para ele ter nascido de mulher, posto que a sua existência na Terra não era para ultrapassar o seu nascimento carnal, quer dizer, Jó, que também era um anjo que tinha estado no Céu, deveria ter morrido ainda no ventre de sua mãe, que, mesmo assim, morrendo no ventre de sua mãe, sem ter feito em carne praticamente nada para merecer o perdão de Deus, mesmo assim seria considerado reconciliado com o Pai, porém,
 
Ernesto diz:
 
Brrrrr, até me dá arrepios só de ler, coisas que eu nem sei o nome que eu posso dar á essa coisa.

Washington diz?
 
É Deus quem determina que os anjos enganados morram ou não no ventre de sua mãe; é Deus quem determina o tempo de vida que devemos ter na Terra; é Deus quem determina as ordens que temos de obedecer, porém, quem determina o que temos de obedecer somos nós mesmos, irmão, por isso,
 
Ernesto responde;
 
Enquanto vc. não largar esta doutrina tão sem pé e sem cabeça  Eu não vou mais te responder, só um conselho que te dou. Leia II Pedro 2:4, Porque, se Deus não perdoou aos anjos que pecaram, mas, havendo os lançado no inferno, os entregou ás cadeias de escuridão, ficando reservados para o Juízo.
Quem foi que te ensinou o contrario? Cuidado com Satanás, (que tu chamas de teu irmão).
Assim como ele Enganou Eva no paraíso está enganando a ti também. Ele fica muito contente de alguém o reconhecer como irmão. rsrsrrsrsrsrs.
 
Washington diz?
 
Sobre a adoção.

Somos filhos do Pai (e não do trino), porém, é o Filho, criado no haja luz, quem nos veio adotar como filhos. Me perdoe a sinceridade, mas é você que está se confundindo todo.


Ernesto Pergunta?
 
Uaiiiii só agora vc achou na bíblia que vc. é apenas filho adotivo?
 
Abraços    Ernesto

Washington Ruiz
- Davi / Abigail -
- Davi / Abigail -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 597
Idade : 67
Cidade/Estado : Manaus/Amazonas
Religião : Cristã
Igreja : Igreja do CRENTE
País : Brasil
Mensagens Curtidas : -41
Pontos de participação : 1419
Data de inscrição : 15/10/2014

Re: Arrebatamento e segunda vinda; dois eventos distintos?

Mensagem por Washington Ruiz em Ter 03 Abr 2018, 09:22

Olá, Ernesto,

Eu interpreto que Deus seja o criador de todas as criaturas que existem, tanto das que serão salvas, que são as que creem que Deus seja somente o Pai, como das que não serão salvas, que são as que creem que Deus não é somente o Pai.
=
Os escritos de Ap 5.13 estão se passando no SÉTIMO DIA, e se referindo ao Julgamento de Justificação, que será quando os verdadeiros crentes que nasceram de mulher se farão presentes para ganhar do Pai o galardão da vida eterna.

Quem são, porém, todas as criaturas que estarão presentes no Julgamento de Justificação, conforme rezam os escritos de Ap 5.13?

Será que as almas dos injustos (que são as almas dos que não serão justificados) também se farão presentes nesse Julgamento, posto que está escrito que “TODA criatura que há no céu e sobre a terra, debaixo da terra e sobre o mar, e tudo o que neles há”, estarão louvando ao Pai e ao Filho?

Eu acho (interpreto) que somente as almas dos que serão justificados estarão presentes nesse dia. E você, Ernesto, como interpreta os escritos desse versículo?

Até mais!
avatar
Ernesto
- Áqüila / Priscila -
- Áqüila / Priscila -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 1397
Idade : 88
Cidade/Estado : Limeira. SP
Religião : crista
Igreja : evangelica
País : brasil
Mensagens Curtidas : 193
Pontos de participação : 3941
Data de inscrição : 26/11/2014

Re: Arrebatamento e segunda vinda; dois eventos distintos?

Mensagem por Ernesto em Ter 03 Abr 2018, 11:13

Washington diz?



Eu acho (interpreto) que somente as almas dos que serão justificados estarão presentes nesse dia. E você, Ernesto, como interpreta os escritos desse versículo?


Ernesto responde:


Vc. escorrega como um bagre ensaboado, nosso assunto é sobre filhos ou criaturas de Deus, Deus só tem UM FILHO UNIGÊNITO, 
os outros todos são criaturas, Deus em sua misericórdia recebe os cristãos, aqueles que recebem a Jesus como seu Salvador, a estes Deus recebe por filhos adotivos. os outros seres viventes continuam sendo criaturas.

