F.E. A Doutrina de Jesus Cristo.

--------------------------------------
OLÁ, SEJA BEM VINDO AO FÓRUM EVANGELHO.

CASO DESEJE PARTICIPAR DE DEBATES FAÇA SEU REGISTRO.

ESTE FÓRUM É ABERTO A PESSOAS DE TODOS OS CREDOS.

SE PREFERIR SER APENAS UM LEITOR, ACOMPANHE AS POSTAGENS.

"Conheçamos e prossigamos em conhecer a YHVH ( י ה ו ה )..." (Oséias 6.3)

Norberto
Administrador do Fórum Evangelho

Fórum evangélico, aberto à participação de pessoas de qualquer credo ou religião.


Minha resposta as "40 perguntas verdadeiramente tira-teima sobre o tema da Lei Divina e do sábado"

Compartilhe

Vasuilvan
MODERADOR
MODERADOR

Número de Mensagens : 3186
Data de inscrição : 17/11/2011

Re: Minha resposta as "40 perguntas verdadeiramente tira-teima sobre o tema da Lei Divina e do sábado"

Mensagem por Vasuilvan em Qui 01 Jan 2015, 18:50

;;;;;;


J.C. disse...
Os dez mandamentos...
Hebraico - Assêret Hadibrot
Tradução literal: Dez palavras, Dez falas, Dez ditos.
Diretamente mencionado pelo nome em: Êx 38.28, Dt 4.13, Dt 10.4.



Penso que o irmão tenha se equivocado com o verso 28 de êxodo 38, o qual não faz referência aos 10 mandamentos...

mas diz assim...

Vinte quilos e trezentos gramas foram usados para fazer os ganchos para as colunas, para revestir a parte superior das colunas e para fazer as suas ligaduras.

Êxodo 38:28

Prof. Azenilto G. Brito
- Davi / Abigail -
- Davi / Abigail -

Número de Mensagens : 652
Data de inscrição : 20/01/2014

Re: Minha resposta as "40 perguntas verdadeiramente tira-teima sobre o tema da Lei Divina e do sábado"

Mensagem por Prof. Azenilto G. Brito em Qui 01 Jan 2015, 19:53


É interessante como alguns (como o autor das lições da EBD da Ig. Assembleia de Deus para o próximo trimestre--sobre os 10 Mandamentos) fazem uma “onda” sobre o termo original em Deu. 4:13 ser “dez palavras” e não “dez mandamentos”. Só que tradutores do mundo inteiro entenderam o original hebraico dâbârim perfeitamente podendo ser traduzido como “mandamentos”. Seja como for, primeiro que o próprio autor referido depois admite que “palavras” no caso poderia significa muito mais coisas, como discurso, pronunciamento, etc. Então, para que essa “onda” toda?

Segundo, que lemos em Deu. 5:22:

“Estas palavras-dâbârim falou o Senhor a toda a vossa congregação no monte, do meio do fogo, da nuvem e da escuridão, com grande voz, e nada acrescentou; e as escreveu em duas tábuas de pedra, e a mim mas deu”.

Aqui temos novamente dâbârim [palavras], mesmo termo utilizado em Deu. 4:13, com a confirmação de que Deus pronunciou-as e depois as registrou nas tábuas de pedra. Puxa, precisa dizer mais nada?

Terceiro, se recorrermos ao Novo Testamento, temos Jesus citando mandamentos do Decálogo ao jovem rico (Mat. 19:17-19), sendo que no original grego o termo básico é entolê, cuja tradução é sempre “mandamento”, quando referindo-se a preceitos do Decálogo (como em Rom. 7:8 e Efé. 6:1-3).

Então, qual é o motivo dessa “onda” toda em negar que sejam 10 Mandamentos? O fato de se PODER traduzir também como “dez palavras” não altera absolutamente NADA.
avatar
Vasuilvan
MODERADOR
MODERADOR

Status : no perfil, defina seu status.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 3186
Idade : 47
Cidade/Estado : BRASÍLIA
Religião : CRISTÄO
Igreja : ADVENTISTA DO SÉTIMO DIA
País : BRASIL
Mensagens Curtidas : 148
Pontos de participação : 10457
Data de inscrição : 17/11/2011

Re: Minha resposta as "40 perguntas verdadeiramente tira-teima sobre o tema da Lei Divina e do sábado"

Mensagem por Vasuilvan em Qui 01 Jan 2015, 22:05

;;;;;;


Catecismo Menor de Lutero...

5) Que pecados são estes?...

Examine a sua vida à luz dos dez mandamentos: se você é pai, mãe, filho, filha, patrão, patroa, empregado, empregada, se você foi desobediente, infiel, negligente, raivoso, desrespeitoso, briguento, mentiroso, se você fez mal a alguém com palavras ou ações, se roubou, descuidou ou deixou de fazer o que devia.
avatar
Vasuilvan
MODERADOR
MODERADOR

Status : no perfil, defina seu status.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 3186
Idade : 47
Cidade/Estado : BRASÍLIA
Religião : CRISTÄO
Igreja : ADVENTISTA DO SÉTIMO DIA
País : BRASIL
Mensagens Curtidas : 148
Pontos de participação : 10457
Data de inscrição : 17/11/2011

Re: Minha resposta as "40 perguntas verdadeiramente tira-teima sobre o tema da Lei Divina e do sábado"

Mensagem por Vasuilvan em Qui 01 Jan 2015, 22:37

avatar
Prof. Azenilto G. Brito
- Davi / Abigail -
- Davi / Abigail -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 652
Idade : 72
Cidade/Estado : Kaunakakai, Molokai, Havaí
Religião : Adventista do 7o. Dia
Igreja : Adventista do 7o. Dia
País : EUA
Mensagens Curtidas : 6
Pontos de participação : 1800
Data de inscrição : 20/01/2014

Re: Minha resposta as "40 perguntas verdadeiramente tira-teima sobre o tema da Lei Divina e do sábado"

Mensagem por Prof. Azenilto G. Brito em Sex 02 Jan 2015, 09:58



Ah sim, em adição ao que eu expus em meu último quadro, um amigo, que nem é “sabatista”, chamou-me a atenção ao texto de Dan. 9:25, que fala da ORDEM de edificar Jerusalém. Pois a palavra para “ordem” é dâbâr, examente a que consta de Deu. 4:13. Então, as 10 Palavras são indiscutivelmente 10 ORDENS.
 
