F.E. A Doutrina de Jesus Cristo.

--------------------------------------
OLÁ, SEJA BEM VINDO AO FÓRUM EVANGELHO.

CASO DESEJE PARTICIPAR DE DEBATES FAÇA SEU REGISTRO.

ESTE FÓRUM É ABERTO A PESSOAS DE TODOS OS CREDOS.

SE PREFERIR SER APENAS UM LEITOR, ACOMPANHE AS POSTAGENS.

"Conheçamos e prossigamos em conhecer a YHVH ( י ה ו ה )..." (Oséias 6.3)

Norberto
Administrador do Fórum Evangelho

Fórum evangélico, aberto à participação de pessoas de qualquer credo ou religião.


Infográfico - das 70 semanas de Daniel

Compartilhe

Jaime_Dias
- Moisés / Zípora -
- Moisés / Zípora -

Número de Mensagens : 229
Data de inscrição : 08/02/2013

Re: Infográfico - das 70 semanas de Daniel

Mensagem por Jaime_Dias em Ter 21 Maio 2013, 20:33

Olá Norberto,

Assim como, um dos principais fatores que fizeram a diferença na esperança dos Hebreus (muitos pereceram no deserto pela sua murmuração. Hb. 3:9-10) foi "O TEMPO DE 40 ANOS". Assim também agora, ele fará outra vez, diferença NA FÉ DA IGREJA NÉSCIA; pois, O TEMPO TOTAL DA GR. TRIBULAÇÃO chegará próximo aos 21 ANOS.
-Do princípio de dores até à vinda de Jesus, cerca de 14 anos.
-Do princípio de dores, até ao arrebatamento, cerca de 19 anos.
-E do princípio de dores, até a Batalha do Armagedom, cerca de 20 anos e cinco meses.

Jeremias e Jesus, profetizaram O LONGO TEMPO DA GRANDE TRIBULAÇÃO, DIZENDO:
Jer 8:20 - Passou a sega, findou o verão, e nós não estamos salvos

Mateus 25:5 E, TARDANDO O ESPOSO , tosquenejaram todas, e adormeceram.

Jaime_Dias
- Moisés / Zípora -
- Moisés / Zípora -

Número de Mensagens : 229
Data de inscrição : 08/02/2013

Re: Infográfico - das 70 semanas de Daniel

Mensagem por Jaime_Dias em Ter 21 Maio 2013, 20:53

Graça e Paz, David.

David escreveu:Percebo que concordamos quanto aos três primeiros reis, ou reinos, que Daniel viu, e registrou em Daniel 7. Mas, além de rejeitar a hipótese do Senhor Jesus ser o “quinto rei”, penso que nossa discordância está tambem no quarto rei, ou reino, registrado por Daniel...
Bom, a nós foi dada esta interpretação inédita, seguida do gráfico explicativo para a edificação da Igreja. Porém, o livre arbítrio é dado a cada um, para decidir, o que crê.

Lembrando ao prezado que na história bíblica, Deus sempre trouxe ao seu povo, mensagem adversa do que esperavam as teologias de cada época. Em outras palavras, profeticamente eles sempre quebraram a cara, conforme alguns exemplos, abaixo:
-Os rabinos esperavam um Messias de Belém Efrata, ao sul de Israel conforme estava escrito (Mq. 5:2); no entanto Deus os surpreendeu, manifestando o Messias do norte de Israel, da Galiléia (Jo. 2).
-Os rabinos esperavam um Messias profeta, conforme estava escrito (Dt. 18:18); no entanto, Deus os tornou a surpreendê-los, enviando seu próprio Filho (Jo.1:34).
-Os rabinos esperavam que o Messias iria construir o Templo em Jerusalém, conforme estava escrito (Zc. 6:12); no entanto, o Messias os contrariou novamente, dizendo que derribaria o Templo, e em três dias, o levantaria (Jo.2:18), etc...

Quem sabe se para esse tempo, Deus nos levantou para trazer esta grande revelação, afim de contrariar também os religiosos da última geração??? Ou seria alguma coisa impossível para Deus?

No tocante ao quarto reino, não há incoerência alguma, em ele ser o Anticristo.
Analise comigo: Uma mensagem profética quase sempre se mostra resumida, e polivalente. Assim sendo, nós não podemos focar o assunto, em cima apenas do pequeno chifre, como sendo somente este, o Anticristo; pois o mesmo verso também apresenta antes, o quarto reino, como um ser (animal), que tinha dentes grandes de ferro (boca), devorava, e pisava aos pés, a sobra.
“...o quarto animal, terrível e espantoso, e muito forte, o qual tinha dentes grandes de ferro; ele devorava e fazia em pedaços, e pisava aos pés o que sobejava...”

Compare:
Tanto o quarto reino, o animal terrível e espantoso, com seus dez chifres (Dn. 7:7), e o quarto reino da estátua, formado das pernas de ferro e pés, em parte de ferro e em parte de barro, com os dez dedos dos pés (Dn. 2:33), quanto o quarto selo, seguido do quarto cavaleiro do Apocalipse (6:7-Cool, foram colocados em primeira mão, como resumo da profecia. E são elas, e não o pequeno chifre, que estão em harmonia entre si, perfazendo uma só profecia: O Anticristo.

David escreveu:Embora aceite se tratar o quarto reino, do império romano, entendo que este seria um reino diferente, como percebemos no registro bíblico. Creio que é desse quarto reino que virá o anticristo!

Está correta a tua interpretação, em virtude da visão resumida e polivalente.

Continua...
avatar
Jaime_Dias
- Moisés / Zípora -
- Moisés / Zípora -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 229
Idade : 62
Cidade/Estado : Curitiba Pr
Religião : Cristão
Igreja : Espiritual
País : Brazil
Mensagens Curtidas : 0
Pontos de participação : 378
Data de inscrição : 08/02/2013

Re: Infográfico - das 70 semanas de Daniel

Mensagem por Jaime_Dias em Ter 21 Maio 2013, 21:17

Continuando...

David escreveu:Penso que a visão registrada em Apocalipse, explica sobre o quarto animal, visto por Daniel.

Vamos a passagem sobre o quarto animal, na visão de Daniel:

Daniel 7:7-8
7 Depois disto eu continuei olhando nas visões da noite, e eis aqui o quarto animal, terrível e espantoso, e muito forte, o qual tinha dentes grandes de ferro; ele devorava e fazia em pedaços, e pisava aos pés o que sobejava; era diferente de todos os animais que apareceram antes dele, e tinha dez chifres.
8 Estando eu a considerar os chifres, eis que, entre eles subiu outro chifre pequeno, diante do qual três dos primeiros chifres foram arrancados; e eis que neste chifre havia olhos, como os de homem, e uma boca que falava grandes coisas

É interessante notar que Daniel tem a visão do “quarto animal”, e diferentemente dos outros três primeiro, não consegue sequer fazer uma analogia com animais conhecidos, e apenas se limita a dizer que este “era diferente de todos os animais que apareceram antes dele.”
Sim, é verdade. Dificuldade semelhante também teve Ezequiel (1), para descrever a visão dos quatro querubins, que também era diferente de tudo que ele já tinha visto.

Creio que é importante a reflexão sobre os pontos que faziam este animal diferir dos anteriores. O que diferiria este, dos reinos antes dele? Penso que ela está no tocante a sua duração, pois que será deste quarto animal que virá o anticristo!
Quanto à sua duração não, pois o Anticristo completará a outra metade da última semana, cerca de 1.290 dias (Dn. 12:11); assim sendo, praticamente teremos uma mesma continuação cronológica, E NÃO UMA DIFERENÇA DELA.

Vemos que, na visão anterior, a de Nabucodonosor, Daniel havia mostrado claramente AS DUAS FACES DO QUARTA PARTE DA ESTÁTUA, no entanto mais adiante, NÃO ENTENDEU O MESMO ACONTECIMENTO DO QUARTO REINO DA SEGUNDA VISÃO. Talvez por estar envolvido com algum negócio do rei, ou até mesmo falta de tempo para conjugar AS DUAS VISÕES. Lembrando que, existia mais um agravante: O Evangelho de Cristo, LUZ P/ AS PROFECIAS, não havia sido manifesto ainda em seu tempo.

Porém, ele escreveu sobre lado fraco do quarto reino...
2:41 E, quanto ao que viste dos pés e dos dedos, em parte de barro de oleiro, e em parte de ferro, isso será um reino dividido; contudo haverá nele alguma coisa da firmeza do ferro, pois viste o ferro misturado com barro de lodo.
42 E como os dedos dos pés eram em parte de ferro e em parte de barro, assim por uma parte o reino será forte, e por outra será frágil.


...como também, o lado FORTE, que faz A DIFERENÇA DO QUARTO REINO. Pois, enquanto os outros três reinos se apresentam na consistência de barro, o reino do Anticristo, se apresenta NA CONSISTÊNCIA DE FERRO.
43 Quanto ao que viste do ferro misturado com barro de lodo, misturar-se-ão com semente humana, mas não se ligarão um ao outro, ASSIM COMO O FERRO NÃO SE MISTURA COM O BARRO.

David escreveu:Também percebemos no registro bíblico que o “aspecto diferente” deste quarto animal chamou a atenção de Daniel, de tal forma, que quis saber mais sobre ele:

Daniel 7:19
19 Então tive desejo de conhecer a verdade a respeito do quarto animal, que era diferente de todos os outros, muito terrível, cujos dentes eram de ferro e as suas unhas de bronze; que devorava, fazia em pedaços e pisava aos pés o que sobrava;
20 E também a respeito dos dez chifres que tinha na cabeça, e do outro que subiu, e diante do qual caíram três, isto é, daquele que tinha olhos, e uma boca que falava grandes coisas, e cujo parecer era mais robusto do que o dos seus companheiros.
21 Eu olhava, e eis que este chifre fazia guerra contra os santos, e prevaleceu contra eles.
22 Até que veio o ancião de dias, e fez justiça aos santos do Altíssimo; e chegou o tempo em que os santos possuíram o reino.
23 Disse assim: O quarto animal será o quarto reino na terra, o qual será diferente de todos os reinos; e devorará toda a terra, e a pisará aos pés, e a fará em pedaços.
24 E, quanto aos dez chifres, daquele mesmo reino se levantarão dez reis; e depois deles se levantará outro, o qual será diferente dos primeiros, e abaterá a três reis.
25 E proferirá palavras contra o Altíssimo, e destruirá os santos do Altíssimo, e cuidará em mudar os tempos e a lei; e eles serão entregues na sua mão, por um tempo, e tempos, e a metade de um tempo.

Para alguns essa passagem é uma clara alusão a Antioco Epifânio! Este, além de inserir uma imagem de Zeus no templo judeu, forçou a não observância do sábado, bem como proibiu a circuncisão e os hábitos alimentares judeus! Assim, o registro “cuidará em mudar tempos e a lei” se referiria supostamente a este episódio histórico.

Por outro lado, lendo o texto acima, no verso 23, percebemos que o quarto animal é “um quarto reino na terra” de onde, de acordo com o verso 24, se levantarão 10 reinos! Confesso que existem várias linhas que se propõem a identificar esses 10 reinos e que não tenho segurança para apontar qual seriam eles, e dando com exatidão os nomes de tais nações.
É bom saber isso de você, tendo em vista que está cheio de professos entendidos das profecias, que afirmam ao contrário!

Continua...
avatar
Jaime_Dias
- Moisés / Zípora -
- Moisés / Zípora -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 229
Idade : 62
Cidade/Estado : Curitiba Pr
Religião : Cristão
Igreja : Espiritual
País : Brazil
Mensagens Curtidas : 0
Pontos de participação : 378
Data de inscrição : 08/02/2013

Re: Infográfico - das 70 semanas de Daniel

Mensagem por Jaime_Dias em Ter 21 Maio 2013, 21:58

Finalizando essa parte...
David escreveu:Creio, entretanto, que o mais importante é a informação de que surgirá outro rei que “derrubará” três, daqueles dez. A mim, parece que este seria o anticristo. Penso que o chifre que fala insolentemente é uma referencia ao anticristo, uma vez que o registro de Daniel 7 parece mostrar que será o “ancião de dias” quem tomará o seu poder.