Abraços   Ernesto

Washington Ruiz
- Davi / Abigail -
- Davi / Abigail -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 597
Idade : 67
Cidade/Estado : Manaus/Amazonas
Religião : Cristã
Igreja : Igreja do CRENTE
País : Brasil
Mensagens Curtidas : -41
Pontos de participação : 1419
Data de inscrição : 15/10/2014

Re: Arrebatamento e segunda vinda; dois eventos distintos?

Mensagem por Washington Ruiz em Qua 04 Abr 2018, 11:26

Olá, Ernesto,

Sim, irmão, eu creio que Jesus seja o FILHO ÚNICO do Pai, porém, entendo que um filho descende de um pai, por isso, a existência de um pai tem de ser anterior da de um filho, isto é,

Todos nós que fomos criados pelo Pai somos CRIATURAS de Deus, vindas do Pai, criadas pelo Pai, inclusive a pessoa do Filho Único, pois, se assim não fosse, como ficariam os escritos de At 4.24, que rezam que o Pai é o criador de tudo que existe (Ouvindo isto, unânimes, levantaram a voz a Deus e disseram: Tu, Soberano Senhor, que fizeste o céu, a terra, o mar e tudo o que neles há)?

Repito, não seremos adotados pelo Pai, mas pelo Filho, porém, apesar disso estar escrito você não aceita, não é?

Até mais!
avatar
Ernesto
- Áqüila / Priscila -
- Áqüila / Priscila -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 1397
Idade : 88
Cidade/Estado : Limeira. SP
Religião : crista
Igreja : evangelica
País : brasil
Mensagens Curtidas : 193
Pontos de participação : 3941
Data de inscrição : 26/11/2014

Re: Arrebatamento e segunda vinda; dois eventos distintos?

Mensagem por Ernesto em Qua 04 Abr 2018, 12:54

Washington diz;

Repito, não seremos adotados pelo Pai, mas pelo Filho, porém, apesar disso estar escrito você não aceita, não é?

Ernesto responde;

A Bíblia diz que se somos filhos de Deus, logo também somos seus herdeiros, e co-herdeiros com Cristo (Romanos 8:17; Gálatas 4:6-7)


Dê a passagem da tua mensagem


Abraços    Ernesto

Washington Ruiz
- Davi / Abigail -
- Davi / Abigail -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 597
Idade : 67
Cidade/Estado : Manaus/Amazonas
Religião : Cristã
Igreja : Igreja do CRENTE
País : Brasil
Mensagens Curtidas : -41
Pontos de participação : 1419
Data de inscrição : 15/10/2014

Re: Arrebatamento e segunda vinda; dois eventos distintos?

Mensagem por Washington Ruiz em Qui 05 Abr 2018, 10:11

Olá, Ernesto,

Quando o Pai criou os três terços (3/3) dos anjos e os colocou no Céu, todos os filhos que ele tinha de criar passaram a existir, porém,

Dois terços (2/3) desses filhos, pela obediência a que estavam sujeitos, ganharam o direito de viver lá eternamente, porém, um terço (1/3) desses filhos, por terem se deixado enganar lá no Céu, quebrando a conciliação com o Pai, perderam o direito de continuar vivendo lá, porém, não perderam a condição de filhos.

Deus seria injusto, se tivesse criado uns filhos para viver no Céu (os anjos) e outros, de menor merecimento (os homens), para viver fora do Céu, na Terra, pois isso seria o mesmo que fazer ACEPÇÃO DE PESSOAS, que é um comportamento que Deus não tem.

Se fosse o Pai que tivesse de nos adotar, teríamos de ser levados para o Céu, para vivermos juntos com os seus filhos de lá, com os anjos, porém,

Como não seremos levados ao Céu, para vivermos de novo com o Pai, pelo contrário, Jesus é que voltará de lá para cá, para viver aqui conosco a eternidade material dos dias de 24 horas, então, quem nos adotará será o Filho, que é com quem viveremos, e não o Pai.

Enfim, Jesus veio (foi enviado) à Terra para adotar para si todos os que tinham sido enganados no Céu (Mt 18.11 Porque o Filho do homem veio salvar o que se tinha perdido).