Não há o que discutir a respeito.
avatar
Clébio
- Áqüila / Priscila -
- Áqüila / Priscila -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 1004
Idade : 42
Cidade/Estado : Belo Horizonte - MG
Religião : Cristã
Igreja : Adventista do 7º Dia
País : Brasil
Mensagens Curtidas : 101
Pontos de participação : 1893
Data de inscrição : 11/02/2014

Re: Minha resposta as "40 perguntas verdadeiramente tira-teima sobre o tema da Lei Divina e do sábado"

Mensagem por Clébio em Sex 02 Jan 2015, 14:44

Não podemos negar verdades tão claras quantas a essas pelo simples argumento que o sábado agora foi trocado para o domingo.

Ora, se o sábado é prazenteiro, nos fazendo cada dia mais reconhecedores do poder Divino Criador, por que não seguirmos em sua inteireza?

Quanta à questão que precisaria estar presente a ordem para guardar esse mandamento no Novo Testamento, nada mais é que mera falta de conhecimento e deconsideração pelo assim diz o Senhor...

De qualquer forma, vamos esperar que o J. C. responda à réplica do prof. Azenilto G. Brito, levando em consideração todos os pontos comentados na presente réplica.
avatar
Célio Saldanha
- Áqüila / Priscila -
- Áqüila / Priscila -

Status : asetimatrombeta.blogspot.com
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 781
Idade : 46
Cidade/Estado : Brasília-DF
Religião : cristão
Igreja : Tabernáculo de Cristo
País : Brasil
Mensagens Curtidas : -56
Pontos de participação : 878
Data de inscrição : 02/07/2014

Re: Minha resposta as "40 perguntas verdadeiramente tira-teima sobre o tema da Lei Divina e do sábado"

Mensagem por Célio Saldanha em Sex 02 Jan 2015, 16:03

Realmente negar o "decálogo" é uma grosseria, já que a ordem é guardar todos os mandamentos..

Agora, o verdadeiro sentido da palavra é importante em uma citação e em outra não é? O jovem rico acreditava que guardava os dez mandamentos, mas no teste, foi encontrado em falta.. qual é a diferença em nossos dias?

Se folgo sábado e domingo, sou obrigado a trabalhar no domingo? E se santifico o domingo como sendo UM sábado, também estarei errado?

Creio que os que negam os dez mandamentos, o fazem por ignorância, da mesma forma que quando santifico o dia de saturno em alusão ao sábado, cometo sacrilégio, já que a verdadeira religião não consiste em oblações ou sacrifícios ritualísticos relacionados a dias, meses, anos..
Como o sétimo ano é um sábado e ninguém guarda um ano inteiro como deveria.. então da mesma forma é o sétimo dia natural, que é o dia de saturno. cultuar o dia por se relacionar coincidentemente com o sábado judeu não significa necessariamente que se esteja guardando o sétimo dia da mesma forma que se guarda o domingo que é também um sétimo dia.
avatar
Prof. Azenilto G. Brito
- Davi / Abigail -
- Davi / Abigail -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 652
Idade : 72
Cidade/Estado : Kaunakakai, Molokai, Havaí
Religião : Adventista do 7o. Dia
Igreja : Adventista do 7o. Dia
País : EUA
Mensagens Curtidas : 6
Pontos de participação : 1800
Data de inscrição : 20/01/2014

Re: Minha resposta as "40 perguntas verdadeiramente tira-teima sobre o tema da Lei Divina e do sábado"

Mensagem por Prof. Azenilto G. Brito em Sex 02 Jan 2015, 22:12


Olá, Célio, não sei por que chama ao sábado “dia de Saturno”, quando nunca encontrei essa designação nas Escrituras. Só encontro “sábado do Senhor teu Deus”, nada a ver com Saturno.
 
Se os romanos dedicaram cada dia da semana a uma divindade, isso ocorreu MILÊNIOS depois que o povo de Deus recebeu a instrução oral, clara, em ambiente bem solene, de observar o sábado, e com razões diretas e objetivas dadas pelo próprio Deus:
 
Porque em seis dias fez o Senhor os céus e a terra, o mar e tudo que neles há, e ao sétimo dia descansou; por isso abençoou o Senhor o dia do sábado, e o santificou”.
 
Veja que há um “porque” e um “por isso” dever ser o sétimo dia, não outro qualquer, que não corresponderia ao “memorial da criação”, assim como o 8 de outubro, 9 de novembro e 10 de dezembro não memorializam a Independência do Brasil, só o 7 de setembro.
 
Quanto ao ano sabático, onde Deus pronunciou solenemente qualquer ordem a respeito para o povo? Isso não faz parte dos 10 Mandamentos, que até parece exaltar, mas estranhamente está incluindo um “elemento estranhos” nesse divino código.
 
E ninguém é obrigado a trabalhar no domingo, mas as preocupações várias que envolvem qualquer dia da semana (negócios, lazer, tarefas escolares e domésticas) se reservam a seis dias da semana, com o sábado sendo exclusivamente para Deus.
avatar
Célio Saldanha
- Áqüila / Priscila -
- Áqüila / Priscila -

Status : asetimatrombeta.blogspot.com
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 781
Idade : 46
Cidade/Estado : Brasília-DF
Religião : cristão
Igreja : Tabernáculo de Cristo
País : Brasil
Mensagens Curtidas : -56
Pontos de participação : 878
Data de inscrição : 02/07/2014

Re: Minha resposta as "40 perguntas verdadeiramente tira-teima sobre o tema da Lei Divina e do sábado"

Mensagem por Célio Saldanha em Seg 05 Jan 2015, 13:27

Prof. Azenilto,

O senhor disse que se te mostrassem algo que não soubesse, que mudaria sua concepção sobre o movimento que pertence e creio que está próximo disso acontecer, como prometeu, pois a cada novo estudo que surge, uma nova revelação lhe é dada.