Outra linha tenta explicar que esse outro chifre seria o papado! Essa linha parece está mais nítida, quando examinamos a questão na ótica do texto de apocalipse. Pois, este animal, o quarto, tem importância escatológica. È ele que João vê ressurgir com uma ferida mortal, que foi curada!
Não concordo, desculpe-me, mas esta interpretação parte de quem já desde o passado provou que não conhece profecia, a saber: Os I.A.S.D. São bons sim, de restaurante vegetarianos, história, etc...!!!
Aliás, se fosse o papado, ONDE ESTARIA A DIFERENÇA DO QUARTO REINO, se o último ou oitavo pregado por eles, igualmente também seria um papa???

David escreveu:Apocalipse 13:1,3
1 E EU pus-me sobre a areia do mar, e vi subir do mar uma besta que tinha sete cabeças e dez chifres, e sobre os seus chifres dez diademas, e sobre as suas cabeças um nome de blasfêmia.
3 E vi uma das suas cabeças como ferida de morte, e a sua chaga mortal foi curada; e toda a terra se maravilhou após a besta.

De acordo com alguns, essa "besta" ou "animal", seria o mesmíssimo "quarto animal" da visão de Daniel. A João, a revelação dada sobre ele, seria mais ampla. Pois ao apóstolo foi mostrado que o "animal" possui 07 cabeças, e alem disso, que possui um outro personagem, dentro de sua realidade: uma “mulher”. As cabeças serviriam com o propósito de dar a localização exata desse "elemento novo" revelado só a João...
Isso é pura especulação, não procede esta informação. João fala não de uma, MAS DE DUAS BESTAS; esta será apenas a primeira besta, que terá o papel semelhante ao de João Batista, a qual também preparará o caminho para A SEGUNDA BESTA – O ANTICRISTO OU FILHO DA PERDIÇÃO.

Querer que a primeira besta seja o Anticristo, seria o mesmo que esquartejar a estátua de Nabucodonosor, colocando O VENTRE E AS COXAS DE COBRE, no lugar DAS PERNAS E PÉS DE FERRO E BARRO? Ou colocar O TERCEIRO ANIMAL – LEOPARDO, no lugar do QUARTO – TERRÍVEL? Ou ainda,colocar O TERCEIRO SELO, juntamente com O TERCEIRO ANIMAL, no lugar do QUARTO SELO, E DO SEU QUARTO ANIMAL?

Um dos grandes defeitos da maioria teológica e seus teólogos consiste exatamente em querer interpretar um versículo a grosso modo, desprezando todo o seu contexto profético.
David escreveu:Talvez o romanismo que conhecemos hoje!
Nada a vê! Não se julga uma moeda só por um lado.
Na verdade que nós não compactuamos com a doutrina I.C.A.R; mas nem por isso nem nós, nem ninguém pode desmerecer AS BOAS OBRAS DOS NOSSOS IRMÃOS CATÓLICOS, que tem contribuído grandemente para a edificação da moral, dos bons costumes, das famílias; e por consequência, também do reino de Deus. Eles têm seus defeitos? Tem! Como têm igualmente os evangélicos.

Aliás, quando os Evangélicos ficam doentes, em quais hospitais recebem socorro? Quando morrem, em quais cemitérios são enterrados?
Porventura, não são em sua maioria da I.C.A.R?

Fique com Deus...
avatar
David
- Abraão / Sara -
- Abraão / Sara -

Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 180
Idade : 46
Cidade/Estado : João Pessoa - PB
Religião : Cristão
Igreja : Batista
País : Brasil
Mensagens Curtidas : 7
Pontos de participação : 285
Data de inscrição : 11/02/2009

Re: Infográfico - das 70 semanas de Daniel

Mensagem por David em Qua 22 Maio 2013, 14:44

Bom, a nós foi dada esta interpretação inédita, seguida do gráfico explicativo para a edificação da Igreja. Porém, o livre arbítrio é dado a cada um, para decidir, o que crê.

Olá Jaime


Paz do Senhor Jesus


Espero que o colega não se aborreça: Tenho um certo receio de doutrinas que surgem com a capa de ineditismo!

Apesar disso, acredito que concordamos que qualquer ensinamento que surge com uma roupagem de “verdade”, precisa ser medido pelas Escrituras Sagradas!


Lembrando ao prezado que na história bíblica, Deus sempre trouxe ao seu povo, mensagem adversa do que esperavam as teologias de cada época. Em outras palavras, profeticamente eles sempre quebraram a cara, conforme alguns exemplos, abaixo:
-Os rabinos esperavam um Messias de Belém Efrata, ao sul de Israel conforme estava escrito (Mq. 5:2); no entanto Deus os surpreendeu, manifestando o Messias do norte de Israel, da Galiléia (Jo. 2).
-Os rabinos esperavam um Messias profeta, conforme estava escrito (Dt. 18:18); no entanto, Deus os tornou a surpreendê-los, enviando seu próprio Filho (Jo.1:34).
-Os rabinos esperavam que o Messias iria construir o Templo em Jerusalém, conforme estava escrito (Zc. 6:12); no entanto, o Messias os contrariou novamente, dizendo que derribaria o Templo, e em três dias, o levantaria (Jo.2:18), etc...

Creio que o “sono” de Israel foi algo que estava no plano de Deus.

Isaias 29:9-10
9 Tardai, e maravilhai-vos, folgai, e clamai; bêbados estão, mas não de vinho, andam titubeando, mas não de bebida forte.
10 Porque o Senhor derramou sobre vós um espírito de profundo sono, e fechou os vossos olhos, vendou os profetas, e os vossos principais videntes.


Parece-me que a profecia de Isaias mostra que a “cegueira” de Israel veio de um “espírito de profundo sono” que foi “derramado por Deus”. Paulo faz menção a essa questão, em Romanos 11, dizendo:

Romanos 11:8
8 Como está escrito: Deus lhes deu espírito de profundo sono, olhos para não verem, e ouvidos para não ouvirem, até ao dia de hoje.
9 E Davi diz: Torne-se-lhes a sua mesa em laço, e em armadilha, E em tropeço, por sua retribuição;
10 Escureçam-se-lhes os olhos para não verem, E encurvem-se-lhes continuamente as costas.


A questão do “sono” de Israel parece ser conseqüência da ação Divina, para que um propósito seja alcançado. Por esse motivo, talvez não seja razoável citar essa situação, trazendo uma analogia para os discípulos do Senhor Jesus, hoje! Ora, se o colega tem “algo novo”, inédito como diz, devemos julgar a vossa linha com honestidade, através das Escrituras! Se não estiverem de acordo com a Palavra de Deus, a doutrina deve ser prontamente rejeitada!

Quem sabe se para esse tempo, Deus nos levantou para trazer esta grande revelação, afim de contrariar também os religiosos da última geração??? Ou seria alguma coisa impossível para Deus?

Espero não entristecer o amigo, mas parece-me que após a morte dos apóstolos, todos aqueles que se levantaram com uma doutrina inédita, acabaram por criar uma religião nova!

Confesso que não sei como o amigo entende, em termos gerais de graça, salvação, fé, e ainda estou tranqüilo porque em minha mente, estamos tratando apenas sobre escatologia. E no meu entendimento, a forma como um discípulo do Senhor crê, sobre como será a volta do Messias, não afeta para questão de salvação. Mas confesso que passo, a cada mensagem, a estar mais temeroso sobre a crença do amigo, em relação a assuntos como graça, fé, salvação, pecado, pois tem se apresentado como alguém que “Deus levantou para trazer uma grande revelação”.

No tocante ao quarto reino, não há incoerência alguma, em ele ser o Anticristo.
Analise comigo: Uma mensagem profética quase sempre se mostra resumida, e polivalente. Assim sendo, nós não podemos focar o assunto, em cima apenas do pequeno chifre, como sendo somente este, o Anticristo; pois o mesmo verso também apresenta antes, o quarto reino, como um ser (animal), que tinha dentes grandes de ferro (boca), devorava, e pisava aos pés, a sobra.

Amigo, a revelação de Daniel apresenta apenas quatro reinos! São apenas quatro animais, representando quatro reinos! Também a profecia da estátua de Nabucodonosor parece mostrar a mesma mensagem desta visão de quatro animais, e mostra quatro reinos!

Na passagem de Daniel 7, sobre os quatro animais, é interessante notar que alguns animais possuem “chifres”. Para interpretarmos coerentemente, creio que se consideramos os animais como sendo reinos, como bem percebemos no texto, é coerente que adotemos de que os chifres daquele animal, sejam governantes, ou talvez nações, que surgiriam ou surgirão, dentro daquele determinado reino! A grande questão, entretanto, é que são apenas quatro animais, ou quatro reinos, ou seja, não existem um quinto animal! Se alguém ensina outros reinos além desses, estará adicionando mensagem a Escritura!

Daniel 7:2-3,23
2 Falou Daniel, e disse: Eu estava olhando na minha visão da noite, e eis que os quatro ventos do céu agitavam o mar grande.
3 E quatro animais grandes, diferentes uns dos outros, subiam do mar.
23 Disse assim: O quarto animal será
o quarto reino na terra, o qual será diferente de todos os reinos;

Parece-me coerente que a mensagem é de que o “quarto animal” será o quarto reino na terra, e será diferente de todos os outros reinos. O entendimento de que a característica do quarto animal, que o torna tão diferente dos outros três, é a sua duração, não é só minha. Mas penso que o colega chamará isso de “teologia pública” e que não é inédita.

Assim, o que trago a questão, para reflexão do colega, é que a visão de Daniel mostra apenas 4 reinos! E que ao final do quarto reino, “os santos do Altíssimo receberão o reino, e o possuirão para todo o sempre, e de eternidade em eternidade.” (Daniel 7:18)


Compare:
Tanto o quarto reino, o animal terrível e espantoso, com seus dez chifres (Dn. 7:7), e o quarto reino da estátua, formado das pernas de ferro e pés, em parte de ferro e em parte de barro, com os dez dedos dos pés (Dn. 2:33)

Eu creio que a visão da estátua, que possuía a cabeça de ouro, assim como a visão dos quatro animais, parecem possuir a mesma mensagem! Entendo, entretanto, que usar Apocalipse para ensinar que haverá um quinto, sexto e sétimos reinos, é desconsiderar a preciosa informação de Daniel de que existirão apenas quatro reinos.

A mim, é bastante claro que o anticristo sairá do quarto animal, ou seja, do quarto reino!

quanto o quarto selo, seguido do quarto cavaleiro do Apocalipse (6:7- , foram colocados em primeira mão, como resumo da profecia. E são elas, e não o pequeno chifre, que estão em harmonia entre si, perfazendo uma só profecia: O Anticristo.

Eu confesso que não entendi a “salada” que o colega fez com “o quarto cavaleiro do apocalipse”. O que tem uma coisa a ver com outra?

Não concordo, desculpe-me, mas esta interpretação parte de quem já desde o passado provou que não conhece profecia, a saber: Os I.A.S.D. São bons sim, de restaurante vegetarianos, história, etc...!!!
Aliás, se fosse o papado, ONDE ESTARIA A DIFERENÇA DO QUARTO REINO, se o último ou oitavo pregado por eles, igualmente também seria um papa???

EU não acredito que o anticristo é o papado, mas apenas fiz a menção de que existe essa linha teológica! Penso que o anticristo será um ser pessoal, um homem, e terá um ajudante! A informação de João, dizendo que serão lançados vivos no lago de fogo parece mostrar isso! Apesar disso, não me sinto confortável sugerindo um nome de um pretenso anticristo que virá surgir! Apenas “estou de olho”, atento as coisas que se passam! Também a mim, parece claro que o romanismo tem a ver, ou com o anticristo, ou com o falso profeta, ou quem sabe, com ambos!