A aversão de Deus ao pecado, à desobediência, é tão grande que ele não poupou o seu Filho Único do sofrimento que ele teria de passar pelo nosso resgate, pela nossa adoção, isto é,

A moeda usada para Jesus nos comprar (nos resgatar), imposta pelo Pai, foi o sofrimento (Mt 20.28 tal como o Filho do homem, que não veio para ser servido, mas para servir e dar a sua vida em resgate de muitos).
 
Até mais!
avatar
Ernesto
- Áqüila / Priscila -
- Áqüila / Priscila -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 1397
Idade : 88
Cidade/Estado : Limeira. SP
Religião : crista
Igreja : evangelica
País : brasil
Mensagens Curtidas : 193
Pontos de participação : 3941
Data de inscrição : 26/11/2014

Re: Arrebatamento e segunda vinda; dois eventos distintos?

Mensagem por Ernesto em Qui 05 Abr 2018, 15:29

Washington Ruiz diz


Deus seria injusto, se tivesse criado uns filhos para viver no Céu (os anjos) e outros, de menor merecimento (os homens), para viver fora do Céu, na Terra, pois isso seria o mesmo que fazer ACEPÇÃO DE PESSOAS, que é um comportamento que Deus não tem.

Se fosse o Pai que tivesse de nos adotar, teríamos de ser levados para o Céu, para vivermos juntos com os seus filhos de lá, com os anjos, porém,


Ernesto responde


Meu caro irmão; permita dizer-lhe que tu estás cheio de achismos, crias histórias que não condizem com a verdade bíblica, isto chama-se falta de conhecimento
Procure ler mais a bíblia,Tu podes ter lido muito, mas, só os pontos de seu interesse. Eu te pergunto; Quantas vezes vc. leu a bíblia toda? Pelo que parece não lestes  nenhuma vez, eu digo a leitura de capa a capa. Porque em todas as mensagens demonstras falta de conhecimento bíblico.
Não conhecer , não é pecado, mas, afirmar coisas que a bíblia não diz podes ofender o próprio Criador.
Vou te dar um exemplo; 
 Tu  podes considerar Deus  injusto ao ele criar mundos com várias especies de seres viventes?. Deus criou os peixes no mar, e as aves no céu. As aves não podem viver na água, e os peixes não podem voar, onde vc encontra injustiça  nesta criação? Há algum mal nisso?
Tu fazes um emaranhado nas tuas colocações que ninguém  pode pegar o fio da meada para saber onde tu queres chegar; Misturas a criação dos anjos e as dos homens, fazes uma mistura que não tem pé nem cabeça.
Segundo a tua interpretação Deus criou Jesus quando criou este mundo, dizes que foi no verso 3, do capitulo um do Gênesis ¨Haja luz¨ .Mas, te esqueces que Deus criou todo universo através do verbo (Cristo)  João 1::1-3, E quando esta  luz para a terra foi criada ja existia a terra, que era apenas  um abismo sem forma e vazia. Deus é luz e desta luz deriva todas as luzes do universo.
Tu te esqueces que  trilhões de eras que já passaram da eternidade  ja existia o céu com seus anjos. Não temos nem jeito de comparar, mas se pudéssemos comparar a era da criação dos anjos no céu, com a criação do homem, então  poderíamos dizer que o homem foi criado na semana passada, de tamanha distancia entre a criação do homem com a dos anjos.
Nós nascemos e vivemos em um mundo de dor e lagrimas, mas, Deus ja nos disse a razão de todo esse sofrimento, mas, não foi ele o culpado; infelizmente foram nossos primeiros pais que não souberam valorizar a beleza que Deus havia criado para nós, e, hoje estamos vivendo nas consequências que nossos primeiros pais aprontaram.
Contente-se porque Deus em seu amor proveu um meio de algum dia nós podermos ter uma vida de eterna felicidade, a morada que Jesus nos foi preparar João 14:3,                                                  
Abraços  Ernesto

Washington Ruiz
- Davi / Abigail -
- Davi / Abigail -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 597
Idade : 67
Cidade/Estado : Manaus/Amazonas
Religião : Cristã
Igreja : Igreja do CRENTE
País : Brasil
Mensagens Curtidas : -41
Pontos de participação : 1419
Data de inscrição : 15/10/2014

Re: Arrebatamento e segunda vinda; dois eventos distintos?

