F.E. A Doutrina de Jesus Cristo.

--------------------------------------
OLÁ, SEJA BEM VINDO AO FÓRUM EVANGELHO.

CASO DESEJE PARTICIPAR DE DEBATES FAÇA SEU REGISTRO.

ESTE FÓRUM É ABERTO A PESSOAS DE TODOS OS CREDOS.

SE PREFERIR SER APENAS UM LEITOR, ACOMPANHE AS POSTAGENS.

"Conheçamos e prossigamos em conhecer a YHVH ( י ה ו ה )..." (Oséias 6.3)

Norberto
Administrador do Fórum Evangelho

Fórum evangélico, aberto à participação de pessoas de qualquer credo ou religião.


Um Estudo sobre a Relação da Fé com a Lei no processo de Justificação ....

Compartilhe
avatar
Gilcimar
- Áqüila / Priscila -
- Áqüila / Priscila -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 2209
Idade : 36
Cidade/Estado : Cariacica , ES
Religião : Cristianismo
Igreja : Adventista do Sétimo Dia?
País : Brasil
Mensagens Curtidas : 148
Pontos de participação : 5832
Data de inscrição : 10/03/2014

Um Estudo sobre a Relação da Fé com a Lei no processo de Justificação ....

Mensagem por Gilcimar em Sex 14 Mar 2014, 08:48


Vamos ao raciocínio !

1- Na antiga aliança a lei era tutora -Gálatas 3:23
2- Na nova aliança a lei deixou de ser tutora - Gálatas 3:25
3- A Lei também serviu de aio na antiga aliança -Gálatas 3:24
4- A lei deixou de servir como aio na nova aliança-Gálatas 3:25

Pontos que me chamaram atenção :

A- A lei ajudava na justificação quando servia de aio levando a quem justifica-Gálatas 3:24
Percebeu que a justificação pela fé não era independente das obras da lei na antiga aliança ?

B- A justificação pela fé só se tornou independente das obras da lei quando a lei deixou de servir de aio - Romanos 3:28

C- A justificação sempre foi pela fé com a diferença que na antiga aliança tinha a ajuda da lei como aio .

D- A lei não justificava, mas só ajudava quando servia de aio .

Agora dá para entender esse texto aqui :

" Mas agora se manifestou sem a lei a justiça de Deus, tendo o testemunho da lei e dos profetas;
Romanos 3:21"

Quando diz que a justiça de Deus se manifestou sem a lei , esta dizendo que a justificação passou a ser só pela fé , e não precisava mais da ajuda ou da dependência da lei ( que servia como aio ).

É Por isso que ele disse :

"Concluímos, pois, que o homem é justificado pela fé sem as obras da lei "
Romanos 3:28

A lei não foi aio mas serviu como aio até a cruz, logo , o não estar mais subordinado ao aio , não significa que não precisamos mais observar a lei é por isso também que paulo disse :

"Anulamos, pois, a lei pela fé? De maneira nenhuma, antes estabelecemos a lei."
Romanos 3:31

A Justificação pela fé sem a dependência da lei , não nos dá o direito de acharmos , que somos justificados diante de Deus apenas ouvindo a lei por causa da independência da fé :

"Porque os que ouvem a lei não são justos diante de Deus, mas os que praticam a lei hão de ser justificados "
Romanos 2:13

Continuação do assunto no próximo tópico......
avatar
Gilcimar
- Áqüila / Priscila -
- Áqüila / Priscila -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 2209
Idade : 36
Cidade/Estado : Cariacica , ES
Religião : Cristianismo
Igreja : Adventista do Sétimo Dia?
País : Brasil
Mensagens Curtidas : 148
Pontos de participação : 5832
Data de inscrição : 10/03/2014

Um Estudo sobre a Relação da Fé com a Lei no processo de Justificação - Parte 2

Mensagem por Gilcimar em Sex 14 Mar 2014, 09:29

Alguns pontos a considerar :

1-A lei com função de tutelar- Gálatas 3:24
2-A lei tutelou até a posse da herança que seria dada no futuro -Gálatas 3:18,23
3- Os herdeiros estão debaixo da autoridade e proteção do tutor até o dia da posse da herança.

Como era isso na prática ?