Isso é pura especulação, não procede esta informação. João fala não de uma, MAS DE DUAS BESTAS; esta será apenas a primeira besta, que terá o papel semelhante ao de João Batista, a qual também preparará o caminho para A SEGUNDA BESTA – O ANTICRISTO OU FILHO DA PERDIÇÃO.

Como já disse, creio que a besta de sete cabeças e dez chifres, ou em outras palavras, animal de sete cabeças e dez chifres, registrado por João, é o mesmíssimo “quarto animal”, referido por Daniel.

Apocalipse 13:1
E EU pus-me sobre a areia do mar, e vi subir do mar uma besta que tinha sete cabeças e dez chifres, e sobre os seus chifres dez diademas, e sobre as suas cabeças um nome de blasfêmia.


É interessante notar que os chifres possuem coroas, possivelmente uma referencia a reis, ou representantes de países, como presidentes! Penso que as sete cabeças, tem também a finalidade de mostrar um “personagem novo”, que João chama de “grande prostituta”.

Querer que a primeira besta seja o Anticristo, seria o mesmo que esquartejar a estátua de Nabucodonosor, colocando O VENTRE E AS COXAS DE COBRE, no lugar DAS PERNAS E PÉS DE FERRO E BARRO? Ou colocar O TERCEIRO ANIMAL – LEOPARDO, no lugar do QUARTO – TERRÍVEL? Ou ainda,colocar O TERCEIRO SELO, juntamente com O TERCEIRO ANIMAL, no lugar do QUARTO SELO, E DO SEU QUARTO ANIMAL?

Jaime, eu confesso que não entendi o seu questionamento acima!

Eu entendo que a João foi revelado um pouco mais, sobre o “quarto animal”. Mas percebo que o colega parece não gostar dessa interpretação. Assim, na ótica do amigo, em que sentido esse entendimento prejudica o registro de Daniel? A mim, parece bem coerente com o que lá encontramos registrado!


Nada a vê! Não se julga uma moeda só por um lado.
Na verdade que nós não compactuamos com a doutrina I.C.A.R; mas nem por isso nem nós, nem ninguém pode desmerecer AS BOAS OBRAS DOS NOSSOS IRMÃOS CATÓLICOS, que tem contribuído grandemente para a edificação da moral, dos bons costumes, das famílias; e por consequência, também do reino de Deus. Eles têm seus defeitos? Tem! Como têm igualmente os evangélicos.

Aliás, quando os Evangélicos ficam doentes, em quais hospitais recebem socorro? Quando morrem, em quais cemitérios são enterrados?
Porventura, não são em sua maioria da I.C.A.R?

EU entendo que João dá muitas “dicas” para que se possa identificar a “grande prostitua”. Ele parece claro, quando diz que ela:

Está em muitas nações:

Apocalipse 17:1
1 E VEIO um dos sete anjos que tinham as sete taças, e falou comigo, dizendo-me: Vem, mostrar-te-ei a condenação da grande prostituta que está assentada sobre muitas águas;


Essas “muitas águas”, são povos, nações e raças, onde a “prostituta” está assentada.

Apocalipse 17:15
15 E disse-me: As águas que viste, onde se assenta a prostituta, são povos, e multidões, e nações, e línguas.


João diz que essa “prostituta” prostitui grandes reis da terra, e embebedou com vinho de sua prostituição os que habitam na terra.

Apocalipse 17:1-2
E VEIO um dos sete anjos que tinham as sete taças, e falou comigo, dizendo-me: Vem, mostrar-te-ei a condenação da grande prostituta que está assentada sobre muitas águas; Com a qual se prostituíram os reis da terra; e os que habitam na terra se embebedaram com o vinho da sua prostituição.


Creio, que até nós mesmos, discípulos do Senhor Jesus, estamos até hoje, talvez uns mais, e outros menos, embriagados com o vinho de prostituição dessa “senhora”. Enganados com doutrinas corrompidas, baseadas sempre em “mistério”! De acordo com o registro, essa mulher é alguém que procura se envolver com os reis, ou seja, com os governantes, quer fazer parte do estado!

Essa mulher usa roupas de cor “púrpura e escarlata” e é também tremendamente rica:

Apocalipse 17:4
E a mulher estava vestida de púrpura e de escarlata, e adornada com ouro, e pedras preciosas e pérolas; e tinha na sua mão um cálice de ouro cheio das abominações e da imundícia da sua prostituição;


Vejam abaixo o link das cores púrpura e escarlata:

link clique para ver ----> Púrpura e Escarlata

João não deixa só essas “pistas”, para que essa mulher seja identificada: Ele diz que ela matou vários discípulos do Senhor Jesus, de modo que estava “embriagada com o sangue”.

Apocalipse 17:6
E vi que a mulher estava embriagada do sangue dos santos, e do sangue das testemunhas de Jesus.



E para finalizar, João diz a localização exata de onde podemos encontrar essa mulher:

Apocalipse 17:9
Aqui o sentido, que tem sabedoria. As sete cabeças são sete montes, sobre os quais a mulher está assentada.


Na passagem acima, João finaliza, dizendo que esta mulher está estabelecida entre sete montes! Ora, esta é uma clara referencia a Roma! Amigo, parece-me claro demais!

Espero que nenhum colega forista se sinta agredido com o que acabei de digitar. Mas o propósito não é ferir ninguém, mas apenas algo do qual eu acredito!


QUe o Senhor COntinue a nos abençoar


David
avatar
Jaime_Dias
- Moisés / Zípora -
- Moisés / Zípora -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 229
Idade : 62
Cidade/Estado : Curitiba Pr
Religião : Cristão
Igreja : Espiritual
País : Brazil
Mensagens Curtidas : 0
Pontos de participação : 378
Data de inscrição : 08/02/2013

Re: Infográfico - das 70 semanas de Daniel

Mensagem por Jaime_Dias em Qui 23 Maio 2013, 08:38

Bom dia David,
Paz seja convosco!

David escreveu:Espero que o colega não se aborreça: Tenho um certo receio de doutrinas que surgem com a capa de ineditismo!
Sugiro então, que o prezado deva rasgar na tua bíblia as várias mensagens de ineditismo:
Jr. 33:3 Clama a mim, e responder-te-ei, e anunciar-te-ei coisas grandes e firmes que não sabes.

O próprio reinado Milenar e a Vida Eterna, serão indescritíveis aos olhos e ouvidos do homem.
1Cor. 2:
9 Mas, como está escrito: As coisas que o olho não viu, e o ouvido não ouviu,e não subiram ao coração do homem, são as que Deus preparou para os que o amam.
10 Mas Deus no-las revelou pelo seu Espírito; porque o Espírito penetra todas as coisas, ainda as profundezas de Deus.


David escreveu:Apesar disso, acredito que concordamos que qualquer ensinamento que surge com uma roupagem de “verdade”, precisa ser medido pelas Escrituras Sagradas!
Sim, é verdade! Tudo deve ser medido pelas Escrituras, dentro da "RETA JUSTIÇA", e não pelos critérios filosóficos e teológicos de cada teologia; diga-se de passagem, exerce uma justiça duvidosa, e vive uma fé teórica.Tt. 1:15 ...nada é puro para os contaminados e infiéis; antes o seu entendimento e consciência estão contaminados.

David escreveu:Creio que o “sono” de Israel foi algo que estava no plano de Deus.
Parece-me que a profecia de Isaias mostra que a “cegueira” de Israel veio de um “espírito de profundo sono” que foi “derramado por Deus”. Paulo faz menção a essa questão, em Romanos 11, dizendo:
Romanos 11:8
8 Como está escrito: Deus lhes deu espírito de profundo sono, olhos para não verem, e ouvidos para não ouvirem, até ao dia de hoje.
9 E Davi diz: Torne-se-lhes a sua mesa em laço, e em armadilha, E em tropeço, por sua retribuição;
10 Escureçam-se-lhes os olhos para não verem, E encurvem-se-lhes continuamente as costas.
O “sono” de Israel no passado, nos sobrevém como figuras (1Cor. 10:11), para que a igreja de hoje, não torne a cometer os mesmos erros deles: Querer ficar “na mesmice da letra”, em pleno Ministério do Espírito.
Rm 11:21 Porque, se Deus não poupou os ramos naturais, teme que não te poupe a ti também.

David escreveu:Ora, se o colega tem “algo novo”, inédito como diz, devemos julgar a vossa linha com honestidade, através das Escrituras! Se não estiverem de acordo com a Palavra de Deus, a doutrina deve ser prontamente rejeitada!
Como disse antes ao irmão, se esta obra procede de Deus, ninguém poderá contra ela; ao seu tempo manifestar-se-á, e os contrários serão envergonhados.

E já está sendo manifesta, o Malafaia no final dessa semana (20/05), copiou e pregou para todo o Brasil, uma das nossas mensagens inéditas: “O dois maiores mandamentos, não da lei e os profetas, mas do Evangelho”.

Preciso sair agora...

Abraços,
Jaime_Dias
avatar
David
- Abraão / Sara -
- Abraão / Sara -

Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 180
Idade : 46
Cidade/Estado : João Pessoa - PB
Religião : Cristão
Igreja : Batista
País : Brasil
Mensagens Curtidas : 7
Pontos de participação : 285
Data de inscrição : 11/02/2009

Re: Infográfico - das 70 semanas de Daniel

Mensagem por David em Qui 23 Maio 2013, 10:38

Olá JAime... PAz do Senhor Jesus


David escreveu:Espero que o colega não se aborreça: Tenho um certo receio de doutrinas que surgem com a capa de ineditismo!


Sugiro então, que o prezado deva rasgar na tua bíblia as várias mensagens de ineditismo:
Jr. 33:3 Clama a mim, e responder-te-ei, e anunciar-te-ei coisas grandes e firmes que não sabes.

Eu penso que se levarmos em consideração a afirmação do amigo, estaremos a mercê de toda e qualquer pessoa que se apresentar como cristão dizendo ter recebido uma revelação nova. É baseado nessa passagem que a "divina revelação do céu" e a "divina revelação do inferno", tem sido ensinada como revelação de Deus, por determinada pessoa.

Eu penso que experiencia pessoal não deve servir como base para se ensinar novas doutrinas! Creio que até podemos compartilhar novas experiencias que tivemos com o Senhor com outros irmãos em Cristo. Mas daí a fazer dessas experiencias uma nova doutrina, e proclamar que deve ser seguida por todos, pois se trata de uma revelação especial para a igreja do Senhor, é algo que parece enquadrar-se tranquilamente em gálatas 1:8.

Sim, é verdade! Tudo deve ser medido pelas Escrituras, dentro da "RETA JUSTIÇA", e não pelos critérios filosóficos e teológicos de cada teologia; diga-se de passagem, exerce uma justiça duvidosa, e vive uma fé teórica.Tt. 1:15 ...nada é puro para os contaminados e infiéis; antes o seu entendimento e consciência estão contaminados.

Não sei se o amigo percebeu o que escreveu acima: Parece insinuar que tenho me baseado em "critérios filosóficos e teológico de cada teologia", além de parecer insinuar que que sou "contaminado e infiel", ao usar a passagem de Tt. 1:15. Jaime, se não tem percebido, não citei nome de algum teólogo, como autoridade para, de alguma forma, invocar que é o meu pensamento que está certo. Se perceber, o que tenho chamado a atenção é para a forma de o amigo interpretar a Escritura! Pois a forma de interpretação do amigo parece equivocada, ao inserir valores e significados as palavras do texto escriturístico, que não foram registradas pelo escritor para a representação que voce quer dar!

Eu poderia mostrar várias passagens em que o Messias faz menção a interpretação histórica gramatical, para mostrar o seu cumprimento: Nenhuma vez ele o fez de forma "espiritual".

O “sono” de Israel no passado, nos sobrevém como figuras (1Cor. 10:11), para que a igreja de hoje, não torne a cometer os mesmos erros deles: Querer ficar “na mesmice da letra”, em pleno Ministério do Espírito.
Rm 11:21 Porque, se Deus não poupou os ramos naturais, teme que não te poupe a ti também.