Mensagem por Washington Ruiz em Sex 06 Abr 2018, 12:36

Olá, Ernesto,

Li a bíblia várias vezes, amigo, porém, no começo do meu aprendizado, pensava como você, pois naquele tempo, conforme meus pais tinham me ensinado, eu pensava e tinha como deus o trino, porém,

Foram os próprios ensinos escritos que me fizeram, graças a Deus, deixar de crer no trino e passar a ter por Deus somente o Pai, que é o que falta acontecer com você, porém, se isso não acontecer, é porque Deus não quer ter você como filho. É assim que penso: Tudo provém de Deus (2Co 5.18 Ora, TUDO PROVÉM DE DEUS, que nos reconciliou consigo mesmo, por meio de Cristo e nos deu o ministério da reconciliação).
=
Sim, irmão, a existência de Jesus, em Gn 1.3. foi o primeiro ato da criação de Deus, e essa interpretação encontra apoio nos escritos de Ap 3.14, que confirmam (atestam) que foi criando (trazendo à existência) Jesus que Deus começou a sua criação  (Ap 3.14 Ao anjo da igreja em Laodiceia escreve: Estas cousas diz o Amém, a testemunha fiel e verdadeira, O PRINCÍPIO DA CRIAÇÃO DE DEUS), quer dizer, você tem de acreditar no que está escrito, irmão.
=
Se a terra já existisse antes da criação da luz, que é como você interpreta, os escritos de Ap 3.14 estariam errados, irmão, por isso,

Será que você pode me dizer como interpreta os escritos de Ap 3.14? Obrigado!
=
Entenda, irmão, os escritos de Gn 1.1 e 2 como sendo o PREFÁCIO da criação de Deus, mas, a narrativa SEQUENCIAL da criação só começa mesmo em Gn 1.3.
=
Sim, irmão, os dias de Deus são diferentes dos dias dos homens, isto é, para os homens, os seus dias têm a duração de 24 horas, porém, os dias de Deus têm uma duração diferente, tanto é que o sétimo dia jamais terá fim.
=
Você está jogando a culpa de nossos pecados nos nossos antepassados, pois disse: “infelizmente foram nossos primeiros pais que não souberam valorizar a beleza que Deus havia criado para nós, e, hoje estamos vivendo nas consequências que nossos primeiros pais aprontaram”, porém, essa sua interpretação está INCORRETA, pois fere os escritos de Jo 9.1-3, isto é,

Quando os discípulos perguntaram a Jesus se aquele homem havia nascido cego (Jo 9.1-2) por culpa de seus pecados ou por culpa dos pecados de seus pais, Jesus lhes respondeu (Jo 9.3): “NEM ELE pecou, NEM SEUS PAIS; mas foi para que se manifestem nele as obras de Deus”, quer dizer, quem interpreta errado os escritos de Deus, meu irmão, é você, que entende tudo errado, pois crê no deus dos católicos.
=
Já está passando da hora, irmão, de você se prostrar a Deus, ao que é somente o Pai, e lhe pedir compreensão para os ensinos que estão escritos, porém,

Peça a Deus somente bênçãos espirituais, pois, se você fizer como seus irmãos evangélicos, que só buscam em Deus coisas materiais, jamais Deus lhe dará a compreensão que lhe falta ter.

Até mais!
avatar
Ernesto
- Áqüila / Priscila -
- Áqüila / Priscila -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 1397
Idade : 88
Cidade/Estado : Limeira. SP
Religião : crista
Igreja : evangelica
País : brasil
Mensagens Curtidas : 193
Pontos de participação : 3941
Data de inscrição : 26/11/2014

Re: Arrebatamento e segunda vinda; dois eventos distintos?

Mensagem por Ernesto em Sex 06 Abr 2018, 14:44

Ernesto diz:

Olá Washington Ruiz vc. solta tanta batatada que nem sei se vou rir, ou de sentir pena do teu comportamento, tu queres dar uma de professor das coisas que não tens a minima noção, porque estás longe do conhecimento.
Fique com o teu bla bla bla que não vou mais te responder.

Passe bem.

Washington Ruiz
- Davi / Abigail -
- Davi / Abigail -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 597
Idade : 67
Cidade/Estado : Manaus/Amazonas
Religião : Cristã
Igreja : Igreja do CRENTE
País : Brasil
Mensagens Curtidas : -41
Pontos de participação : 1419
Data de inscrição : 15/10/2014

Re: Arrebatamento e segunda vinda; dois eventos distintos?

