F.E. A Doutrina de Jesus Cristo.

--------------------------------------
OLÁ, SEJA BEM VINDO AO FÓRUM EVANGELHO.

CASO DESEJE PARTICIPAR DE DEBATES FAÇA SEU REGISTRO.

ESTE FÓRUM É ABERTO A PESSOAS DE TODOS OS CREDOS.

SE PREFERIR SER APENAS UM LEITOR, ACOMPANHE AS POSTAGENS.

"Conheçamos e prossigamos em conhecer a YHVH ( י ה ו ה )..." (Oséias 6.3)

Norberto
Administrador do Fórum Evangelho

Fórum evangélico, aberto à participação de pessoas de qualquer credo ou religião.


Qual é o seu maior medo?

Compartilhe

Tzaruch
- Áqüila / Priscila -
- Áqüila / Priscila -

Número de Mensagens : 5355
Data de inscrição : 04/11/2014

Re: Qual é o seu maior medo?

Mensagem por Tzaruch em Dom 09 Out 2016, 22:04

.
Olá Clébio.


Clébio escreveu:Para mim, o câncer é um medo, perder a salvação juntamente com minha família, 
também é um medo,
entre outras coisas naturais e próprias do ser humano...

Isso não é bem um medo,, isso é mais falta de FÉ.

.

Tzaruch
- Áqüila / Priscila -
- Áqüila / Priscila -

Número de Mensagens : 5355
Data de inscrição : 04/11/2014

Re: Qual é o seu maior medo?

Mensagem por Tzaruch em Ter 21 Mar 2017, 05:25

.
Resposta à Mensagem Nº13

Olá Clébio.

Clébio escreveu:Como somos meros seres humanos dotados de sentimentos, incluindo o medo, temos medo de muita coisa...

E você ainda continua com medo de perder a salvação ?

No amor não há temor,
antes o perfeito amor lança fora o temor;
porque o temor tem consigo a pena,
e o que teme não é perfeito em amor.
-1 João 4:18 ACF-



avatar
Clébio
- Áqüila / Priscila -
- Áqüila / Priscila -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 1004
Idade : 42
Cidade/Estado : Belo Horizonte - MG
Religião : Cristã
Igreja : Adventista do 7º Dia
País : Brasil
Mensagens Curtidas : 101
Pontos de participação : 1893
Data de inscrição : 11/02/2014

Re: Qual é o seu maior medo?

Mensagem por Clébio em Qua 22 Mar 2017, 06:26

Tzaruch escreveu:
E você ainda continua com medo de perder a salvação ?

Claro, eu sou humano e pecador, e você é pecador?

“Tornando a retirar-se, orou de novo, dizendo: Meu Pai, se não é possível passar de mim este cálice sem que eu o beba, faça-se a tua vontade”. (Mateus 26:39) Agora, Lucas 22:42: “… Pai, se queres, passa de mim este cálice; contudo, não se faça a Minha vontade, e sim a Tua”.

Cristo sentiu muita angústia por ter sido colocada sobre Ele toda a culpa dos pecados da humanidade; teve MEDO de separar-se do Pai não por covardia mais sim porque os pecados da humanidade lhe trouxeram esta horrível sensação de separação (nesse sentido foi separado do Pai por causa dos nossos pecados).

Max Sensi
- Moisés / Zípora -
- Moisés / Zípora -

Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 266
Idade : 33
Cidade/Estado : Rio de Janeiro/RJ
Religião : Evangélico
Igreja : IEAD
País : Brasil
Mensagens Curtidas : 14
Pontos de participação : 569
Data de inscrição : 07/10/2013

Re: Qual é o seu maior medo?

Mensagem por Max Sensi em Qua 22 Mar 2017, 10:49

Muito bem Clébio. Todos nós sentimos medo por sermos pecadores e por estar vivendo num mundo de pecado (seria impossível não sentir medo), ainda que se tenha certeza da salvação.

Eu sinto medo de estar nesse mundo. Eu, como cristão, discordo de todo esse mundo, e apesar de saber que é uma lição de vida para sempre (viver e sofrer aqui para gozar na eternidade), sinto medo, acho que mais receio, de não conseguir vencer o mundo. Mas o importante é confiarmos em Deus e saber que mesmo sentido medo vamos vencer.
avatar
Christiano
- Abraão / Sara -
- Abraão / Sara -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 170
Idade : 41
Cidade/Estado : Assis, SP
Religião : catolicismo
Igreja : Igreja Católica Apostólica Romana
País : Brasil
Mensagens Curtidas : 1
Pontos de participação : 321
Data de inscrição : 17/12/2008

Re: Qual é o seu maior medo?