Certamente que na Bíblia não está escrito que o dia de Sábado é o dia de Saturno, da mesma forma que não diz que o sábado católico seja o sábado judeu, por isso tenho dado ênfase sobre o argumento de que o sábado é o sétimo dia e não o sábado gregoriano. Uma coisa é o sábado bíblico ser no sétimo dia e outra coisa é o sábado católico começar da mesma forma por imitação. O Bíblico, não o judeu, mas o que está sendo mencionado nas escrituras fala do sétimo dia, que é apropriado a todas as nações em qualquer lugar do mundo ou do universo. O sábado de Moisés começa ou inicia o Mês baseado na lua nova enquanto que o gregoriano e judeu é um sábado que começa com qualquer lua como as outras fases: cheia, crescente ou minguante.

A veneração do dia em si, já é uma idolatria, pois quem está sendo cultuado e venerado é o SÁBADO e não o SENHOR DO SÁBADO. Inclusive, o sábado era um sinal na testa e na mão direita dos hebreus, mas como quebraram esse mandamento, então foi retirado deles esse culto em relação ao dia comum, da mesma forma que a mesma serpente de bronze que trazia cura se tornou idolatria e teve que ser destruída.

Talvez se Roma tivesse colocado o sábado no dia de domingo e o domingo no dia de sábado, da mesma forma vocês seguiriam o dia e não a ordenança em si, pois estão sendo guiados pela palavra sábado e não o sétimo dia. Sétimo dia é o dia sétimo e é para adoração a Deus. Adorar a Deus não é somente dentro de quatro paredes, mas com os familiares, na igreja, no monte, pois não é o lugar em si ou o dia em si, mas a forma de cultuar a Deus
O irmão Luiz da Rocha abordou na mesma linha de pensamento sobre o sábado judeu e o gregoriano nesse link:

http://forumevangelho.com.br/t179p795-quais-mandamentos-da-lei-foram-reafirmados-na-nova-alianca#70470

Quanto ao sete de setembro, quando foi que ele caiu no mesmo sábado todo ano? Agora, esse exemplo que citou já dá margem para o que estou me referindo sobre o sábado ser DESCANSO e não o dia de saturno, pois basta reparar que O 7 DE SETEMBRO (que não é mês nove, mas mês sete no zodíaco: sete-embro) cai tanto no domingo, quanto em qualquer outro dia da semana, inclusive no sábado de tempos em tempos.

Outro exemplo que citei foi o fato de folgar sábado, domingo e feriados. Existem pessoas que trabalham dois ou nenhum dia na semana e já outros trabalham seis dias. De qualquer forma, pela legislação vigente e pela Bíblia, o que deve ser guardado é o SÉTIMO DIA e não o dia propriamente dito, pois como sabe, a besta (Roma) cuidou de mudar os tempos e as estações, como disse Daniel:

Disse assim: O quarto animal será o quarto reino na terra, o qual será diferente de todos os reinos; e devorará toda a terra, e a pisará aos pés, e a fará em pedaços.
E, quanto aos dez chifres, daquele mesmo reino se levantarão dez reis; e depois deles se levantará outro, o qual será diferente dos primeiros, e abaterá a três reis.
E proferirá palavras contra o Altíssimo, e destruirá os santos do Altíssimo, e cuidará em mudar os tempos e a lei; e eles serão entregues na sua mão, por um tempo, e tempos, e a metade de um tempo.

Daniel 7:23-25

Jesus alertou os judeus de sua época sobre a guarda natural do sábado, onde se tornavam presas fáceis para os seus inimigos, pois da mesma forma eram facilmente enganados, pois guardavam dias, meses e anos em vão.

Essa mudança promovida pela Besta, excluiu a constelação de serpentário, introduzindo uma mudança nas datas e da mesma forma que ENGANA os que habitam na Terra, passou a levar os adoradores do sol a adorar também os demais dias, como o de SATURNO que é o sábado católico-judaico.

Os judeus erraram por não terem compreendido as escrituras, mesmo os profetas madrugando e clamando para que guardassem os mandamentos, mas eles sempre eram inclinados a adorarem os ídolos e as estrelas do céu. Eles erraram por desprezarem o que Daniel (que era também era astrólogo) disse acerca dos reinos que destruiriam o poder do povo santo.

Como citei em outro lugar, o corpo humano precisa descansar naturalmente, assim como a terra:

Fala aos filhos de Israel, e dize-lhes: Quando tiverdes entrado na terra, que eu vos dou, então a terra descansará um sábado ao Senhor.
Seis anos semearás a tua terra, e seis anos podarás a tua vinha, e colherás os seus frutos;
Porém ao sétimo ano haverá sábado de descanso para a terra, um sábado ao Senhor; não semearás o teu campo nem podarás a tua vinha.
O que nascer de si mesmo da tua sega, não colherás, e as uvas da tua separação não vindimarás; ano de descanso será para a terra.
Mas os frutos do sábado da terra vos serão por alimento, a ti, e ao teu servo, e à tua serva, e ao teu diarista, e ao estrangeiro que peregrina contigo;

Levítico 25:2-6

Como se pode ver, por essa citação bíblica, não é somente o sétimo dia, mas também o sétimo ano que é um SÁBADO.

Mas então você disse: "não está escrito nos dez mandamentos"!! Isso seria o mesmo que dizer que as vestimentas masculinas e femininas não devem ser observadas, que o dízimo deve ser ignorado, pois assim como muitas outras ordenanças também não fazem parte do decálogo, mas são mandamentos do Senhor. Eu mesmo sou contra pastor ter mais de cinquenta anos de idade, pois a idade para o sacerdócio é de 30 a 50 anos, assim como para os demais que ocupam ofícios na igreja. Jesus mesmo começou seu ministério com 30 anos e me falta um estudo mais amplo para comprovar que ao invés de ter pregado apenas 3 anos e meio, ele pregou 20 anos..