Eu penso que a interpretação que "espiritualiza" indiscriminadamente do texto bíblico que não foi registrado para esse propósito, é extremamente perigoso! Principalmente porque o texto bíblico que foi registrado para simbolizar algo parece fácil de ser identificado. Nesses textos, o escritor utiliza de figuras, como animais desconhecidos, com chifres, ou mesmo estátuas, ou árvores, ou utiliza de palavras e frases que nos induz a perceber que o registro se trata de simbolismo. Assim, expressões como "aqui há sabedoria", ou "quem lê entenda", ou "aqui há entendimento", demonstra que a mensagem necessitará de "algo mais" para a compreensão do registro bíblico. Acredito que não se pode admitir a "espiritualização" indiscriminada do texto bíblico. Pois tal atitude levará o leitor apenas para uma interpretação completamente equivocada da real intenção do escritor bíblico, ao registrar o escrito sagrado!

Como disse antes ao irmão, se esta obra procede de Deus, ninguém poderá contra ela; ao seu tempo manifestar-se-á, e os contrários serão envergonhados.

E já está sendo manifesta, o Malafaia no final dessa semana (20/05), copiou e pregou para todo o Brasil, uma das nossas mensagens inéditas: “O dois maiores mandamentos, não da lei e os profetas, mas do Evangelho”.

Não sei o que diz essa mensagem, e posso concordar com o colega, tranquilamente, se ela for bíblica! Quanto ao Malafaia, confesso que não concordo com muita coisa da teologia dele!

Que o Senhor nos abençoe

David

avatar
Jaime_Dias
- Moisés / Zípora -
- Moisés / Zípora -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 229
Idade : 62
Cidade/Estado : Curitiba Pr
Religião : Cristão
Igreja : Espiritual
País : Brazil
Mensagens Curtidas : 0
Pontos de participação : 378
Data de inscrição : 08/02/2013

Re: Infográfico - das 70 semanas de Daniel

Mensagem por Jaime_Dias em Sex 24 Maio 2013, 05:42

Bom Dia, David...

Querer que a primeira besta seja o Anticristo, seria o mesmo que esquartejar a estátua de Nabucodonosor, colocando O VENTRE E AS COXAS DE COBRE, no lugar DAS PERNAS E PÉS DE FERRO E BARRO? Ou colocar O TERCEIRO ANIMAL – LEOPARDO, no lugar do QUARTO – TERRÍVEL? Ou ainda,colocar O TERCEIRO SELO, juntamente com O TERCEIRO ANIMAL, no lugar do QUARTO SELO, E DO SEU QUARTO ANIMAL?
David escreveu:Jaime, eu confesso que não entendi o seu questionamento acima!
Quanta dificuldade para enxergar o óbvio, meu caro! Vou desenhar, então?


Será que deu pra cair a ficha, agora???
avatar
David
- Abraão / Sara -
- Abraão / Sara -

Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 180
Idade : 46
Cidade/Estado : João Pessoa - PB
Religião : Cristão
Igreja : Batista
País : Brasil
Mensagens Curtidas : 7
Pontos de participação : 285
Data de inscrição : 11/02/2009

Re: Infográfico - das 70 semanas de Daniel

Mensagem por David em Sex 24 Maio 2013, 14:37

Olá Jaime... Paz do Senhor Jesus esteja convosco.


Confesso que essa nossa conversa tem sido edificante para mim. Tem me levado a ler algumas passagens bíblicas que não lia já há algum tempo. Apesar disso, devido a diferença de interpretação que adotamos, fico impressionado, pois parece que lemos em livros diferentes, para tirarmos conclusões tão diferentes.


Bom Dia, David...

Querer que a primeira besta seja o Anticristo, seria o mesmo que esquartejar a estátua de Nabucodonosor, colocando O VENTRE E AS COXAS DE COBRE, no lugar DAS PERNAS E PÉS DE FERRO E BARRO? Ou colocar O TERCEIRO ANIMAL – LEOPARDO, no lugar do QUARTO – TERRÍVEL? Ou ainda,colocar O TERCEIRO SELO, juntamente com O TERCEIRO ANIMAL, no lugar do QUARTO SELO, E DO SEU QUARTO ANIMAL?


O amigo escreveu algo que não tem a ver com o que está escrito. A passagem de Daniel 2, registra o sonho do rei Nabucodonosor, e a interpretação desse sonho, dada pelo profeta. Essa interpretação trás a mesma mensagem que encontramos na visão sobre os quatro animais, no capítulo 7.

Em Daniel 2:31, Daniel passa a dar a interpretação do sonho: Vamos ao texto, para ficar mais claro:

Daniel 2:31
31 Tu, ó rei, estavas vendo, e eis aqui uma grande estátua; esta estátua, que era imensa, cujo esplendor era excelente, e estava em pé diante de ti; e a sua aparência era terrível.
32 A cabeça daquela estátua era de ouro fino; o seu peito e os seus braços de prata; o seu ventre e as suas coxas de cobre;
33 As pernas de ferro; os seus pés em parte de ferro e em parte de barro.
34 Estavas vendo isto, quando uma pedra foi cortada, sem auxílio de mão, a qual feriu a estátua nos pés de ferro e de barro, e os esmiuçou.


No sonho do rei, havia uma estátua, constituída de elementos diferentes. E na interpretação desse sonho, existe a divisão dessa estátua em quatro partes!

1 - Cabeça de ouro

2 – Peito e braços de prata

3 – Ventre e coxas de cobre

4 – Pernas e pés de ferro, com algumas partes dos pés em barro.

Logicamente que não podemos atribuir aleatoriamente valores, a cada uma dessas partes: precisamos usar a interpretação do profeta, para sabermos a mensagem! Assim vamos a interpretação de Daniel para cada uma dessas partes:

Daniel 2:37-38
37 Tu, ó rei, és rei de reis; a quem o Deus do céu tem dado o reino, o poder, a força, e a glória.
38 E onde quer que habitem os filhos de homens, na tua mão entregou os animais do campo, e as aves do céu, e fez que reinasse sobre todos eles; tu és a cabeça de ouro.


Nesse versículo acima, Daniel é claro: a cabeça de ouro seria o próprio rei babilônico, seria o reinado babilônico. Isto está em plena harmonia, com a passagem de Daniel 7:4, sobre o primeiro animal!

Na interpretação das outras partes da estátua, Daniel diz tratar-se de reinos que viriam:

Daniel 2:39-40
39 E depois de ti se levantará outro reino, inferior ao teu; e um terceiro reino, de bronze, o qual dominará sobre toda a terra.
40 E o quarto reino será forte como ferro; pois, como o ferro, esmiúça e quebra tudo; como o ferro que quebra todas as coisas, assim ele esmiuçará e fará em pedaços.



Creio que podemos dizer que:

1 - Cabeça de ouro – império babilônico – Primeiro Animal (Daniel 7:4)

2 – Peito e braços de prata – império medo-persa – Segundo Animal (Daniel 7:5)

3 – Ventre e coxas de cobre – império grego – Terceiro Animal (Daniel 7:6)

4 – Pernas de ferro e pés de ferro e barro – império romano – Quarto animal (Daniel 7:7).


Esta seria a mesmíssima mensagem dos quatro animais, em Daniel 7! Assim como em Daniel 7, nos é revelado que é o quarto animal o mais diferente de todos, aqui tambem percebemos que é na “quarta parte” da estátua, o reino mais diferente. Aqui nos é revelado uma peculiaridade desse reino: possui partes de ferro e partes de barro. Para alguns, essa característica peculiar seria a revelação de que este quarto reino seria formado por duas partes completamente diferentes, que não se misturam: Esses enxergam a “mulher sentada na besta”, registrada por João em Apocalipse, como a “parte de barro”! De acordo com essa linha, o "quarto reino" seria inicialmente composto apenas de ferro, já que as "Pernas são de ferro". Isso equivale a dizer que o império romano, incialmente, era apenas "ferro"! Ou seja, não existia ainda a "prostituta" em seus lombos... Mais tarde, ou seja, na época dos pés é constituído de ferro e barro! É curiosos que são apenas os pés, que serão atingidos pela Pedra, que é Jesus Cristo!

É importante lembrar, que será do quarto animal, que será um reino constituído de “barro e ferro”, que virá o anticristo! Perceba que a pedra não bate na cabeça da estátua, que seria na época dos babilônicos, mas nos pés! Também em Daniel 7, percebemos que somente após o quarto animal, que o reino eterno se manifesta na terra!

Não percebo dificuldade em ver essa mensagem nesse texto! Mas não compreendo como o colega enxerga outra coisa, há não ser, unicamente aquilo que o profeta registrou para nós, hoje!

Será que deu pra cair a ficha, agora???

Jaime, sinceramente, não consigo compreender como o amigo consegue entender tudo o que vimos agora, de maneira diferente! As passagens parecem-me muito claras!


Que o Senhor continue a nos abençoar


David
avatar
Jaime_Dias
- Moisés / Zípora -
- Moisés / Zípora -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 229
Idade : 62
Cidade/Estado : Curitiba Pr
Religião : Cristão
Igreja : Espiritual
País : Brazil
Mensagens Curtidas : 0
Pontos de participação : 378
Data de inscrição : 08/02/2013

Re: Infográfico - das 70 semanas de Daniel

Mensagem por Jaime_Dias em Sab 25 Maio 2013, 12:42

Paz seja convosco, meu irmão David...

David escreveu:Confesso que essa nossa conversa tem sido edificante para mim. Tem me levado a ler algumas passagens bíblicas que não lia já há algum tempo. Apesar disso, devido a diferença de interpretação que adotamos, fico impressionado, pois parece que lemos em livros diferentes, para tirarmos conclusões tão diferentes.
É porque você é uma pessoa sincera na defesa da Palavra de Deus, no entanto estás fazendo isso; DE FORMA DIFERENTE A DO EVANGELHO; ou seja: Você está num barco, remando com um remo só, e de um lado só!

David escreveu:O amigo escreveu algo que não tem a ver com o que está escrito...
Como não? Você estás enxergando as coisas como o Cabral, que viu UMA ILHA, ao invés do GRANDE CONTINENTE – BRASIL!
De igual forma, estas interpretando a profecia somente na sua ótica figurativa e simbólica sobre o que aconteceu "EM PARTE"; E NÃO NO SEU CUMPRIMENTO TOTAL, DO EVANGELHO DE CRISTO, que é A IMAGEM EXATA DAS COISAS.(Hb. 10:1).

Entenda meu caro David, não se conjuga uma profecia somente por um lado; mas, de DOIS LADOS OU DOIS PRISMAS DIFERENTES:
Primeiro:No seu cumprimento FIGURATIVO TESTEMUNHAL, sob a lei e os profetas.

Segundo: Em seu cumprimento TOTAL, sob o Evangelho de Cristo.
Confira um e o outro lado, pelo exemplo, apenas da parte da estátua de Nabucodonosor: A CABEÇA.

A PROFECIA DA ESTÁTUA DE NABUCODONOSOR, somente será SELADA ou CUMPRIDA após os últimos acontecimentos, na sua abrangência MAIOR E TOTAL no fim dos dias, conforme disse Daniel:
“Mas há um Deus nos céus, o qual revela os segredos; ele pois fez saber ao rei Nabucodonosor O QUE HÁ DE ACONTECER NO FIM DOS DIAS...” Dn. 2:28.

A PREFIGURAÇÃO DESSA PROFECIA NO ANTIGO TESTAMENTO
Deus anunciou a Daniel de forma parcial, o sonho de Nabucodonosor rei da Babilônia, entre os anos 605 a.C e 539 a.C, apenas na sua interpretação figurativa histórica; E NÃO NO SEU FATO MAIOR, o qual deveria se cumprir, NAS PALAVRAS SELADAS, PARA OS ÚLTIMOS DIAS.
Dn. 12:4 E tu, Daniel, ENCERRA ESTAS PALAVRAS E SELA ESTE LIVRO, ATÉ AO FIM DO TEMPO; muitos correrão de uma parte para outra, e o conhecimento se multiplicará.