Mensagem por Christiano em Qua 22 Mar 2017, 14:53

Goncaze escreveu:Mesmo assim, Convidado, qual é o seu maior medo?
Tenho medo de ter uma morte violenta, tipo, acidente de carro, moto, avião, etc., ser morto por alguém. Já até sonhei uma vez que duas posses pararam de moto do meu lado na rua e a pessoa que estava pilotando a moto me deu um tiro no peito. Lembro até local onde isso aconteceu no sonho.
avatar
Tzaruch
- Áqüila / Priscila -
- Áqüila / Priscila -

Status : Na Paz.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 5355
Idade : 45
Cidade/Estado : Ilha
Religião : DEUS
Igreja : As 7 Igrejas
País : Na Terra.
Mensagens Curtidas : 123
Pontos de participação : 11418
Data de inscrição : 04/11/2014

Re: Qual é o seu maior medo?

Mensagem por Tzaruch em Qui 23 Mar 2017, 02:28

.
Olá Clébio.


Clébio escreveu:
Tzaruch escreveu:
E você ainda continua com medo de perder a salvação ?

-Clébio-
Claro,

Então você continua a ter falta de fé em relação à salvação.

Clébio escreveu:eu sou humano e pecador,

Humano e pecador não é "desculpa" para dizer que tem medo de perder a salvação,
e isto porque em momento algum JESUS ensinou ou pediu tal coisa.

Pelo contrário
, entende-se que esse medo vem da dúvida, duvida essa que não entra na FÉ.

Clébio escreveu:e você é pecador?

Todos já pecaram, qual é a sua dúvida ?

Acaso isso justificaria o seu medo (falta de FÉ) acerca da salvação ?


Clébio escreveu:
“Tornando a retirar-se, orou de novo, dizendo:
Meu Pai, se não é possível passar de mim este cálice sem que eu o beba, faça-se a tua vontade”. (Mateus 26:39)
Agora,
Lucas 22:42: “… Pai, se queres, passa de mim este cálice; contudo, não se faça a Minha vontade, e sim a Tua”.

Cristo sentiu muita angústia por ter sido colocada sobre Ele toda a culpa dos pecados da humanidade;

CRISTO sabia exatamente aquilo que o esperava, e a angústia foi por saber que iria
enfrentar todo aquele sofrimento
conforme estava descrito nas profecias.

E angústia não é sequer sinônimo de medo.


Clébio escreveu:teve MEDO de separar-se do Pai

Do quê é que você está a falar Clébio ?

Onde está escrito que JESUS teve medo de alguma coisa ?


Ou ainda, onde está escrito que JESUS teve medo de separar-se do Pai ?

Será que você não percebeu que inventou coisas que não estão na Bíblia só para
tentar justificar o fato de ter (falta de FÉ)
medo de perder a salvação ?


E, visto como os filhos participam da carne e do sangue,
também ele participou das mesmas coisas, para que pela morte
aniquilasse o que tinha o império da morte, isto é, o diabo;
E livrasse todos os que, com medo da morte,
estavam por toda a vida sujeitos à servidão.

-Hebreus 2:14-15 ACF-

Como poderia CRISTO ter medo se é ele quem livra os que tem medo da morte ?


Não crês tu que eu estou no Pai, e que o Pai está em mim?
As palavras que eu vos digo não as digo de mim mesmo,
mas o Pai, que está em mim, é quem faz as obras.

-João 14:10 ACF-

Como pode você dizer que JESUS CRISTO tinha medo de separar-se do Pai ?

Por acaso não acredita nessas palavras de JESUS ?


Crede-me que estou no Pai, e o Pai em mim; crede-me,
ao menos, por causa das mesmas obras.

-João 14:11 ACF-

Faz algum sentido você vir apontar coisas a JESUS CRISTO que não correspondem à verdade ?


De fato o erro inicial não é seu, mas você aproveitou as ideias dos outros e também os erros deles.