Mensagem por Washington Ruiz em Dom 08 Abr 2018, 09:46

Olá, Ernesto,

Eu compreendo o seu estado de espírito, querendo me ofender (solta tanta batatada), mas eu, simplesmente, estou defendendo a interpretação que tiro dos escritos de Deus (o que é somente o Pai), enquanto que você, que diz que não é católico, mas que tem o mesmo deus deles, está defendendo a sua, isto é,

Para você conseguir me calar, basta que você apresente UM SÓ VERSÍCULO que a minha interpretação esteja infringindo, assim como já mostrei inúmeros versículos que a sua interpretação fere.

Já faz tempo que defendo e prego a exclusividade de obediência ao Evangelho e a imprescindibilidade de termos por Deus somente o Pai.

Comecei essa pregação por volta do ano de 73 ou 74, bem novo, ainda solteiro, mas foi somente no ano de 86, já casado, quando eu já tinha 36, que eu consegui ouvir um jovem, depois de me ouvir falar (o assunto daquela pregação era sobre o significado de Natanael (Jo 1.48) estar debaixo da figueira, no meio de outros que me contestavam, dizer: FAZ SENTIDO o que o senhor está dizendo.

Eu fazia as minhas pregações nas casas de todos os que me convidavam a lhes explicar melhor o meu entendimento e, nesse dia, um jovem de uns 20 anos, que era amigo do filho do dono da casa, e que me ouviu pregando sem ter ido para lá para me ouvir, dizer, repito: para mim, FAZ SENTIDO o que ele está dizendo.

Todos se voltaram para o rapaz, que disse, com todo o respeito que os jovens tinham com os mais velhos: Eu acho que ele está certo. Só isso!

Ninguém notou, ou fingiram não notar, mas eu, depois de ouvir o que disse o rapaz, de nome Márcio, fiquei extasiado de alegria, enfim,

Sempre que me pronuncio, em qualquer lugar, seja numa pregação virtual ou pessoal, tenho sempre a esperança de ouvir alguém dizer sobre o meu ensino: FAZ SENTIDO!

Até mais!
avatar
Vasuilvan
MODERADOR
MODERADOR

Status : no perfil, defina seu status.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 3272
Idade : 47
Cidade/Estado : BRASÍLIA
Religião : CRISTÄO
Igreja : ADVENTISTA DO SÉTIMO DIA
País : BRASIL
Mensagens Curtidas : 151
Pontos de participação : 10691
Data de inscrição : 17/11/2011

Re: Arrebatamento e segunda vinda; dois eventos distintos?

Mensagem por Vasuilvan em Dom 08 Abr 2018, 14:44


Washington, faz sentido...

Mas precisa melhorar, viu?!...
avatar
Ernesto
- Áqüila / Priscila -
- Áqüila / Priscila -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 1397
Idade : 88
Cidade/Estado : Limeira. SP
Religião : crista
Igreja : evangelica
País : brasil
Mensagens Curtidas : 193
Pontos de participação : 3941
Data de inscrição : 26/11/2014

Re: Arrebatamento e segunda vinda; dois eventos distintos?

Mensagem por Ernesto em Seg 09 Abr 2018, 09:23

Ernesto diz;

Olá Washington,


¨Faz sentido¨ quando tu vens com humildade, mas, quando afirmas certas inverdades então não ¨faz sentido¨


Exemplo; Tu dizes:Que estás  defendendo a interpretação que tiras dos escritos de Deus (o que é somente o Pai), enquanto que eu, que digo que não sou católico, mas que tenho o mesmo deus deles, 


Esta ¨não faz sentido¨ é uma inverdade que estás pregando, eu nunca aceitei a doutrina católica. Eu tenho O Pai como nosso Deus, A Jesus meu Redentor, e o Espirito Santo meu conselheiro.
Mas, uma coisa que eu defendo e tenho provado tantas vezes na bíblia, e pelo que parece és  tu que não podes compreender esse mistério; que as três pessoas são a mesma família divina, Jesus sendo filho do Pai divino; é lógico que ele faz parte da mesma arvore genealógica divina do Pai. Mas, isso vc, não entende.


Seja humilde, e não venha com arrogância, que podemos continuar nossos diálogos, do contrario nada feito;


Abraços   Ernesto

Conteúdo patrocinado

Re: Arrebatamento e segunda vinda; dois eventos distintos?

Mensagem por Conteúdo patrocinado


    Data/hora atual: Sex 20 Abr 2018, 09:23