Em razão disso, o Senhor permitiu ao rei, ser o personagem principal do seu próprio sonho profético, apenas na figura/sombra do verdadeiro CABEÇA DE OURO – CRISTO E SEU REINO, o qual viria mais tarde sob o Evangelho.
"Tu, ó rei, és o rei de reis: pois o Deus do céu te tem dado O REINO, O PODER E A FORÇA, E A MAJESTADE.
E onde quer que habitem filhos dos homens, animais do campo, e aves do céu, ele tos entregou na mão, e fez que dominasses sobre todos eles; TU ÉS O CABEÇA DE OURO". Dn. 2:37


O CUMPRIMENTO DA CABEÇA DE OURO DA ESTÁTUA
Na plenitude dos tempos, depois de sua morte e ressurreição e depois que foi GLORIFICADO NO CÉU (Mt. 28:18), Cristo cumpriu o fato profético MAIOR da cabeça de ouro, figurativa histórica menor; sendo apresentado no Evangelho, como: O CABEÇA DA IGREJA.
"Que manifestou em Cristo, ressuscitando-o dos mortos, e pondo-o à sua direita nos céus.
Acima de todo principado, e poder, e potestade, e domínio, e de todo o nome que se nomeia, não só neste século, mas também no vindouro.
E SUJEITOU TODAS AS COISAS A SEUS PÉS, e sobre todas as coisas O CONSTITUIU COMO CABEÇA DA IGREJA."Ef. 1:20-22.


O CUMPRIMENTO DO FATO MENOR E DO MAIOR, SOBRE O REI NABUCODONOSOR E SOBRE O REI JESUS
-O Rei Nabucodonosor: Deus lhe deu apenas O PODER sobre TODOS OS REINOS E ANIMAIS DA TERRA E DO CÉU ATMOSFÉRICO. Dn. 2:37

-O REI JESUS: Deus lhe deu TODO O PODER: NO CÉU E NA TERRA E DEBAIXO DA TERRA E NO MAR.
“E, chegando-se Jesus, falou-lhes, dizendo: É ME DADO TODO O PODER NO CÉU E NA TERRA.” Mt. 28:18.

"Que com grande voz diziam: Digno é o Cordeiro, que foi morto, de receber O PODER, E RIQUEZAS, E SABEDORIA, E FORÇA, E HONRA, E GLÓRIA, E AÇÕES DE GRAÇAS.E ouvi a toda criatura que está NO CÉU, E NA TERRA, E DEBAIXO DA TERRA, E QUE ESTÁ NO MAR, e todas as coisas que neles há, dizer: Ao que está assentado sobre o trono, e ao Cordeiro, sejam dadas açõe de graças, e honra, e glória, e poder para todo o sempre". Ap. 5:12-13.


-O Rei Nabucodonosor: Foi apenas “rei de reis” Dn. 2:37.

-O REI JESUS: É “O REI dos reis e SENHOR dos senhores”. Ap. 19:16.

-O Rei Nabucodonosor: Seu reino era apenas de consistência material. Dn. 2:37-38

-O REI JESUS: Seu reino, primeiro foi manifesto na consistência ESPIRITUAL"...O Reino de Deus NÃO VEM COM APARÊNCIA EXTERIOR." Lc. 17:20

Num futuro breve, seu Reino manifestar-se-á de forma gloriosa"LITERAL E NA TERRA"
“E a lua se envergonhará, e o sol se confundirá quando o Senhor dos Exércitos REINAR NO MONTE DE SIÃO E EM JERUSALÉM; e então perante os seus anciãos haverá glória.” Is. 24:23.

-O Rei Nabucodonosor: Morreu e não reviveu, tanto Ele quanto o seu reino foram apenas transitórios. Dn. 2:39

-O REI JESUS: Morreu mas reviveu.
"...FOI MORTO, E REVIVEU". Ap. 1:18.

Portanto, Ele e Seu reino são ETERNOS.
“Mas nos dias destes reis, o Deus do céu levantará UM REINO QUE NÃO SERÁ JAMAIS DESTRUÍDO...” Dn. 2:44

-O Rei Nabucodonosor:Foi apenas O PRIMEIRO rei da estátua figurativa da lei e os profetas.

-O REI JESUS: É O PRIMEIRO E O ÚLTIMO.
“...Isto diz o primeiro e o último, que foi morto, e reviveu.” Ap. 2:8

O PRIMEIRO REI, O CABEÇA DO CORPO DA IGREJA; E O ÚLTIMO REI - O QUINTO, FORA DA ESTÁTUA: A PEDRA NO EVANGELHO. Mt.21:44
“Ele é A PEDRA que foi rejeitada por vós, os edificadores, a qual foi posta por cabeça de esquina.” At.4:11.

Em se tratando das promessas de Deus, qualquer simbologia, prefiguração, testemunho na Bíblia, Cristo sempre foi O PRIMEIRO E O ÚLTIMO.
“Porque todas quantas promessas há de Deus, SÃO NELE SIM, E POR ELE O AMÉM, para a glória de Deus por nós.” II Co. 1:20.[/

David escreveu:Apesar disso, devido a diferença de interpretação que adotamos, fico impressionado, pois parece que lemos em livros diferentes, para tirarmos conclusões tão diferentes.
Portanto, David, é em razão disso, que falamos a mesma profecia com interpretação diferentes. Você quer conjugá-la somente pelo seu lado histórico, remando de um lado só; ao passo que, nós REMAMOS PELOS DOIS LADOS, reconhecendo tanto o seu lado histórico, COMO PRINCIPALMENTE O SEU CUMPRIMENTO TOTAL NO EVANGELHO apresentado acima, que é o lado que até agora, você NÃO ENXERGOU. No entanto, o Espírito do Senhor é poderoso para fazê-lo entender!
1Cor. 2:7 Mas falamos a sabedoria de Deus, oculta em mistério, a qual Deus ordenou antes dos séculos para nossa glória;
8 A qual nenhum dos príncipes deste mundo conheceu; porque, se a conhecessem, nunca crucificariam ao Senhor da glória.


Nos Laços do Calvário,
Jaime e Júlio
avatar
David
- Abraão / Sara -
- Abraão / Sara -

Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 180
Idade : 46
Cidade/Estado : João Pessoa - PB
Religião : Cristão
Igreja : Batista
País : Brasil
Mensagens Curtidas : 7
Pontos de participação : 285
Data de inscrição : 11/02/2009

Re: Infográfico - das 70 semanas de Daniel

Mensagem por David em Seg 27 Maio 2013, 13:14

jaime escreveu:
Paz seja convosco, meu irmão David...

David escreveu:Confesso que essa nossa conversa tem sido edificante para mim. Tem me levado a ler algumas passagens bíblicas que não lia já há algum tempo. Apesar disso, devido a diferença de interpretação que adotamos, fico impressionado, pois parece que lemos em livros diferentes, para tirarmos conclusões tão diferentes.


É porque você é uma pessoa sincera na defesa da Palavra de Deus, no entanto estás fazendo isso; DE FORMA DIFERENTE A DO EVANGELHO; ou seja: Você está num barco, remando com um remo só, e de um lado só!

Olá Jaime... Paz do Senhor Jesus esteja convosco!



Penso que também preciso crer que o amigo é sincero em suas convicções. Ou seja, que expõe de fato seus pensamentos, porque acredita que eles sejam a verdade, mas que, apesar disso, tem a convicção de que se outro entendimento lhes for apresentado, e lhes provar que seu primeiro pensamento é completamente equivocado, não terá orgulho de reconhecer que precisa mudar seus conceitos!

Confesso ao colega que não tenho nenhuma vontade de trocar idéias com alguem que quer apenas defender uma posição a todo custo, mesmo que isso lhes custe negar a verdade. Ainda penso que essa não é a intenção do colega!


David escreveu:O amigo escreveu algo que não tem a ver com o que está escrito...


Como não? Você estás enxergando as coisas como o Cabral, que viu UMA ILHA, ao invés do GRANDE CONTINENTE – BRASIL!
De igual forma, estas interpretando a profecia somente na sua ótica figurativa e simbólica sobre o que aconteceu "EM PARTE"; E NÃO NO SEU CUMPRIMENTO TOTAL, DO EVANGELHO DE CRISTO, que é A IMAGEM EXATA DAS COISAS.(Hb. 10:1).

Entenda meu caro David, não se conjuga uma profecia somente por um lado; mas, de DOIS LADOS OU DOIS PRISMAS DIFERENTES:


Jaime, a passagem é bastante clara. Ela mostra uma grande estátua, que representa 4 reinos!

1 - Cabeça de ouro – império babilônico – Primeiro Animal (Daniel 7:4)

2 – Peito e braços de prata – império medo-persa – Segundo Animal (Daniel 7:5)

3 – Ventre e coxas de cobre – império grego – Terceiro Animal (Daniel 7:6)

4 – Pernas de ferro e pés de ferro e barro – império romano – Quarto animal (Daniel 7:7).

E que após o quarto reino, "o Deus do céu levantará um reino que não será jamais destruído; e este reino não passará a outro povo". Amigo, isso ainda não se cumpriu!

Toda a passagem registra o "momento" dos reinos que se sucederiam, aqui na terra. Penso que concordamos que o quarto reino é o romano. Esse reino, inicialmente, é representado apenas como ferro. Creio que existe nessa representação, pernas de ferro, uma mensagem clara, pois esse mesmo reino, mais tarde, nos pés, é visto como sendo de barro e de ferro.

Também é durante o quarto reino, ou seja, durante o reinado de Roma, que uma pedra fere a estátua, e ela mesma de transforma numa montanha.

Daniel 2:35
... Mas a pedra que feriu a estátua se tornou em grande montanha, que encheu toda a terra.



Penso que a informação de que a pedra, que fere a estátua, e se transforma em grande montanha e que enche toda a terra, se refere ao reinado ao Senhor Jesus Cristo!

Daniel 2.44
Mas, nos dias desses reis, o Deus do céu levantará um reino que não será jamais destruído, e este reino não passará a outro povo, esmiuçará e consumirá todos esses reinos, mas ele mesmo subsistirá para sempre.


Para que se entenda, de fato, a mensagem dos escritos, penso que precisamos meditar em cada palavra ali escrita. Assim, a pedra cair nos pés da estátua, possivelmente significa que durante o período histórico que corresponde aos pés, Deus levantaria um Reino.

COmo pré-milenista, percebo claramente a que reino, esta profecia se refere! Esse Reino se compara em símbolos proféticos a uma montanha, uma grande montanha.

Primeiro:No seu cumprimento FIGURATIVO TESTEMUNHAL, sob a lei e os profetas.

Jaime, a passagem é bastante clara: registra sobre quatro reinos, e após o quarto, "o Deus do céu levantará um reino que não será jamais destruído; e este reino não passará a outro povo". Amigo, não existe outro cumprimento para a passagem que não seja este, que o próprio escritor bíblico nos escreveu!

Penso que inventar supostos cumprimentos para a passagem bíblica, quando o cumprimento da profecia é claro, levará o leitor bíblico apenas para o lado errado da interpretação!

Segundo: Em seu cumprimento TOTAL, sob o Evangelho de Cristo.
Confira um e o outro lado, pelo exemplo, apenas da parte da estátua de Nabucodonosor: A CABEÇA.

A PROFECIA DA ESTÁTUA DE NABUCODONOSOR, somente será SELADA ou CUMPRIDA após os últimos acontecimentos, na sua abrangência MAIOR E TOTAL no fim dos dias, conforme disse Daniel:
“Mas há um Deus nos céus, o qual revela os segredos; ele pois fez saber ao rei Nabucodonosor O QUE HÁ DE ACONTECER NO FIM DOS DIAS...” Dn. 2:28.