Clébio escreveu:não por covardia

Nem por covardia nem por NADA
, muito menos CRISTO teve medo de separar-se do Pai.

Porque se tal acontecesse então JESUS não teria tido FÉ em DEUS.

Então Jesus lhes disse: Todos vós esta noite vos escandalizareis em mim;
porque está escrito: Ferirei o pastor, e as ovelhas do rebanho se dispersarão.
Mas, depois de eu ressuscitar, irei adiante de vós para a Galiléia.

-Mateus 26:31-32 ACF-

Jamais CRISTO teve medo (falta de FÉ) que fosse separado do Pai,
tanto é que ele sabia que ia ser ferido E NÃO FUGIU, e também sabia
que iria ser ressuscitado.


Logo aquilo que você respondeu É IMPROCEDENTE
.


Clébio escreveu:mais sim porque os pecados da humanidade lhe trouxeram esta horrível sensação de separação

Isso é muita afronta, apontar a JESUS sensações que ele mesmo não as disse sentir.

Clébio, um dia quando estiver em frente a JESUS lembre de perguntar a ele
se por acaso ele teve essa tal "sensação" de separação em relação ao Pai,
ou se por acaso se lhe sobreveio algum medo sobre o assunto.......

Mas antes de o fazer, atente para os seguintes versos, porque se os entender,
você nem chegará a perguntar essas coisas a JESUS.

E aquele que me enviou está comigo.
O Pai não me tem deixado só,
porque eu faço sempre o que lhe agrada.

-João 8:29 ACF-

Sendo que JESUS sempre faz o que agrada ao Pai, e que o Pai não o tem deixado só,
porque teria ele MEDO de haver uma separação ????


Eis que chega a hora, e já se aproxima,
em que vós sereis dispersos cada um para sua parte,
e me deixareis só; mas não estou só, porque o Pai está comigo.

-João 16:32 ACF-

Será que foi na hora que os discípulos foram dispersos que JESUS teve MEDO ?

Como teria ele MEDO se não estava só pois o Pai está com ele ?


Como também está escrito no salmo segundo: Meu filho és tu, hoje te gerei.
E que o ressuscitaria dentre os mortos, para nunca mais tornar à corrupção,
disse-o assim: As santas e fiéis bênçãos de Davi vos darei.

-Atos 13:33-34 ACF-

Ou como poderia JESUS pensar em sentir coisas que as escrituras por si
mesmas já apontavam exatamente o contrário ?

Entretanto, reflita com atenção sobre qualquer pergunta antes de a fazer,
e mais ainda sobre as afirmações que vai dizer.


Clébio escreveu:(nesse sentido foi separado do Pai por causa dos nossos pecados).

JESUS foi separado do Pai ??.. só na sua imaginação, isso é invenção de quem
não tem entendimento e diz coisas que não estão escritas.


Tenho-vos dito isto, para que em mim tenhais paz;
no mundo tereis aflições, mas tende bom ânimo, eu venci o mundo.

-João 16:33 ACF-

JESUS até nos falou para termos bom ânimo, e apontou que venceu o mundo,
e isto ainda mesmo antes de morrer e ser ressuscitado por DEUS.

O que mostra claramente que não sentiu nem foi separado de DEUS.


E agora vou para aquele que me enviou;
e nenhum de vós me pergunta: Para onde vais?

-João 16:5 ACF-

Também JESUS falou que ia para aquele que o tinha enviado,
como pois poderia ele duvidar ou ter medo de separar-se do Pai ?

Claro que nem você nem outros responderão a essa pergunta,
porque essas conversas são EXTERIORES à Bíblia.


xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx
xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx

Entretanto Clébio, você tem essa resposta dada sobre o que postou para não ter dúvidas
que está errado
, dai que tem toda essa refutação a mostrar os erros que postou.

Mas o mais interessante de tudo é que isso nem sequer é argumentação sua,
é apenas algo que você leu num site adventista e resolveu copiar e colar como resposta.

E fez isso porque confiou nas conversas dos homens, em vez de ter confiança na Palavra de DEUS,
acabando por usar textos que não são seus, e acabou por nem sequer citar a devida fonte.


http://novotempo.com/radio/jesus-sentiu-medo-mateus-2642-e-lucas-2242-dao-a-entender-que-sim-e-ai-temos-um-problema-com-primeira-joao-418/

De seguida a sua resposta, e depois as linhas que você usou indevidamente para responder
sem link vão ficar destacadas cada uma na sua cor idêntica e no texto original.