Disseram-lhe, pois, os judeus: Ainda não tens cinquenta anos, e viste Abraão?
João 8:57

A tradição diz que Jesus morreu com 33 anos e a Bíblia dá margem para que foi aos 50 anos, então é uma ordenança para os cristãos, que abominam o imperialismo dos déspotas que morrem na direção da igreja, não dando espaço para a nova geração e ainda fazem nepotismo.. Isso não está escrito nos dez mandamentos, mas é algo que deve ser observado em nossos dias.
avatar
Ernesto
- Áqüila / Priscila -
- Áqüila / Priscila -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 1220
Idade : 88
Cidade/Estado : Limeira. SP
Religião : crista
Igreja : evangelica
País : brasil
Mensagens Curtidas : 172
Pontos de participação : 3377
Data de inscrição : 26/11/2014

Re: Minha resposta as "40 perguntas verdadeiramente tira-teima sobre o tema da Lei Divina e do sábado"

Mensagem por Ernesto em Ter 06 Jan 2015, 08:59

Celio diz:

Fala aos filhos de Israel, e dize-lhes: Quando tiverdes entrado na terra, que eu vos dou, então a terra descansará um sábado ao Senhor.
Seis anos semearás a tua terra, e seis anos podarás a tua vinha, e colherás os seus frutos;
Porém ao sétimo ano haverá sábado de descanso para a terra, um sábado ao Senhor; não semearás o teu campo nem podarás a tua vinha.
O que nascer de si mesmo da tua sega, não colherás, e as uvas da tua separação não vindimarás; ano de descanso será para a terra.
Mas os frutos do sábado da terra vos serão por alimento, a ti, e ao teu servo, e à tua serva, e ao teu diarista, e ao estrangeiro que peregrina contigo;
Levítico 25:2-6
----------------------------------------------------------------------------------------------

Ernesto responde:

Meu caro Célio; eu vejo que vc. está trocando as bolas, lembre-se que ¨sábado¨ é descanso, por isso esse termo pode ser aplicado em todas as ocasiões que se relaciona ao descanso.
A questão é que Deus descansou no sétimo dia da semana, e, este sétimo dia da semana foi separado como um memorial da criação. Não importa se há outros sábados (descansos), e se descansa ou não, Deus criou o mundo em seis dias; ele podia ter dado por encerrado a semana da criação com seis dias apenas, mas, ele criou um dia a mais; no qual ele não criou mais nada neste mundo. Fez, porém, algo muito mais importante; Deu de si a benção e a santificação sobre o sétimo dia, as quais ele não deu sobre os demais dias da criação, e Deus descansou no dia sétimo para nos servir de exemplo.
Por isso o dia sétimo da semana não é um descanso comum, e as bençãos que ele deu sobre o dia sétimo cairão como dádiva sobre aqueles que o receberem como um dia especial.
isso não acontece com os outros sábados (descansos) comuns, Em Oseias 2:11 diz;...Farei cessar todos os VOSSOS sábados e suas festividades. Esses são sábados comuns dos homens. Em Ezequiel ele diz: 20:12, diz: E também lhes dei os MEUS SÁBADOS, para que servissem de sinal entre mim e eles, para que soubessem que eu sou o Senhor que os santifica. Há uma benção especial a todos os que ¨guardam¨ o sábado como dia santificado.
Não se esqueça; a guarda do sétimo dia da semana não é somente não trabalhar, mas é o dia que revivemos o dia que Adão e Eva passaram juntos com seu Criador, e nós temos a certeza que o mesmo Deus Criador está conosco, nos abençoando assim como fez com Adão e Eva neste dia.

Abraços Ernesto























avatar
Célio Saldanha
- Áqüila / Priscila -
- Áqüila / Priscila -

Status : asetimatrombeta.blogspot.com
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 781
Idade : 46
Cidade/Estado : Brasília-DF
Religião : cristão
Igreja : Tabernáculo de Cristo
País : Brasil
Mensagens Curtidas : -56
Pontos de participação : 878
Data de inscrição : 02/07/2014

Re: Minha resposta as "40 perguntas verdadeiramente tira-teima sobre o tema da Lei Divina e do sábado"

Mensagem por Célio Saldanha em Ter 06 Jan 2015, 14:20

Ernesto
Eu não disse nenhuma contradição, mas você sim, pois qualquer dia é uma benção!! O sétimo dia é um diferencial dos demais, apenas, no sentido de que nos seis há um contínuo sacrifício do corpo e no sétimo o repouso. O que estou abordando aqui é por que o sétimo dia não pode ser o domingo??
O domingo é o "dia do sol" e o sábado é o "dia de saturno". Que diferença há entre um dia e outro?
Chamar pau de pedra não vai tornar um pau numa pedra, da mesma forma, católico e judeu chama o dia de saturno de sábado e vou guardar o dia em si só porque eles definiram assim? Não!! A bíblia chama de sétimo dia o sábado e o sábado não é somente o sábado católico-judeu, mas qualquer dia que seja o sétimo. É óbvio, não? A noite também é para o repouso, mas não é chamada de sábado, assim como o repouso intrajornada, mas o sétimo dia. Conta seis dias e descansa no sétimo e esse será o sábado. Simples!!!!

Veja que foi a própria Bíblia "que disse" que o sétimo ano é um sábado. Não sou eu que estou dizendo, mas é o que está escrito. De forma que não é somente o dia após a sexta-feira que é o SÁBADO, mas o sétimo. Quem folga todo domingo, estará descansando no sétimo dia, da mesma forma que quem descansa nos demais dias da semana.