O argumento do amigo, para dar um novo cumprimento das Escrituras não parece claro. Ora, está claro que Daniel disse:

Daniel 2:28
Mas há um Deus nos céus, o qual revela os segredos; ele pois fez saber ao rei Nabucodonosor O QUE HÁ DE ACONTECER NO FIM DOS DIAS


Penso que isso está precisamente ligado ao quarto reino! É dele que vemos novamente em Daniel 7, e depois em apocalipse, quando se fala de um animal, que em nossas traduções, encontramos "besta".

EU penso que a mensagem dessa profecia é bastante clara! Mas se o colega persiste em continuar com sua crença, atribuindo valores ao cumprimento das profecias, cujo o cumprimento já está registrado como deve acontecer, não posso fazer nada, além do que já fiz, mostrando-lhes a verdade!

Que o Senhor continue a vos abençoar

David
avatar
Jaime_Dias
- Moisés / Zípora -
- Moisés / Zípora -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 229
Idade : 62
Cidade/Estado : Curitiba Pr
Religião : Cristão
Igreja : Espiritual
País : Brazil
Mensagens Curtidas : 0
Pontos de participação : 378
Data de inscrição : 08/02/2013

Re: Infográfico - das 70 semanas de Daniel

Mensagem por Jaime_Dias em Ter 28 Maio 2013, 12:43

Graça e Paz, David...

David escreveu:Confesso ao colega que não tenho nenhuma vontade de trocar idéias com alguem que quer apenas defender uma posição a todo custo, mesmo que isso lhes custe negar a verdade. Ainda penso que essa não é a intenção do colega!
Idem!

David escreveu:Jaime, a passagem é bastante clara. Ela mostra uma grande estátua, que representa 4 reinos!

1 - Cabeça de ouro – império babilônico – Primeiro Animal (Daniel 7:4)

2 – Peito e braços de prata – império medo-persa – Segundo Animal (Daniel 7:5)

3 – Ventre e coxas de cobre – império grego – Terceiro Animal (Daniel 7:6)

4 – Pernas de ferro e pés de ferro e barro – império romano – Quarto animal (Daniel 7:7).

E que após o quarto reino, "o Deus do céu levantará um reino que não será jamais destruído; e este reino não passará a outro povo". Amigo, isso ainda não se cumpriu!
Claro que não! Não somente o reino de Cristo (o 5º dos oito reis de Ap. 17; e o primeiro dos quatro no Evangelho), como também, nem os três reinos restantes (o segundo, o terceiro, e o quarto reino, se cumpriram na profecia, em sua totalidade).
Ou o irmão, pode nos apresentar um verso siquer em Daniel, afirmando que a profecia dos quatro reinos da estátua já se cumpriram na sua TOTALIDADE?
Você não poderá jamais fazer isto, pois a interpretação do sonho de Nabucodonosor dada a Daniel, se apresentaram na configuração de quatro reinos históricos para cumprimento apenas PARCIAL.

-O PRIMEIRO REINO: A CABEÇA DE OURO:
-Na lei e os profetas: Nabucodonosor e seu reino.

-No Evangelho: CRISTO CABEÇA DO CORPO DA IGREJA.
O cumprimento dessa profecia (Dn. 2:44), É UM LONGO PROCESSO, o qual foi manifestado com a vinda do Messias, primeiramente REINO ESPIRITUAL (Mt. 4:17 - Lc. 17:20-21). Desde então, está em pleno andamento, sendo anunciado em todo o mundo da mesma forma (espiritual), pelo Seu CORPO – A IGREJA, até ao fechamento da porta da graça p/ os gentios.
Numa segunda etapa, o mesmo REINO ESPIRITUAL, continuará sendo anunciado a Israel (da vinda do Senhor até à sétima trombeta - arrebatamento).
Depois da B. Do Armagedom e do Tribunal de Cristo, será manifesto a todo o Israel de Deus (gentios e israelitas da promessa), O REINO DE CRISTO, NA SUA LITERALIDADE – O MILÊNIO.

-A DURAÇÃO DESSE REINO: ETERNO (Lc.1:33).

-O SEGUNDO REINO:Peito e braços de prata
-Na lei e os profetas: Medo - Persa.

-No Evangelho: O REI DO NORTE Dn. 11...
Na visão da estátua, Daniel pouco falou desse segundo reino, (Dn. 2:39a); já na visão dos quatro animais, o profeta dá alguns detalhes de quando se cumpre o tempo desse segundo reino: Após o devoramento da terceira costela, pelo animal semelhante ao urso. (ver nossa postagem: A terceira guerra mundial é bíblica?).

A DURAÇÃO DESSE REINO: Sete anos (Êx.7:25 - Ez.4:6).

-O TERCEIRO REINO:Ventre e coxas de cobre
-Na lei e os profetas: Grécia.

-No Evangelho: A primeira besta.
Já na visão da estátua, Daniel falou com detalhes desse terceiro reino: Seria de metal, e dominaria toda a terra (Dn. 2:39b).
Na visão dos quatro animais, ele configurou como um animal semelhante ao leopardo, com quatro asas nas costas (que sugerem seu domínio nos quatro pontos cardeais da terra), seguidas de quatro cabeças (que sugerem quatro grandes reis mundiais, que estarão a serviço da besta).

O que é base para a revelação do Evangelho, sobre manifestação da primeira besta no cenário mundial, futuro.
Ap. 13:
2 E a besta que vi era semelhante ao leopardo, e os seus pés como os de urso, e a sua boca como a de leão; e o dragão deu-lhe o seu poder, e o seu trono, e grande poderio.
7 E foi-lhe permitido fazer guerra aos santos, e vencê-los; e deu-se-lhe poder sobre toda a tribo, e língua, e nação.
8 E adoraram-na todos os que habitam sobre a terra, esses cujos nomes não estão escritos no livro da vida do Cordeiro que foi morto desde a fundação do mundo.


-A DURAÇÃO DESSE REINO: 42 meses (Ap. 13:5)

-O QUARTO REINO:Pernas de ferro e pés parte de ferro e barro
-Na lei e os profetas: Roma.

-No Evangelho: A segunda besta - o Anticristo
Este reino, foi o que mais chamou a atenção de Daniel em virtude da diferença da sua consistência dos demais: FERRO, e pelos seus muitos detalhes.
O que também é base para a revelação do Evangelho, sobre a manifestação da segunda besta – o Anticristo no cenário mundial futuro: um rei diferente de todos.

-A DURAÇÃO DESSE REINO: 1.290 dias (Dn.12:11).

1.Ele se chamará morte - trará o inferno para a Terra:
Ap. 6:8 E olhei, e eis um cavalo amarelo, e o que estava assentado sobre ele tinha por nome Morte; e o inferno o seguia; e foi-lhes dado poder para matar a quarta parte da terra, com espada, e com fome, e com peste, e com as feras da terra.

2.Ele fará descer fogo do céu:
Ap. 13:13 E faz grandes sinais, de maneira que até fogo faz descer do céu à terra, à vista dos homens.

3.Ele mandará fazer uma imagem da besta, dará vida à essa imagem, e mandará matar todos que não adorar ela:
Ap. 13:
14 E engana os que habitam na terra com sinais que lhe foi permitido que fizesse em presença da besta, dizendo aos que habitam na terra que fizessem uma imagem à besta que recebera a ferida da espada e vivia.
15 E foi-lhe concedido que desse espírito à imagem da besta, para que também a imagem da besta falasse, e fizesse que fossem mortos todos os que não adorassem a imagem da besta.


4.Ele mandará colocar o sinal da besta (da 1ª), em todos os habitantes da terra.
Ap. 13:
16 E faz que a todos, pequenos e grandes, ricos e pobres, livres e servos, lhes seja posto um sinal na sua mão direita, ou nas suas testas,
17 Para que ninguém possa comprar ou vender, senão aquele que tiver o sinal, ou o nome da besta, ou o número do seu nome.


Se a profecia da estátua já se cumpriu no passado, então também você terá que nos mostrar, qual foi o quarto rei da história, que governou todo o mundo, com os mesmos quatro quesitos acima???

Portanto David, as passagens são bastantes claras. Elas mostram o desfecho da grande estátua de Cristo em diante, projetando os acontecimentos futuros, PARA ENSINO DA IGREJA. a partir do princípio de dores, com a manifestação dos 3 reinos restantes, sob a ótica do Evangelho do Senhor!!!

Quem desconsiderar isto, além de estar pregando um outro evangelho; também está desfazendo do plano de Deus, em seu cumprimento no Evangelho.

Que Deus o abençoe!

avatar
David
- Abraão / Sara -
- Abraão / Sara -

Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 180
Idade : 46
Cidade/Estado : João Pessoa - PB
Religião : Cristão
Igreja : Batista
País : Brasil
Mensagens Curtidas : 7
Pontos de participação : 285
Data de inscrição : 11/02/2009

Re: Infográfico - das 70 semanas de Daniel

Mensagem por David em Ter 28 Maio 2013, 14:35

Ou o irmão, pode nos apresentar um verso siquer em Daniel, afirmando que a profecia dos quatro reinos da estátua já se cumpriram na sua TOTALIDADE?

Olá Jaime... Paz do Senhor Jesus


Eu penso que você concordou comigo, sobre quem seriam cada um daqueles quatro reinos. Assim, se deduzi corretamente, e você concorda comigo sobre quem são eles, creio que concordamos que eles já passaram! Assim, o império de Alexandre, o grande, não existe mais hoje! Nem o império de Nabucodonosor! Penso que isso está mais do que claro, inclusive na passagem de Daniel, que o próximo reino, viria após o reinado dos babilônicos: Um reino sucederia a outro.

Daniel 2:39
E depois de ti se levantará outro reino, inferior ao teu; e um terceiro reino, de bronze, o qual dominará sobre toda a terra.


Parece bastante claro que a expressão “depois de ti se levantará outro reino”, evidencia que o reinado babilônico daria lugar a outro império! O que não parece evidente, é que existe a menção de que os reinos existirão simultaneamente, mas que um reino "dará lugar a outro"! Parece-me que esse entendimento só não é visto, apenas por quem não quer ver!

Penso que, de toda a profecia em Daniel 2, a única passagem em “aberto”, ou em outras palavras, o que falta cumprir-se, refere apenas ao “quarto reino” de Daniel 7, ou mais precisamente, a época histórica simbolizada pelos pés da estátua! Lembremos, mais uma vez, que os pés da estátua simbolizam o quarto reino.

Você não poderá jamais fazer isto, pois a interpretação do sonho de Nabucodonosor dada a Daniel, se apresentaram na configuração de quatro reinos históricos para cumprimento apenas PARCIAL.

Amigo, Penso que não conseguimos encontrar nas Escrituras menção sobre um “outro lado” que precisa ser discernido, nesta profecia, que não seja simplesmente, o cumprimento dado pelo próprio Daniel! Essa passagem, quando entendida com a passagem dos quatro animais, mostra a mesmíssima mensagem e o mesmíssimo cumprimento, registrado para nós nas Escrituras!

Jaime, inventar doutrina é perigoso! O ato de se inventar cumprimentos para as profecias, que por sua vez, não foram registradas para esse fim, levará o colega apenas para o erro!

Se a profecia da estátua já se cumpriu no passado, então também você terá que nos mostrar, qual foi o quarto rei da história, que governou todo o mundo, com os mesmos quatro quesitos acima???

Esta passagem ainda não se cumpriu, Jaime. Este, a quem você se refere, será do quarto reino profetizado em Daniel 7! Ele faz parte da época simbolizada pelos “pés da estátua”.

Quem desconsiderar isto, além de estar pregando um outro evangelho; também está desfazendo do plano de Deus, em seu cumprimento no Evangelho.

Confesso que não entendo o motivo pelo qual o amigo inventa interpretações para as profecias, se o próprio escritor bíblico já nos dá a interpretação. Ora, qual a intenção, ou qual o real motivo para alguem não aceitar a interpretação do profeta, e inventar a sua própria?