___Clébio COPIOU___



“Tornando a retirar-se, orou de novo, dizendo: Meu Pai,
se não é possível passar de mim este cálice sem que eu o beba, faça-se a tua vontade”. (Mateus 26:39)
Agora, Lucas 22:42: “… Pai, se queres, passa de mim este cálice; contudo, não se faça a Minha vontade, e sim a Tua”.

Cristo sentiu muita angústia por ter sido colocada sobre Ele toda a culpa dos pecados da humanidade;
teve MEDO de separar-se do Pai não por covardia mais sim porque os pecados da humanidade lhe trouxeram
esta horrível sensação de separação (nesse sentido foi separado do Pai por causa dos nossos pecados).





___Do link original desde 2012___



Jesus sentiu medo? Mateus 26:42 e Lucas 22:42 dão a entender que sim.
E aí temos um problema com primeira João 4:18.

Vamos ler os textos mencionados pelo amigo ouvinte:
“Tornando a retirar-se, orou de novo, dizendo: Meu Pai,
se não é possível passar de mim este cálice sem que eu o beba, faça-se a tua vontade”. (Mateus 26:39)
Agora, Lucas 22:42: “… Pai, se queres, passa de mim este cálice; contudo, não se faça a Minha vontade, e sim a Tua”.
Jesus não possuía qualquer tipo de propensão para o mal; Ele não cometeu pecado. Mas como homem,
Ele tinha sede (João 19:28), fome (Mateus 4:2), cansaço (João 4:6), etc… A divindade e a humanidade foram misteriosamente
combinadas (Filipenses 2:9-11). Podemos dizer que Jesus, enquanto esteve na terra,
foi totalmente Deus e totalmente humano; em nenhum momento deixou Ele de ser Deus.
Não podemos entender em todos os seus aspectos a humanidade de Jesus. Em nossa limitação humana não
temos como avaliar plenamente os sentimentos de Jesus, o Deus-Homem. Se este assunto fosse importante
para a nossa salvação, Deus o teria revelado. Teremos uma eternidade pela frente para entendermos este mistério e outros mais.
Que dizer de Mateus 26:39, onde Ele pede ao Pai para que “passe dele este cálice”?
Antes, convém lembrar que em I João 4:18 está sendo feita “uma referência ao temor que é fruto da covardia”.
Não podemos isolar este texto de seu contexto e aplicá-lo a Jesus. O caso de Cristo foi bem diferente;
Ele sentiu muita angústia por ter sido colocada sobre Ele toda a culpa dos pecados da humanidade;
teve medo de separar-se do Pai não por covardia mais sim porque os pecados da humanidade lhe trouxeram
esta horrível sensação de separação (nesse sentido foi separado do Pai por causa dos nossos pecados).





Está ai, o link de onde você copiou e usou nas frases da sua própria resposta.


Tens tu fé? Tem-na em ti mesmo diante de Deus.
Bem-aventurado aquele que não se condena a si mesmo naquilo que aprova.

-Romanos 14:22 ACF-

Clébio, melhor seria você entender,, que duvidar da própria salvação é falta de FÉ,
não só em si mesmo como apontado nesse texto, mas também no que é o verdadeiro
sentido da fé, a qual não dá margem para dúvidas porque fala de certezas.


Mas você não quis entender, antes preferiu citar respostas de outros homens, nas quais
nem você nem eles mesmo entendem e percebem os erros que estão nessas frases.

Por isso é que você primeiro leu a refutação a cada ponto daquilo que copiou, e depois
no fim ficou mostrado a todos que não teve argumentação própria para responder,
e o que usou é INVÁLIDO e anti-Biblico.


Clébio escreveu:Para mim, o câncer é um medo, perder a salvação juntamente com minha família,  
também é um medo,
entre outras coisas naturais e próprias do ser humano...

Isso não é bem um medo,, isso é a falta de FÉ.

Não se turbe o vosso coração;
credes em Deus, crede também em mim.