O sábado generalizado para todos é como o natal, a páscoa e outros eventos comum a todos. A intenção dos estudos sabáticos é fazer com que TODOS ao mesmo tempo guardem o mesmo dia juntos, quando na verdade, a salvação é individual e que a obediência implica em bênçãos particulares. Quem trabalha sete, oito, dez, vinte.. dias seguidos, mais cedo ou mais tarde o corpo vai cobrar e a consequência será as enfermidades, envelhecimento precoce e doenças psíquicas. Quem repousa normalmente, tirando o dia após o sexto, certamente terá uma vida mais longa e próspera. Moisés mandou apedrejar os transgressores, para que servisse de exemplo para os infratores e isso acabou virando um meio de matar o próximo, ofuscando ou quebrando o quinto mandamento.
avatar
Prof. Azenilto G. Brito
- Davi / Abigail -
- Davi / Abigail -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 652
Idade : 72
Cidade/Estado : Kaunakakai, Molokai, Havaí
Religião : Adventista do 7o. Dia
Igreja : Adventista do 7o. Dia
País : EUA
Mensagens Curtidas : 6
Pontos de participação : 1800
Data de inscrição : 20/01/2014

Re: Minha resposta as "40 perguntas verdadeiramente tira-teima sobre o tema da Lei Divina e do sábado"

Mensagem por Prof. Azenilto G. Brito em Qui 08 Jan 2015, 00:26


O ano sabático leva esse nome por causa do DESCANSO DA TERRA em tal ano, que era o sétimo, após seis anos de atividade regular.
 
A palavra “sábado” realmente significa “descanso” ou “pausa de atividade”, mas não é o homem que definirá quando descansará, pois aí o dia seria transformado no SEU DIA, e não do MEU DIA [de Deus].
 
Quanto a essas teses sobre o sábado ter que ver com Lua Nova, noutros tópicos já discutimos isso em detalhes e vimos como se baseia em conceitos de autores cheios de “hipóteses” e “parece”, “talvez”, sendo em grande medida negadores da própria inspiração das Escrituras.
 
O fato é que os judeus, tão zelosos por suas tradições religiosas, JAMAIS iriam conservar um sábado assim confuso, perdido no tempo, e muito menos Jesus Se declararia “Senhor do sábado” se este se tivesse perdido nas mudanças de cômputo de tempo com intervenções de luas novas. Nem os romanos impuseram o seu calendário “gregoriano” sobre os judeus coisa nenhuma, tanto que nunca souberam me explicar como é que os nomes e ordem dos meses do calendário judaico nada tem a ver com o calendário dos cristãos. No entanto, o sábado observado pelos judeus é o MESMO dos cristãos, o que constatei pessoalmente ao ter o privilégio de passar 10 dias em Israel em maio passado.
 
avatar
Gilcimar
- Áqüila / Priscila -
- Áqüila / Priscila -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 2212
Idade : 36
Cidade/Estado : Cariacica , ES
Religião : Cristianismo
Igreja : Adventista do Sétimo Dia?
País : Brasil
Mensagens Curtidas : 150
Pontos de participação : 5840
Data de inscrição : 10/03/2014

Re: Minha resposta as "40 perguntas verdadeiramente tira-teima sobre o tema da Lei Divina e do sábado"

Mensagem por Gilcimar em Qui 08 Jan 2015, 11:45

Gostaria de explorar alguns  detalhes em uns  textos que não deixa duvida que Deus escreveu nas tábuas aquilo que ele anunciou antes com sua voz independente se é 10 palavras  ou dez mandamentos....

Vejam:

Deuteronômio

4.11   Então, chegastes e vos pusestes ao pé do monte; e o monte ardia em fogo até ao meio dos céus, e havia trevas, e nuvens, e escuridão.
4.12   Então, o SENHOR vos falou do meio do fogo; a voz das palavras ouvistes; porém, além da voz, não vistes aparência nenhuma.

4.13   Então, vos anunciou ele a sua aliança, que vos prescreveu, os dez mandamentos, e os escreveu em duas tábuas de pedra.



Questões importantes:


1-Onde estava o Povo quando Deus falou? (chegastes e vos pusestes ao pé do monte)

2-Como estava o aspecto do monte na ocasião? (o monte ardia em fogo até ao meio dos céus..)

3- De onde Deus falou ao Povo? (o SENHOR vos falou do meio do fogo)

Conclusões inevitáveis:

A- Deus com sua Voz anunciou  a  sua Aliança "os Dez mandamentos"

B- Deus anunciou quando falou e não quando escreveu em tábuas de pedra pois não escreveu no mesmo tempo que tinha anunciado ao Povo....

C-Escreveu aquilo que tinha anunciado.....

Se Êxodo 20:1-17  retrata  o mesmo Episódio de Deuteronômio 4:11-13 logo tudo que Deus falou ali   registrado é a base do que ele escreveu nas tábuas de pedras sem tirar e sem por independente se é dito que o conteúdo  daquilo que ele anunciou é Dez palavras ou dez mandamentos....

Acredito que isso é inegável..!

ABraços..!
avatar
Prof. Azenilto G. Brito
- Davi / Abigail -
- Davi / Abigail -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 652
Idade : 72
Cidade/Estado : Kaunakakai, Molokai, Havaí
Religião : Adventista do 7o. Dia
Igreja : Adventista do 7o. Dia
País : EUA
Mensagens Curtidas : 6
Pontos de participação : 1800
Data de inscrição : 20/01/2014

Re: Minha resposta as "40 perguntas verdadeiramente tira-teima sobre o tema da Lei Divina e do sábado"

Mensagem por Prof. Azenilto G. Brito em Sex 09 Jan 2015, 09:46


O Julio Celestino conclui suas considerações ao tentar dar resposta ao nosso questionário, dizendo:

“Não sou professor, estou apenas fazendo a minha parte como diz o texto de 1ª Pedro 3.15 ‘... Estando sempre preparados para responder a todo aquele que vos pedir razão da esperança que há em vós’”.

Vi alguém expondo o material do J. C. com muito entusiasmo noutro local de debates, até dizendo algo como--”Se o J. C. não é professor, imagine se fosse”. Ou seja, julgando que o rapaz deu a “palavra final”, indiscutível, sobre o tema. Só que nossas réplicas já demonstraram que tal entusiasmo foi, no mínimo, precipitado. . .

Espero que o J. C. chegue mesmo a ser um bom professor, seja de temas religiosos ou seculares. Se no campo religioso, quem sabe sendo um grande e respeitado mestre, como os que cito--Russell Shedd e Ildo de Melo, que exatamente detonam como as próprias teses que embasam o raciocíno do J. C. em suas respostas, mostrando os reais fundamentos dessa corrente neoantinomista “dianenhumista” que se instalou no evangelicalismo desde meados do século XIX, ou seja, desde a visão errada de uma falsa profetisa sobre o tema da volta de Cristo, contrariando o claro ensino bíblico.