Jaime, meu amigo, acredite como está escrito! Não existe nada mais a ser revelado, a não ser aquilo que está escrito para nós! Não existe mais alguém apto para revelar algo desconhecido com valor de "Palavra de Deus", como nos revelaram os apóstolos e profetas, pois caso contrário, precisaremos colecionar e anexar tal conteúdo após o Apocalipse, para fazer parte de nossas Bíblias!

Pense nisso

No amor do Messias

David
avatar
Jaime_Dias
- Moisés / Zípora -
- Moisés / Zípora -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 229
Idade : 62
Cidade/Estado : Curitiba Pr
Religião : Cristão
Igreja : Espiritual
País : Brazil
Mensagens Curtidas : 0
Pontos de participação : 378
Data de inscrição : 08/02/2013

Re: Infográfico - das 70 semanas de Daniel

Mensagem por Jaime_Dias em Ter 28 Maio 2013, 21:44

Olá David, Graça e Paz...

David escreveu:Olá Jaime... Paz do Senhor Jesus

Eu penso que você concordou comigo, sobre quem seriam cada um daqueles quatro reinos. Assim, se deduzi corretamente, e você concorda comigo sobre quem são eles, creio que concordamos que eles já passaram! Assim, o império de Alexandre, o grande, não existe mais hoje! Nem o império de Nabucodonosor! Penso que isso está mais do que claro, inclusive na passagem de Daniel, que o próximo reino, viria após o reinado dos babilônicos: Um reino sucederia a outro.
Sim, concordei historicamente, NÃO PROFETICAMENTE!

David escreveu:Penso que, de toda a profecia em Daniel 2, a única passagem em “aberto”, ou em outras palavras, o que falta cumprir-se, refere apenas ao “quarto reino” de Daniel 7, ou mais precisamente, a época histórica simbolizada pelos pés da estátua! Lembremos, mais uma vez, que os pés da estátua simbolizam o quarto reino.
Agora a tua pregação está nebulosa, primeiro dizes que os quatro reinos acima passaram; agora diz que o quarto reino está em aberto, como pode isso???

David escreveu:Amigo, Penso que não conseguimos encontrar nas Escrituras menção sobre um “outro lado” que precisa ser discernido, nesta profecia, que não seja simplesmente, o cumprimento dado pelo próprio Daniel! Essa passagem, quando entendida com a passagem dos quatro animais, mostra a mesmíssima mensagem e o mesmíssimo cumprimento, registrado para nós nas Escrituras!
Quem é que disse que são mensagens deferentes? Se vc, reler os meus posts verá que disse que são iguais, historicamente, e principalmente PROFETICAMENTE.

David escreveu:Jaime, inventar doutrina é perigoso! O ato de se inventar cumprimentos para as profecias, que por sua vez, não foram registradas para esse fim, levará o colega apenas para o erro!
Desculpe-me David, mas você não é a pessoa certa e nem a verdade absoluta, para nos dar este tipo de conselho; mesmo porque o que rebemos foi de alguém incomparavelmente melhor! Como disse o apóstolo Paulo: “Eu sei em quem tenho crido...”

Se a profecia da estátua já se cumpriu no passado, então também você terá que nos mostrar, qual foi o quarto rei da história, que governou todo o mundo, com os mesmos quatro quesitos acima???

David escreveu:Esta passagem ainda não se cumpriu, Jaime. Este, a quem você se refere, será do quarto reino profetizado em Daniel 7! Ele faz parte da época simbolizada pelos “pés da estátua”.
Decida de uma vez: O quarto reino passou, ou não? Se cumpriu, ou não? Estás usando a mesma tática da I.A.S.D. que ora fala e ora desfala?

David escreveu:Confesso que não entendo o motivo pelo qual o amigo inventa interpretações para as profecias, se o próprio escritor bíblico já nos dá a interpretação. Ora, qual a intenção, ou qual o real motivo para alguem não aceitar a interpretação do profeta, e inventar a sua própria?
Simples: A intenção é de pregar a verdade, e os reais motivos, são bíblicos; a saber:
Primeiro: Daniel profetizou “EM PARTE”, sob a lei e os profetas, tendo recebido o Espírito por medida, falando "EM SOMBRAS" de apenas QUATRO REIS. Dn. 2:32

Cristo – o Espírito de profecia, EM PLENITUDE DO ESPÍRITO, sob Seu Evangelho revelou a João OITO REIS. Ap 17.
Jo. 3:34 Porque aquele que Deus enviou fala as palavras de Deus; pois não lhe dá Deus o Espírito por medida.

Você escolhe em quem vai acreditar: Quem profetizou “EM PARTE”, em medida de Espírito, ou quem profetizou com A PLENITUDE DO ESPÍRITO???

-Daniel, depois que recebeu a interpretação histórica das duas primeiras visões, a exemplo do David, também NÃO COMPREENDEU SEU DESFECHO PROFÉTICO.
Dn. 12:8 Eu, pois, ouvi, mas não entendi; por isso eu disse: Senhor meu, qual será o fim destas coisas?

Enquanto que Paulo, no Evangelho afirmou que Deus nos revelou, e revelará pelo Seu Espírito, todas as profecias.
1Cor.2:10 Mas Deus no-las revelou pelo seu Espírito; porque o Espírito penetra todas as coisas, ainda as profundezas de Deus.

Você escolhe em quem vai acreditar: Quem profetizou “COM DÚVIDAS”, ou quem profetizou com “A CERTEZA DA VERDADE???

-Daniel, esperava que as duas profecias se cumpririam até aos dias da cegada da Pedra – Cristo.
Enquanto que o anjo, já visualizando o Evangelho de Cristo, lhe disse que ela se cumpriria, além: No tempo do fim.
Dn. 12:9 E ele disse: Vai, Daniel, porque estas palavras estão fechadas e seladas até ao tempo do fim.

Palavras essas confirmadas a João, por um anjo, sob o Evangelho, para não selar as palavras da mesma profecia.
Ap. 22:10 E disse-me: Não seles as palavras da profecia deste livro; porque próximo está o tempo.

Você escolhe em quem vai acreditar: Na interpretação histórica dada a Daniel, ou na “INTERPRETAÇÃO DO EVANGELHO, ANUNCIADA PELOS ANJOS” PARA OS ÚLTIMOS DIAS???

Isso é invenção de interpretação, nossa; ou desconhecimento teu das Escrituras, meu caro???

David escreveu:Jaime, meu amigo, acredite como está escrito! Não existe nada mais a ser revelado, a não ser aquilo que está escrito para nós! Não existe mais alguém apto para revelar algo desconhecido com valor de "Palavra de Deus", como nos revelaram os apóstolos e profetas, pois caso contrário, precisaremos colecionar e anexar tal conteúdo após o Apocalipse, para fazer parte de nossas Bíblias!
Ah, tá, para vc então Deus já esvaziou o seu celeiro das novidades?

Em quem vc. quer que acreditemos? Em você, um simples ser humano cheio de erros e de dúvidas, ou em Jesus Cristo, o Filho de Deus, que afirmou que quem crer Nele fará "OBRA MAIOR", não comparada aos apóstolos, mas comparada a Sí mesmo?
Joa 14:12 - Na verdade, na verdade vos digo que aquele que crê em mim também fará as obras que eu faço, e as fará maiores do que estas, porque eu vou para meu Pai.

Abraços...

avatar
Devaney
- Davi / Abigail -
- Davi / Abigail -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 710
Idade : 51
Cidade/Estado : Taubaté
Religião : Evangélico
Igreja : Assembléia de Deus
País : Brasil
Mensagens Curtidas : 26
Pontos de participação : 1124
Data de inscrição : 27/11/2008

Re: Infográfico - das 70 semanas de Daniel

Mensagem por Devaney em Qua 29 Maio 2013, 07:41

Não entrando no debate em si, mas como estou acompanhando, coloco meu parecer sobre sua frase abaixo, Jaime Dias:

Em quem vc. quer que acreditemos? Em você, um simples ser humano cheio de erros e de dúvidas, ou em Jesus Cristo, o Filho de Deus, que afirmou que quem crer Nele fará "OBRA MAIOR", não comparada aos apóstolos, mas comparada a Sí mesmo?

É ruim notar que você sempre "apela" para esse tipo de argumentação, que se alguém discorda de seu ponto de vista, você coloca essa pessoa contra a parede, sempre afirmando que a pessoa não acredita na revelação de Jesus, etc. É como se tudo se resumisse a "Se concordar comigo, é de Jesus, se não concorda comigo, é falso". Você, com outras palavras, já usou esse argumento contra mim.

Sobre a sua frase dirigida ao David, fica claro para mim que:

1) A posição doutrinária do David, (que aliás NÃO É IGUAL À MINHA, portanto não tenho procuração dele para o defender) é uma posição doutrinária histórica, confirmada por diversos pregadores e denominações, então não é uma posição de "um simples ser humano cheio de erros e de dúvidas".

2) Você também pode ser definido como "um simples ser humano cheio de erros e de dúvidas", pois perfeito somente o Senhor. E como vejo que vc não participa de outros tópicos doutrinários, você também não tem a revelação 100% de TUDO o que está na Bíblia.

3) Um bom exemplo disso é a sua interpretação equivocada do versículo que usou... você diz que seu conhecimento e doutrina merece crédito "erga omnes" baseado no fato que Jesus disse que faríamos OBRAS maiores. OBRAS não são DOUTRINAS. Se Jesus tivesse dito que teríamos DOUTRINAS maiores, até poderia pensar na hipótese que alguém nesse mundo poderia acrescentar bases doutrinárias além da Bíblia, tal como o Papa da ICAR arvora-se ao direito. E não acreditamos nisso porque somos defensores do "Sola Scriptura", seguimos o que está escrito. Veja o conflito doutrinário que você causa com isso.

Por que você não age como eu e o David agimos? Eu divirjo dele quanto ao momento do arrebatamento, mas o respeito e estou, como os Bereanos, olhando nas Escrituras os argumentos dele para ver se são de fato assim, e ele faz o mesmo comigo.

E nem entramos nesse mérito de um acusar ao outro que "você está no erro", "você não acredita em Jesus", "você é falho", etc... porque essa questão escatológica não vai anular o poder do sangue de Jesus em quem O confesse como Salvador e tenha uma vida santificada.

Tanto o pré-tribulacionista, como o meso-tribulacionista, como o pós-tribulacionista, são remidos pelo mesmo sangue, se permanecerem "fiéis até à morte".

Garanto que suas postagens ficarão muito mais simpáticas a quem lê ou debate com você, se tiverem mais ARGUMENTOS do que suas AVALIAÇÕES DO DEBATEDOR.
avatar
David
- Abraão / Sara -
- Abraão / Sara -

Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 180
Idade : 46
Cidade/Estado : João Pessoa - PB
Religião : Cristão
Igreja : Batista
País : Brasil
Mensagens Curtidas : 7
Pontos de participação : 285
Data de inscrição : 11/02/2009

Re: Infográfico - das 70 semanas de Daniel

Mensagem por David em Qua 29 Maio 2013, 07:53

Olá David, Graça e Paz...
David escreveu:Olá Jaime... Paz do Senhor Jesus

Eu penso que você concordou comigo, sobre quem seriam cada um daqueles quatro reinos. Assim, se deduzi corretamente, e você concorda comigo sobre quem são eles, creio que concordamos que eles já passaram! Assim, o império de Alexandre, o grande, não existe mais hoje! Nem o império de Nabucodonosor! Penso que isso está mais do que claro, inclusive na passagem de Daniel, que o próximo reino, viria após o reinado dos babilônicos: Um reino sucederia a outro.

Sim, concordei historicamente, NÃO PROFETICAMENTE!

Olá Jaime, Paz do Senhor Jesus esteja convosco


Acho que estamos chegando no “ponto” pelo qual não entendo o motivo de o amigo inventar outro cumprimento para a profecia!