-João 14:1 ACF-

Você deveria ouvir mais aquilo que JESUS lhe pede, que com certeza não é para você
ter medo, nem medo da morte nem medo de perder a salvação.




avatar
Clébio
- Áqüila / Priscila -
- Áqüila / Priscila -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 1004
Idade : 42
Cidade/Estado : Belo Horizonte - MG
Religião : Cristã
Igreja : Adventista do 7º Dia
País : Brasil
Mensagens Curtidas : 101
Pontos de participação : 1893
Data de inscrição : 11/02/2014

Re: Qual é o seu maior medo?

Mensagem por Clébio em Qui 23 Mar 2017, 15:06

Tzaruch escreveu:
CRISTO sabia exatamente aquilo que o esperava, e a angústia foi por saber que iria
enfrentar todo aquele sofrimento conforme estava descrito nas profecias.

E angústia não é sequer sinônimo de medo.

Você deu um tiro no pé TZARUCH.....

Você disse que ANGÚSTIA NÃO É SINÔNIMO DE MEDO, entretanto, é muito mais, veja o link abaixo:

https://www.sinonimos.com.br/angustia/

study
avatar
Clébio
- Áqüila / Priscila -
- Áqüila / Priscila -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 1004
Idade : 42
Cidade/Estado : Belo Horizonte - MG
Religião : Cristã
Igreja : Adventista do 7º Dia
País : Brasil
Mensagens Curtidas : 101
Pontos de participação : 1893
Data de inscrição : 11/02/2014

Re: Qual é o seu maior medo?

Mensagem por Clébio em Qui 23 Mar 2017, 15:09

Max Sensi escreveu:Muito bem Clébio. Todos nós sentimos medo por sermos pecadores e por estar vivendo num mundo de pecado (seria impossível não sentir medo), ainda que se tenha certeza da salvação.

Eu sinto medo de estar nesse mundo. Eu, como cristão, discordo de todo esse mundo, e apesar de saber que é uma lição de vida para sempre (viver e sofrer aqui para gozar na eternidade), sinto medo, acho que mais receio, de não conseguir vencer o mundo. Mas o importante é confiarmos em Deus e saber que mesmo sentido medo vamos vencer.

De fato amigo, concordo plenamente com você...

É isso aí...
avatar
Tzaruch
- Áqüila / Priscila -
- Áqüila / Priscila -

Status : Na Paz.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 5355
Idade : 45
Cidade/Estado : Ilha
Religião : DEUS
Igreja : As 7 Igrejas
País : Na Terra.
Mensagens Curtidas : 123
Pontos de participação : 11418
Data de inscrição : 04/11/2014

Re: Qual é o seu maior medo?

Mensagem por Tzaruch em Sex 24 Mar 2017, 04:39

.
Resposta à Mensagem Nº22

Olá Clébio.


Clébio escreveu:Você deu um tiro no pé TZARUCH.....

Ai foi ?,, e por acaso viu que o pé era o seu ?

Será que o tiro foi por copiar coisas de terceiros sem sequer citar o link ?

Ou foi um tiro por nem entender aquilo que estava a citar ?

Terá sido um tiro em cada pé por citar crenças erradas da sua denominação ?

Ou foram vários tiros em cada pé por não apontar a verdade como ela está
detalhada na Bíblia fazendo afirmações inexistentes ou contrária à mesma ?

Provavelmente foi isso tudo, mais ainda o tiro do sinônimo que não existe.,
porque se assim fosse, a própria Bíblia seria uma contradição.


Clébio escreveu:Você disse que ANGÚSTIA NÃO É SINÔNIMO DE MEDO,

E não é sinônimo, os dicionários confirmam isso.

https://www.lexico.pt/angustia/
https://www.sinonimos.com.br/medo/
https://www.lexico.pt/medo/ 
etc etc etc.....



Porque uma pessoa pode estar angustiada sem ter que estar com medo.

E apareceu-lhe um anjo do céu, que o fortalecia.
E, posto em agonia, orava mais intensamente.
E o seu suor tornou-se em grandes gotas de sangue,
que corriam até ao chão.

-Lucas 22:43-44 ACF-

JESUS estava em agonia pelo sofrimento que sabia que iria passar,
porque ir para essa situação sabendo da mesma ele precisou de CORAGEM
e não de medo como afirmou sobre ser separado de DEUS.


Também uma pessoa pode estar com medo sem estar angustiada.