Mas o erro dela lamentavelmente não se limitou a isso, envolvendo também as questões todas do entendimento correto da lei divina e do princípio do dia de repouso. Isso termina que não constitui esperança nenhuma, e sim uma desesperançada tentativa de contornar o claro ensino bíblico com fracas tentativas de justificar o injustificável.


avatar
Célio Saldanha
- Áqüila / Priscila -
- Áqüila / Priscila -

Status : asetimatrombeta.blogspot.com
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 781
Idade : 46
Cidade/Estado : Brasília-DF
Religião : cristão
Igreja : Tabernáculo de Cristo
País : Brasil
Mensagens Curtidas : -56
Pontos de participação : 878
Data de inscrição : 02/07/2014

Re: Minha resposta as "40 perguntas verdadeiramente tira-teima sobre o tema da Lei Divina e do sábado"

Mensagem por Célio Saldanha em Seg 12 Jan 2015, 14:39

Os muçulmanos guardam o "sábado" na sexta-feira, os judeus e adventistas guardam o "sábado" no sábado e os demais cristianizados guardam o "sábado" no domingo. Qual deles realmente estariam certos, se esses dias são praticamente os mesmos? Saindo da contagem do primeiro até o sétimo dia, independente de ser domingo, segunda, terça.. de qualquer maneira, será o outro o sétimo, então o que diferencia um dia do outro? o simples fato de ser chamado de sábado? Talvez por ser mais fácil para convencer uma outra pessoa, pois a tendência é proselitista. Da mesma forma que os religiosos usam suas particularidades para fins proselististas, prometendo curas, libertações, prosperidades e mil e umas coisas que não podem cumprir, pois só Jesus que pode conceder, a promessa da guarda do sábado tem a mesma finalidade. "Aceita o sábado e será salvo!!" Seria mais prático aceitar Jesus, que é o nosso repouso durante os seis dias e mais o sétimo na "presença dele" congregando com os demais irmãos..

Setembro é chamado de mês nove no calendário gregoriano, mas a própria palavra já diz que é mês sete (sete- mbro) pois os dois primeiros meses foram alterados por Roma. O ciclo lunar era a referência de meses e o mês de Adar II equiparava ao de serpentário, que também foi ignorado. Então, sendo que é aceito as mudanças dos meses e das fases da lua, inclusive do ano sabático, por que o sábado e tão somente o sábado deveria ser o sétimo dia? O domingo, a segunda, a terça.. e até o sábado pode ser o sétimo dia. Descansar todo domingo seguido, não estaria também guardando o sétimo dia? Nem o nome de Jesus quer dizer que seja realmente o Jesus da Bíblia, pois há outros que se chamam Jesus por ai, quanto mais o sábado ser único certo em contraposição ao sétimo dia.

Se o quarto reino mudou os tempos e as estações, nada mais apropriado do que mudar também o culto sabático para aprisiona-los, pois a Besta ENGANA a todos os habitantes da Terra, independente da denominação que frequente, pois somente os que tem seus nomes escritos no livro da vida do cordeiro que não serão enganados. Israel, quando saia do Egito, tinha os mandamentos e liturgias e cerimoniais, tudo.. como um sinal na testa e na mão direita. Quando quebraram a aliança, foi feita uma nova aliança, não mais com os nascidos da carne, mas os que são nascidos do espírito, pois os da carne, sendo muitos não eram fieis, ainda que por imposição. O selo de Deus no tempo presente, desde a ascensão de Cristo é o Espírito Santo e quem não possui, ainda que tenha todos os cerimoniais, leis civis e morais, sequer verá o reino de Deus. O Espírito Santo conduz o cristão em toda a verdade, e isso inclui o ENTENDIMENTO acerca dos mandamentos. Antes, entrar no lugar santíssimo era morte, agora, ficar de fora é morte. Antes, tinha o sábado natural, agora o espiritual. Quem guarda o natural, está fazendo um sinal certo no tempo errado. É o mesmo que pregar a Mensagem de Noé nos dias de Moisés.. não daria certo, ainda que tenham o mesmo contexto. A mesma serpente de bronze que curava a todos que olhavam, foi a mesma que teve que ser destruída por causa da idolatria.

Passar o dia inteiro, no dia de sábado dentro de uma igreja também não é enfadonho para o corpo? E se principalmente a pessoa é menos privilegiada e passa a semana toda carregando pedras?

Aqui no Brasil, que é um país assolado de corrupção e dominado pelo crime, faria sentido se todos guardassem o sábado, como médicos, policiais e outros agentes de serviços indispensáveis? Como ficava a guarda de Israel em tempos de conflitos, quando o inimigo vinha visitar eles no sábado? Nessa hora era permitido matar, guerrear e outras atrocidades inerentes a guerra? Na verdade, o conceito de REPOUSO dado ao sábado só é válido em tempos de paz, quando há condições apropriadas para isso, já que o inimigo não tem o menor interesse em "esperar" o domingo para continuar a guerra.

Esse desejo que o homem tem de "seguir todos os mandamentos" na íntegra, segundo seus próprios métodos aprendidos, muita das vezes, se volta contra o que já foi escrito dentro do coração e ele mesmo acaba por se condenar por preferir correntes ao invés da liberdade, já que a salvação é individual. Quando tento impor algo a outra pessoa, simplesmente por acreditar que é o certo, só o fato de impor, já é errado, pois a fé é um dado por Deus individualmente e precisa de revelação para receber.

Os mesmos dez mandamentos que dizem "não matarás" foi ignorado quando profetas e pessoas quebravam o sábado e matavam sem piedade. Da mesma forma, "não farás para ti imagem de escultura" reprimiu a construção de qualquer ídolo e até em nossos dias persegue a imagem do crucifixo, mas venera um dia dedicado a uma divindade pagã - que é saturno. Se os cristianizados adoram o "dia do sol" como afirmam os sabatistas, então seria óbvio que os dominguistas lembrassem os sabatistas do "dia de saturno". Para os judeus hereges, o dia do sábado era mais importante que os demais mandamentos, mas guardavam por imposição e pecavam mais ainda. Dentre milhares que guardam uma imposição, poucos são os que realmente fazem por mérito próprio. Da mesma forma que o domingo quando se torna uma imposição, se torna enfadonho e desgastante.