Antes os pecadores arrependidos teriam que oferecer ofertas sacrificais pelos seus pecados crendo ser  figuras da verdadeira oferta  que seria dada por Deus no futuro e é  " Cristo , O cordeiro de Deus"  

Estas ofertas sacrificais  eram exigidas pela "Lei"....
Quando Paulo fala que a justiça de Deus se manifestou "sem Lei" ele esta dizendo que não precisamos mais oferecer  ofertas segundo a Lei   no processo de justificação pela Fé , pois Ele ( Deus)  mesmo ofereceu uma por nós e  agora somente com Fé  na oferta de Deus  o processo  de Justificação se conclui....

Assim se entende perfeitamente o texto abaixo :

Romanos 3 :28 "Concluímos, pois, que o homem é justificado pela fé sem as obras da lei."


Assim sem Obras da Lei não significa que agora somos apenas ouvintes da Lei pois do contrário o texto abaixo perderia sentido prático :

Romanos 2 :13 "Porque os que ouvem a lei não são justos diante de Deus, mas os que praticam a lei hão de ser justificados."

Com isso a lei ou o conjunto de  mandamentos que regulava as  ofertas sacrificais ou aqueles que prefigurava a Cruz e a missão do Messias  e seus atos salviticos  foram abolidos terminando na Cruz..

Agora entendemos alguns textos que diz :


"Mas, vindo a plenitude dos tempos, Deus enviou seu Filho, nascido de mulher, nascido sob a lei,
Para remir os que estavam debaixo da lei, a fim de recebermos a adoção de filhos."
Gálatas
4:4-5

Estar sob a lei ou debaixo da lei é estar debaixo da tutela da lei até a aquisição da posse da herança( Graça concretizada ) .....

Este pensamento acima é perfeitamente confirmado pelas escrituras com o texto abaixo:



"Digo, pois, que todo o tempo que o herdeiro é menino em nada difere do servo, ainda que seja senhor de tudo;
Mas está debaixo de tutores e curadores até ao tempo determinado pelo pai. "
Gálatas
4:1-2

Qual foi o tempo determinado pelo pai ?


Até a vinda do descendente - Gálatas 3:19

conclusão das reflexões acima :


1 - Na antiga aliança os herdeiros ainda eram "meninos" e por isso era necessário a figura de um tutor até que a herança fosse dada como posse.

2- A escravidão não era uma imposição da lei , mas por se necessário esta sob a tutela da mesma. Assim a "escravidão " era uma necessidade e não uma exploração, visto ser os herdeiros ainda "meninos" e não ser livres ou ainda não estar preparados para receber a herança.

Assim a necessidade de Guardar a lei vigente não pode ser interpretada como querer ser escravo ...pois antes que a "lei" ganhasse o papel de tutora , 400 anos antes , já tinha alguém guardando as leis de Deus -Gênesis 26:5

Outros pensamentos na mesma direção :


A- Jesus veio nos dá a posse da herança e nos tira a tutela da lei.

B- Voltar a se submeter a tutela da lei, depois de ser libertado dela ( da tutela ), é a mesma coisa que se submeter de novo a jugo de escravidão que antes era necessária mas que depois deixou de ser necessária -Gálatas 5:1

C- O tutor não é um adversário, mas é um protetor ou guardador da herança que será dada no tempo determinado ao herdeiro.

Alguma coisa mudou na "lei" quando esta deixou de ser tutora ?

Sim ,
Todos os mandamentos relacionados com sua função de tutora foram abolidos porque só eram necessários no regime da tutela em que a lei desempenhou -Efésios 2:15 , Colossenses 2:14 .


Conclusão :

A lei não foi abolida mas deixou de ser tutora ......... Jesus não veio revogar a lei mas veio nos tira da necessidade de sermos tutelados por ela.

A lei foi anulada quando deixou de ser tutora ?

Não , pois mesmo com a posse da herança ( a fé ) a lei ainda é necessária- Romanos 3:31

Pois segundo Paulo , ele não teria conhecido pecado sem a instrução da lei -Romanos 7:7
A lei ainda continua instruindo e servindo como "placa de aviso " dizendo : " É perigoso isso e aquilo "!

Perceberam que não existe um conflito natural entre a fé e a lei ?
Percebeu que a Justificação foi sempre pela fé ?
Pois se as ofertas sacrificais não fossem oferecidas  com o  pecador Crendo que era figura do sacrifício de Cristo a justificação não acontecia....
Hoje é só ter fé na Oferta sacrifical oferecida por Deus em prol dos pecadores ...

Deus seja louvado !

    Data/hora atual: Seg 11 Dez 2017, 18:45