Duas pessoas, onde uma ande sempre a ameaçar a outra e a dizer que
lhe vai fazer mal,
o outro poderá viver com medo, mas não sentir angústia,
e esse medo que tem pode ser tornar em ódio ou em vingança.

Quem conduz pode ter medo de ter um acidente e por isso andar devagar,
contudo esse medo não é angústia nem nada que se pareça.


Um amigo que está a ver o outro a se afogar mas não tem como o ajudar,
vai por certo sentir angústia, mas não tem medo.

Portanto, a angústia poderá OU NÃO estar acompanhada pelo medo,
dai que um termo não é sinônimo do outro.


Clébio escreveu:entretanto,

Entretanto NADA, medo não é sinônimo de angústia.

Clébio escreveu:é muito mais,

É o quê mais diga lá ?,, você por acaso tem noção daquilo que diz ?

Pensa que é só dizer que é sem conseguir mostrar ou explicar tal coisa ?

O que cita não aponta nem diz que angústia é sinônimo de medo, e se for ver
com atenção as raízes do assunto irá perceber melhor onde está a errar.




Página 82
http://www.psicopatologiafundamental.org/uploads/files/dissertacoes_e_teses/diss_alfredo_simonetti.pdf

Nesta síntese Hanns demonstra que Freud usa Angst em quatro sentidos simultâneos.

Então, qual palavra em português abarca estes quatro sentidos?

Não existe tal termo na língua portuguesa.

Desta maneira qualquer que seja a opção para traduzir Angst (angústia, ansiedade, medo, ou pânico)
vai ser sempre uma tradução manca, incompleta.

Provavelmente a melhor opção é abandonar a ideia de traduzir Angst sempre
por uma mesma palavra escolhendo palavras diferentes (angústia, medo, ansiedade e pavor)
conforme o sentido que se pode captar através do contexto no qual é usada
no texto freudiano.





Freud usava no Alemão uma só palavra para descrever quatro sentidos diferentes,
nas traduções uns usaram um sentido igual para tudo e outros diferentes sentidos,
como é o caso do Português.

Dai que o MEDO não é sinônimo de angústia nem de ansiedade nos dicionários.


Clébio escreveu:veja o link abaixo:

Você deveria era ter feito mais atenção ao que foi citado da Bíblia e que refuta
aquilo que citou da sua denominação
, porque tudo isso não passa de invenções
de homens que sem entendimento falaram de JESUS aquilo que Ele não disse.



Não crês tu que eu estou no Pai, e que o Pai está em mim?
As palavras que eu vos digo não as digo de mim mesmo,
mas o Pai, que está em mim, é quem faz as obras.

-João 14:10 ACF-

Você não crê nas palavras de JESUS não ?



E aquele que me enviou está comigo.
O Pai não me tem deixado só,
porque eu faço sempre o que lhe agrada.

-João 8:29 ACF-

Em que momento JESUS não fez o que agradava a DEUS
para que tivesse medo de haver alguma separação ?

É por estes e outros textos que as suas ideias são completamente
refutadas e negadas, pois citou afirmações de homens que falam
coisas de si mesmos, e não entendem os textos bíblicos.

E assim o erro deles tornou-se o seu erro.



O que tem esse link Clébio ?

Você não copiou nem apontou NADA DE NADA sobre o sinônimo,
nem ainda o link diz que angústia é sinônimo de medo.




Citação do link que postou.

Sinônimo de angústia
Compartilhar

44 sinônimos de angústia para 4 sentidos da palavra angústia:

Aflição:
1 ânsia, desespero, ansiedade, apreensão, preocupação, inquietude, afogo, desconsolo, agonia, aflição, tristeza.

Sofrimento:
2 calvário, amargura, provação, mortificação, dor, prova, dissabor, penar, suplício, tribulação, tortura, paixão,
 consternação, mal, padecimento, flagelo, martírio, tormento, desgosto, pesar, sofrimento.

Espaço reduzido:
3 estreitura, finura, acanhamento, estreiteza, aperto, constrição, apertura, opressão.

Carência:
4 falta, carência, necessidade, precisão.



De fato angústia tem significados que apontam sentimentos de JESUS naquela hora,
mas nenhum deles foi medo, muito menos medo da separação do Pai.


Clébio escreveu:

É, você deveria ler mais, principalmente sobre as coisas que quer afirmar,
por certo evitaria tantos "tiros nos pés".....