Ouvi isto, vós que anelais o abatimento do necessitado; e destruís os miseráveis da terra,
Dizendo: Quando passará a lua nova, para vendermos o grão, e o sábado, para abrirmos os celeiros de trigo, diminuindo o efa, e aumentando o siclo, e procedendo dolosamente com balanças enganosas,
Para comprarmos os pobres por dinheiro, e os necessitados por um par de sapatos, e para vendermos o refugo do trigo?

Amós 8:4-6

Desde 1948 os judeus passaram a ter um lugar em comum para guardarem os mandamentos segundo a ótica deles e por isso, podem claramente determinar para os seus cidadãos a guarda do sábado, mas dando exceção para os lucrativos turistas e demais religiosos que convivem harmonicamente nessa imensa torre de Babel judaica. Sendo assim, nem eles, que possuem um território dominado e controlado conseguem impor a todos os presentes em seu território, quanto mais os dispersos que conciliam oportunismo com regalias com seus interesses religiosos. Na verdade, somente no MILÊNIO haverá realmente um povo seguindo os mandamentos de Deus na íntegra, como afirmou Isaías:

Porque, como os novos céus, e a nova terra, que hei de fazer, estarão diante da minha face, diz o Senhor, assim também há de estar a vossa posteridade e o vosso nome.
E será que desde uma lua nova até à outra, e desde um sábado até ao outro, virá toda a carne a adorar perante mim, diz o Senhor.

Isaías 66:22-23

Sendo assim, se acuso o irmão de profano por folgar no domingo, incorro de também ser acusado de folgar em um sábado, que de nada diferencia um dia do outro. Todos os dias tem a mesma quantidade de luz solar e lunar, com exceção do equinócios e solstícios. Inclusive, quem vive no meio da floresta, sem acesso a qualquer coisa cultural ou tecnológica, um dia é o mesmo do outro. Para quem vive no espaço sideral, o dia e a noite são a mesma coisa.. de forma que a imposição da guarda de um dia específico na verdade só serve para acorrentar uma pessoa dentro de uma visão religiosa, na qual aparenta piedade, mas sem eficácia.

Tirar o boi do atoleiro, não é um trabalho como outros? Para quem prega na sinagoga, não está trabalhando?

E ensinava no sábado, numa das sinagogas.
E eis que estava ali uma mulher que tinha um espírito de enfermidade, havia já dezoito anos; e andava curvada, e não podia de modo algum endireitar-se.
E, vendo-a Jesus, chamou-a a si, e disse-lhe: Mulher, estás livre da tua enfermidade.
E pôs as mãos sobre ela, e logo se endireitou, e glorificava a Deus.
E, tomando a palavra o príncipe da sinagoga, indignado porque Jesus curava no sábado, disse à multidão: Seis dias há em que é mister trabalhar; nestes, pois, vinde para serdes curados, e não no dia de sábado.
Respondeu-lhe, porém, o Senhor, e disse: Hipócrita, no sábado não desprende da manjedoura cada um de vós o seu boi, ou jumento, e não o leva a beber?
E não convinha soltar desta prisão, no dia de sábado, esta filha de Abraão, a qual há dezoito anos Satanás tinha presa?
E, dizendo ele isto, todos os seus adversários ficaram envergonhados, e todo o povo se alegrava por todas as coisas gloriosas que eram feitas por ele.

Lucas 13:10-17
avatar
Prof. Azenilto G. Brito
- Davi / Abigail -
- Davi / Abigail -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 652
Idade : 72
Cidade/Estado : Kaunakakai, Molokai, Havaí
Religião : Adventista do 7o. Dia
Igreja : Adventista do 7o. Dia
País : EUA
Mensagens Curtidas : 6
Pontos de participação : 1800
Data de inscrição : 20/01/2014

Re: Minha resposta as "40 perguntas verdadeiramente tira-teima sobre o tema da Lei Divina e do sábado"

Mensagem por Prof. Azenilto G. Brito em Qua 14 Jan 2015, 00:21


Saldanha pergunta que diferença existe entre observadores da sexta-feira (muçulmanos), do sábado, como os adventistas, e do domingo, pela cristandade em geral.

De fato, a maioria esmagadora do evangélicos não observa o domingo, pois aderiu mesmo ao mais confortável e liberal “dianenhumismo”. Isso desde que a profetisa britânica Margaret MacDonald teve sua visão em 1830, ensinando a volta de Cristo de modo completamente antibíblico.

Gente do maior gabarito do próprio seio evangélico denuncia as origens dessas teses dispensacionalistas que geraram o viés da Lei X Graça, com isso também gerando o “dianenhumismo”, como discutimos noutro de nossos estudos, onde documentadamente isso é apresentado, inclusive com três vídeos iluminadores, um do Dr. Russell Shedd (reputado teólogo batista), outros dois pelo bispo metodista Ildo de Melo. Vejam por este link:




Agora, que diferença faz, afinal de contas. observar sexta, sábado ou domingo? Quem define isso é A BÍBLIA, e lemos nela o seguinte:

Porque em seis dias fez o Senhor os céus e a terra, o mar e tudo que neles há, e ao sétimo dia descansou; por isso abençoou o Senhor o dia do sábado, e o santificou” (Êxo. 20:11).

Temos aí O PRÓPRIO DEUS respondendo ao Saldanha. Há um claro “porque” e um “por isso” deve ser o sétimo dia, não outro qualquer.

Por que os brasileiros comemoram a Independência Nacional em 7 de setembro, e não 8 de outubro, 9 de novembro ou 10 de dezembro? Ora, isso é por demais óbvio--só o 7 de setembro traz o referencial histórico de quando o país realmente livrou-se do jugo português. Nenhum outro dia serviria a tal propósito legitimamente.