E eles o venceram pelo sangue do Cordeiro e pela palavra do seu testemunho;
e não amaram as suas vidas até à morte.

-Apocalipse 12:11 ACF-


Quem não ama mais a sua vida até à morte tem por acaso medo de morrer
ou sequer de ser separado de DEUS ?

Se esses apontados no texto não sentem isso, como é que JESUS poderia ter esse medo ?



Ele me invocará, e eu lhe responderei;
estarei com ele na angústia; dela o retirarei, e o glorificarei.
Fartá-lo-ei com longura de dias, e lhe mostrarei a minha salvação.

-Salmos 91:15-16 ACF-


Como ficaria a posição de JESUS tendo MEDO (falta de FÉ) sendo que nas escrituras
já tinha ficado escrito como aconteceria e aquilo que DEUS faria ?


Evidentemente que não faria sentido, por isso mesmo você errou.



Mas veja mais, e poderá comprovar o quanto afirma coisas contrárias
ao que na verdade se sabe e é entendido na língua Portuguesa.





http://www.psicologiasdobrasil.com.br/medo-angustia-estresse-ansiedade-o-que-voce-esta-sentindo-os-termos-nao-sao-sinonimos/

Medo, angústia, estresse, ansiedade: o que você está sentindo?


Os termos não são sinônimos!

As pessoas dizem:  “tenho medo de ficar sozinho” ou “fiquei estressado com meu chefe no trabalho”
ou então “estou ansioso com uma prova que vou ter na faculdade” ou ainda
“estou angustiado com meu relacionamento”, como se todas essas expressões fossem equivalentes.

Mas será que esses termos querem dizer a mesma coisa? Isto é, são todos indicativos
de um mal-estar emocional que acompanham uma mesma situação difícil?

A Psicopatologia, a disciplina que objetiva estudar os estados psíquicos relacionados ao sofrimento
emocional e corporal, estando eles ligadas a um quadro clínico ou não, valoriza a riqueza semântica dessas palavras,
ou seja, os seus diferentes significados.

O acompanhamento de milhares de pessoas portadoras de diversas formas de sofrimento psíquico ao longo de séculos permitiu
aos estudiosos deste campo – o da experiência subjetiva do humano (médicos, psicólogos, neurologistas, filósofos e educadores) –
reconhecer diferentes estados da alma, que correspondem a cada uma destas expressões
(medo, estresse, ansiedade e angústia), e tantas outras.

Assim, iniciaremos neste artigo uma primeira tentativa de aclaramento do sentido de alguns termos trabalhados na psicopatologia,
buscando com isto facilitar para aquele que sofre uma identificação mais sensível e discriminada do que está lhe afetando.



Medo
Comecemos, então, pelo medo.
O medo é uma emoção que se instala
de repente e que é ligada

a situações de ameaça eminentemente à vida biopsíquica do sujeito.
Por exemplo:


  • Um carro avança em nossa direção enquanto atravessamos na faixa – sentimos medo.
  • Recebemos um telefonema informando que um ente querido está no hospital – sentimos medo.
  • Olhamos para uma avaliação escolar e percebemos que não entendemos nada daquilo – medo.
  • Nossa mãe nos ameaça dizendo que se não nos comportarmos não falará nunca mais conosco – medo.
  • Há um monstro no armário quando meus pais me deixam no escuro – medo.
  • A pessoa amada se afasta sem explicação – medo.


A apresentação instantânea do medo, com manifestações corporais tais como tremor, mãos úmidas,
batedeira no peito e pernas bambas, é clinicamente chamada de susto.


O susto, quando atinge proporções nas quais o indivíduo sente que “vai morrer agora”, mesmo sabendo
(de modo consciente) que não há justificativa plausível para isto, é o que denominamos pânico.

Estresse
O termo estresse é derivado da biologia e é usado para denominar situações nas quais um organismo vivo –
ou parte dele – é submetido a uma sobrecarga de esforço inusual, eventualmente superior àquele que se pode suportar.

Por exemplo:

  • O uso contínuo e excessivo de álcool estressa o fígado, na medida em que é este o órgão que processa a
  • metabolização de tal substância de modo que não haja prejuízo de outros componentes do organismo (como o sistema nervoso central);
  • Levantar pesos em excesso estressa a coluna vertebral;
  • Dormir tempo insuficiente estressa o sistema nervoso central, etc.