Então, o sábado é o “memorial da criação”. O salmista Davi declarou que as obras de Deus foram tornadas “memoráveis” (Sal. 111:2-4). O sábado tem esse propósito, além de propiciar ao homem os benefícios físicos, mentais, espirituais, sociais, familiares. E nunca vi uma situação como a descrita de ficar 24 horas preso numa Igreja. Isso não acontecia nos tempos de Israel, de Jesus, nem no presente. É uma total distorção dos fatos, que parece inspirar quem quer combater algo, mas não revela nada de MELHOR no lugar da coisa “destruída”.

Jesus declarou que O sábado [não 'um' sábado] foi feito por causa do homem-anthropós”, que é o homem universal, não o mero homem judaico (Mar. 2:27).

E continuamos a ler a tolice da declaração de os sabatistas serem adoradores de Saturno, o que não tem O MÍNIMO fundamento nos fatos.

Milênios antes de a lendária loba amamentar os irmãos Rômulo e Remo, já o povo de Deus observava o sábado, não por causa de Saturno, ou seja do planeta que for, a não ser a Terra (como seu memorial), em consonância com o “assim diz o Senhor” das Escrituras.

Lembrem-se que o grande embaraço dos antissabatistas dessa linha novidadeira de ligar o sábado sempre à lua nova é não saberem explicar como os judeus, a despeito de tantas mudanças de calendário, têm o seu sábado do seu calendário exatamente no mesmo segmento de tempo do calendário dos cristãos. E alegar que os romanos forçaram os judeus a acatar o “calendário gregoriano” causa risotas de quem sabe que essa é outra tolice histórica. Por que será que esses romanos não conseguiram, então, fazer os judeus alterarem a ordem dos meses e os seus próprios nomes, pois os judeus nada sabem sobre setembro nem novembro. Seus meses não coincidem na sequência de tempo com os dos cristãos, e têm nomes bem diversos--Nisã, Tamuz, Quisleu, Adar, etc.
avatar
Prof. Azenilto G. Brito
- Davi / Abigail -
- Davi / Abigail -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 652
Idade : 72
Cidade/Estado : Kaunakakai, Molokai, Havaí
Religião : Adventista do 7o. Dia
Igreja : Adventista do 7o. Dia
País : EUA
Mensagens Curtidas : 6
Pontos de participação : 1800
Data de inscrição : 20/01/2014

Re: Minha resposta as "40 perguntas verdadeiramente tira-teima sobre o tema da Lei Divina e do sábado"

Mensagem por Prof. Azenilto G. Brito em Qua 14 Jan 2015, 00:31


Sobre a questão de serviços essenciais no sábado, isso também já foi amplamente discutido. Mas voltemos à carga numa exposição bem objetiva da questão:

Alguém nos perguntou certa vez:

“Por que um sacerdote de Deus deu ordem para trabalhar no sábado? 2 Reis 11:5-7: ‘E deu-lhes ordem, dizendo: Isto é o que haveis de fazer: Uma terça parte de vós, que entrais no sábado, fará a guarda da casa do rei. E outra terça parte estará à porta de Sur; e a outra terça parte à porta detrás dos da guarda; assim fareis a guarda desta casa, afastando a todos. E as duas partes de vós, a saber, todos os que saem no sábado, farão a guarda da casa do SENHOR junto ao rei. E rodeareis o rei, cada um com as suas armas na mão, e aquele que entrar entre as fileiras o matarão; e vós estareis com o rei quando sair e quando entrar’.

“Aí esta a ORDEM de se trabalhar no sábado,trabalhando de VIGIA na casa do rei...Por que? Explique-nos se puder!!!”
.
Pois é tão fácil de explicar. . . Acaso os soldados ficariam em casa ou iam à Igreja no sábado abandonando a SEGURANÇA da nação e do seu rei? Isso prova que os serviços essenciais, como fornecimento de água, luz, telefonia, hospitais eram previstos para se cumprirem no sábado.

Vejam que fica a insinuação de que se isso acontecia naquela época, o sábado não deve ser guardado HOJE. Mas isso não honra nem a inteligência de quem usa tal argumento. Por que só serve de prova para HOJE, e não para aquela mesma época?

Deus não é um Legislador incompetente que cria uma regra de caráter MORAL e UNIVERSAL (como sempre entenderam as Igrejas TODAS, inclusive mais recentemente os pentecostais) que se tornaria impossível de praticar.

Sendo que os “ESTRANGEIROS” de “TODOS OS POVOS” são convidados pelo próprio Deus a acatarem o concerto que estabeleceu com Israel, incluindo o sábado e os holocaustos (pelos quais revelariam fé no futuro Messias junto com Israel)--ver Isa. 56:2-7--então o sábado tem caráter UNIVERSAL.

“A Minha casa será chamada Casa de Oração para TODOS OS POVOS”, diz o Senhor. Tanto o SÁBADO quanto a ORAÇÃO, portanto, não são só para Israel.

Sem falar em que há um certo “esquecimento” dos que levantam tais argumentos anti-sabáticos. Os supostos problemas com serviços essenciais que negariam a validade do sábado para hoje, SÃO OS MESMOS PARA O DOMINGO! E não é esse considerado “o dia do Senhor” por tantos e tantos cristãos?

Nos EUA eu trabalhei para uma empresa pública de fornecimento de água e controladora de esgotos. Aos domingos ou feriados havia sempre um contingente mínimo de plantão, que talvez não representasse nem 1% do corpo total de funcionários, para situações de emergência e segurança. Esse é um exemplo de como se superam essas dificuldades que visam a manter em perfeito funcionamento a sociedade e seus serviços essenciais.

No exemplo acima da SEGURANÇA do rei de Israel vemos como no passado o mesmo princípio era aplicado, certamente com aprovação divina.


Conteúdo patrocinado

Re: Minha resposta as "40 perguntas verdadeiramente tira-teima sobre o tema da Lei Divina e do sábado"

Mensagem por Conteúdo patrocinado


    Data/hora atual: Sab 16 Dez 2017, 05:13