Assim, de forma análoga, podemos falar de estresse emocional quando uma situação em nossa vida nos sobrecarrega,
emocionalmente, com uma carga de apreensão, ou sofrimento, ou trabalho psíquico que vai além do que podemos lidar –
tal como pode acontecer em um novo emprego, na maternidade, na perda de uma pessoa querida, em um desfalque financeiro, etc.


Ansiedade
Chamamos de ansiedade a experiência de apreensão ou medo de algum acontecimento que acreditamos que pode sobrevir em breve
mesmo que saibamos por experiência própria que não há motivo razoável para tamanho desconforto. O exemplo clássico é a paralisação
que alguns de nós experimenta ao ter que utilizar um elevador/ metrô/ avião, ou dirigir um carro, ou permanecer em lugares fechados
de modo geral.

Diferente do medo, que necessariamente se resolve em minutos, pois instintivamente saímos correndo ou lutamos contra a ameaça,
a ansiedade pode durar meses, anos, tornando-se uma expectativa permanente de que alguma coisa vai dar muito
errado nas próximas horas. O pensamento é constante: um ente querido vai ser atropelado, a pessoa que amo vai descobrir que sou
insuportável e me abandonar, aquela indisposição gástrica vai se revelar um câncer de estômago, etc.
A ansiedade pode ser uma companheira tão fiel e cotidiana que nos esquecemos da sua presença.

Isto acontece porque já sofremos tanto com sua companhia, que nem percebemos mais seus efeitos.
Deste modo, um colega comenta:

  • “Nossa, mas como você come rápido! Para que isso?”;
  • “Puxa, você trabalha com isso há tanto tempo! Por quê ainda fica achando que não vai dar conta das suas tarefas até o fim do mês?”;
  • “Você continua com a pressão alta, mesmo tomando tanto remédio para pressão! O que acontece?”



Angústia

Por fim, a angústia: esta é sempre uma experiência estranha não existe nenhuma preocupação
e nem nenhum pesar que estejam ligados à angústia: ela simplesmente está aí, constringindo, apertando nosso peito,
nossa garganta, pesando sobre nossos ombros ou nuca, criando um buraco no nosso estômago,
e sempre acompanhada da terrível sensação de que ela nunca mais irá embora.

A perspectiva de que não há saída, de que o tempo parou nesse inferno opressivo – eis a angústia.


Depois dessas explicações, agora provavelmente vai ficar mais fácil para você nomear
e assim conhecer um pouco melhor as experiências que constituem sua vida psíquica.



Por certo já começou a ver que não só a Palavra contradiz a sua afirmação,
como também dicionários e citações detalhadas sobre o assunto.



Portanto, agora nenhuma condenação há para os que estão em Cristo Jesus,
que não andam segundo a carne, mas segundo o Espírito.

-Romanos 8:1 ACF-

Se você está em CRISTO qual é motivo de ter medo de perder a salvação ?

Alguma coisa ainda lhe condena ou faz perder a FÉ ?


Que diremos, pois, a estas coisas?
Se Deus é por nós, quem será contra nós?
-Romanos 8:31 ACF-

Diga lá Clébio,, se DEUS é por você, quem é contra você ?



Quem nos separará do amor de Cristo?
A tribulação, ou a angústia, ou a perseguição,
ou a fome, ou a nudez, ou o perigo, ou a espada?

-Romanos 8:35 ACF-

Quem lhe faz medo ao ponto de pensar que pode ser separado da salvação ?


Porque estou certo de que, nem a morte, nem a vida,
nem os anjos, nem os principados, nem as potestades,
nem o presente, nem o porvir, Nem a altura, nem a profundidade,

nem alguma outra criatura nos poderá separar do amor de Deus,
que está em Cristo Jesus nosso Senhor.

-Romanos 8:38-39 ACF-

A sua certeza (FÉ) deve ser como a de Paulo, você pode de fato ter medos,
eles existem em todos os seres humanos, mas não deve duvidar da salvação.


Porque isso é sinal de FALTA DE FÉ,, "e que vai dar tiros no PÉ"





Conteúdo patrocinado

Re: Qual é o seu maior medo?

Mensagem por Conteúdo patrocinado


    Data/hora atual: Sex 15 Dez 2017, 06:25