Jaime, a profecia nada mais é do que o anúncio de algo que iria cumprir-se historicamente! Não existe nenhuma evidência, nem nenhuma menção de que o texto precisa ser entendido sob uma “ótica espiritual” para se tirar um outro cumprimento! Assim, o “outro reino” predito que viria após Nabucodosor seria mesmo o império medo-persa. Penso que se o amigo faz, por conta própria, uma outra leitura, diferente daquela que Daniel deu, está a se colocar como aquele profeta hoje, com autoridade igual a dele, para trazer para os discípulos do Senhor algo novo, que sequer foi revelado ao profeta! E se isto é verdade, todos devemos escrever a vossa nova doutrina, colecioná-la e afixá-la em nossas Bíblias após o APocalipse!

A mim, parece claro, a quem ler a passagem, que a profecia e seu cumprimento, realizar-se-á historicamente!

Outra coisa importantíssima que acredito: Não existe cumprimento espiritual para uma profecia. A menos que haja menção no texto de que ela não deve se cumprir literalmente, coisa que não enxergamos uma única vez, nas Escrituras, as profecias devem ser compreendidas no seu cumprimento, de forma literal! Assim,se o amigo acredita que existe, ao menos para esta, de Daniel 2, gostaria que apresentasse a nós, o texto onde Deus, ou mesmo o profeta Daniel, nos manda interpretar esta passagem de forma espiritual! Penso que isso não existe no texto, assim o cumprimento da profecia se dará de forma “normal”, ou seja, de forma literal ou historicamente!

David escreveu:Penso que, de toda a profecia em Daniel 2, a única passagem em “aberto”, ou em outras palavras, o que falta cumprir-se, refere apenas ao “quarto reino” de Daniel 7, ou mais precisamente, a época histórica simbolizada pelos pés da estátua! Lembremos, mais uma vez, que os pés da estátua simbolizam o quarto reino.

Agora a tua pregação está nebulosa, primeiro dizes que os quatro reinos acima passaram; agora diz que o quarto reino está em aberto, como pode isso???

Em nenhum momento tive a intenção de dizer que o quarto reino já passou. Se algum dos meus textos diz isso, gostaria que o amigo apontasse.

O que digo, entretanto, é que as “pernas de ferro” já passaram! Esta parte corresponde historicamente ao início do império romano! Falta ainda o cumprimento da “parte” que corresponde aos “pés de ferro e barro”. É interessante que existem algumas linhas que tentam presumir o significado do barro e ferro. Alguns acreditam tratar-se também de países fortes e fracos, que estarão juntos. Logicamente que os dedos dos pés são em número de dez, e isso corresponde ao mesma quantidade de chifres, que encontramos no animal da visão registrada em Daniel 7, e na besta, de Apocalipse 13. Essa passagem ainda cumprir-se-á, e será o Senhor Jesus, quem derrotará esse “animal”, que será governado por um homem, a quem conhecemos pelo nome de anticristo.


Amigo, Penso que não conseguimos encontrar nas Escrituras menção sobre um “outro lado” que precisa ser discernido, nesta profecia, que não seja simplesmente, o cumprimento dado pelo próprio Daniel! Essa passagem, quando entendida com a passagem dos quatro animais, mostra a mesmíssima mensagem e o mesmíssimo cumprimento, registrado para nós nas Escrituras!

Quem é que disse que são mensagens deferentes? Se vc, reler os meus posts verá que disse que são iguais, historicamente, e principalmente PROFETICAMENTE.

Penso que o amigo não conhece o significado de profecia, pois parece crer que seu cumprimento não deve ser entendido literalmente! Amigo, não existe nenhum outro cumprimento para uma profecia que não seja o literal, ou na suas palavras, o cumprimento histórico!

Possuímos vários exemplos disso na Escritura. Sempre que ensinou e citou a Escrituras, reivindicando ser o Messias prometido, o Senhor o fez de maneira literal.

Lucas 24:27
E, começando por Moisés, discorrendo por todos os profetas, expunha-lhes o que seu respeito constava em todas as Escrituras.


PErceba que o Senhor Jesus faz acima uma leitura literal, do cumprimento das profecias a seu respeito! Foi sempre esse o método empregado por Ele, para mostrar o cumprimento delas!

Lucas 24:44
E disse-lhes: São estas as palavras que vos disse estando ainda convosco: Que convinha que se cumprisse tudo o que de mim estava escrito na lei de Moisés, e nos profetas e nos Salmos.


Jaime, até mesmo a profecia que dizia da forma do Messias falar, que seria através de parábolas, estava profetizado, e cumpriu-se literalmente:

Mateus 13:35
Para que se cumprisse o que fora dito pelo profeta, que disse: Abrirei em parábolas a minha boca; Publicarei coisas ocultas desde a fundação do mundo.


Percebe-se claramente a invocação do cumprimento daquilo que está escrito nos Salmos, como vemos abaixo:

Salmos 78:2
Abrirei a minha boca em parábolas; falarei enigmas da antiguidade.


Também os apóstolos, todas as vezes que fizeram menção ao cumprimento de uma profecia, só o fizeram para mostrar seu cumprimento literal, ou nas suas palavras, para mostrar o cumprimento histórico e real! Quando evangelizava Cornélio, Pedro fez menção ao cumprimento literal da profecia para falar de Jesus Cristo,

Atos 10:43
A este dão testemunho todos os profetas, de que todos os que nele crêem receberão o perdão dos pecados pelo seu nome.


Jaime, só o cumprimento literal da profecia faz sentido, e é por isso que era utilizada como forte argumento para mostrar que o Senhor Jesus havia sido profetizado mesmo antes de vir.

Para explicar o Pentecostes, novamente Pedro lembrou a profecia de Joel, e fez menção a seu cumprimento real, literal, histórico, e disse:

Atos 2:14-18
Pedro, porém, pondo-se em pé com os onze, levantou a sua voz, e disse-lhes: Homens judeus, e todos os que habitais em Jerusalém, seja-vos isto notório, e escutai as minhas palavras. Estes homens não estão embriagados, como vós pensais, sendo a terceira hora do dia. Mas isto é o que foi dito pelo profeta Joel: E nos últimos dias acontecerá, diz Deus, Que do meu Espírito derramarei sobre toda a carne; E os vossos filhos e as vossas filhas profetizarão, Os vossos jovens terão visões, E os vossos velhos terão sonhos; E também do meu Espírito derramarei sobre os meus servos e as minhas servas naqueles dias, e profetizarão;


Só o cumprimento real e literal de uma profecia fará sentido. Um suposto “cumprimento espiritual” não fará diferença do “não cumprimento”! E é por isso que todas as vezes que um apóstolo, ou um personagem bíblico qualquer, fez menção ao cumprimento de uma profecia, só o fez para mostrar que ela se cumpriu literalmente, de forma histórica!

Atos 3:18
Mas Deus assim cumpriu o que dantes anunciara por boca de todos os profetas que o seu Cristo havia de padecer.


Os exemplos da utilização da metodologia literal são vastos, por toda a Escritura.

1 COrintios 15:3-4
Antes de tudo vos entregueis o que também recebi; que Cristo morreu pelos nossos pecados, segundo as Escrituras, e que foi sepultado, e ressuscitou ao terceiro dia, segundo as Escrituras.



Romanos 1:2
O qual foi por Deus outrora prometido por intermédio dos seus profetas nas Sagradas Escrituras.


Jaime, se as profecias são resultado de ação humana, seu cumprimento será duvidoso. Mas, se elas forem consequência de inspiração Divina, e verdadeiramente o são, certamente se cumprirão. Afinal...

Números 23:19
Deus não é homem, para que minta; nem filho do homem, para que se arrependa. Porventura, tendo ele prometido, não o fará? ou tendo falado, não o cumprirá?


Amigo, esqueça essa de “espiritualizar profecia”, pois se a metodologia utilizada pelos personagens bíblicos para mostrar o cumprimento das profecias sempre foi a real, literal, ou histórica, porque deveríamos inventar uma diferente?

Pense nisso, em Nome do Senhor JEsus!
Jaime, inventar doutrina é perigoso! O ato de se inventar cumprimentos para as profecias, que por sua vez, não foram registradas para esse fim, levará o colega apenas para o erro!

Desculpe-me David, mas você não é a pessoa certa e nem a verdade absoluta, para nos dar este tipo de conselho; mesmo porque o que rebemos foi de alguém incomparavelmente melhor! Como disse o apóstolo Paulo: “Eu sei em quem tenho crido...”

Se a profecia da estátua já se cumpriu no passado, então também você terá que nos mostrar, qual foi o quarto rei da história, que governou todo o mundo, com os mesmos quatro quesitos acima???

Jaime, o quarto reino ainda não se cumpriu, em sua totalidade! Passou apenas o período relativo as “pernas”, que são de ferro! Esse período correspondem ao império romano, quando de sua ascenção! Talvez por isso, o anticristo seja mencionado como o rei desse quarto reino, pois virá no período que corresponde aos pés da estatua. Esse período ainda não se cumpriu, pois será o seu fim, que o reinado do Senhor Jesus se iniciará na terra!

Esta passagem ainda não se cumpriu, Jaime. Este, a quem você se refere, será do quarto reino profetizado em Daniel 7! Ele faz parte da época simbolizada pelos “pés da estátua”.

Decida de uma vez: O quarto reino passou, ou não? Se cumpriu, ou não? Estás usando a mesma tática da I.A.S.D. que ora fala e ora desfala?

Amigo, apresente um único texto meu, em que digo que o quarto reino passou. Se disse, alguma vez, minha intenção foi a de dizer que o período de tempo, que corresponde as pernas da estátua, passou, mas não o quarto reino totalmente! Penso que não disse, uma vez sequer, que o quarto reino passou! Principalmente porque entendo que os pés da estátua pertencem ao quarto reino, e simbolizam, de acordo com Daniel, um período de tempo em que esse reinado estará dividido, entre barro e ferro!

Ah, tá, para vc então Deus já esvaziou o seu celeiro das novidades?

Em quem vc. quer que acreditemos? Em você, um simples ser humano cheio de erros e de dúvidas, ou em Jesus Cristo, o Filho de Deus, que afirmou que quem crer Nele fará "OBRA MAIOR", não comparada aos apóstolos, mas comparada a Sí mesmo?
Joa 14:12 - Na verdade, na verdade vos digo que aquele que crê em mim também fará as obras que eu faço, e as fará maiores do que estas, porque eu vou para meu Pai.

Eu deixo apenas uma passagem bíblica para ameditação do amigo!

Gálatas 1:8
Mas, ainda que nós mesmos ou um anjo do céu vos anuncie outro evangelho além do que já vos tenho anunciado, seja anátema.


A revelação para nós está escrita, Jaime! Não vivemos mais na época dos profetas do Antigo Testamento, em que Deus levantava um profeta e este dizia: Assim diz o Senhor... Essa época passou, e temos o “assim diz o Senhor” escrito, num livro que chamamos de Bíblia! Confie nesses escritos, amigo!


Que o Senhor continue a lhes abençoar

David
avatar
Jaime_Dias
- Moisés / Zípora -
- Moisés / Zípora -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 229
Idade : 62
Cidade/Estado : Curitiba Pr
Religião : Cristão
Igreja : Espiritual
País : Brazil
Mensagens Curtidas : 0
Pontos de participação : 378
Data de inscrição : 08/02/2013

Re: Infográfico - das 70 semanas de Daniel

Mensagem por Jaime_Dias em Qua 29 Maio 2013, 18:18

David graça e Paz!

Meu prezado irmão, te agradeço pela tua educação e esforço em colocar a tua opinião ao tema; mas creio que dessa forma, não chegaremos à lugar algum!
Nunca vi ninguém em fórum de debate, convencer a outrem, que recusa enxergar a realidade dos fatos.

Portanto, paramos por aqui. O prezado já deu a sua posição, como também dei a minha. Homem nenhum é apto para julgar a outrem (a não ser pela reta justiça).
Existe um só Juíz, o qual com toda a certeza pedirá contas, de todas inverdades proferidas pelos homens; mesmo que estas sejam simples opinião em debate.

Conforme te falei, seria inútil seguirmos a diante. Há uma série de fatores, pelos quais as pessoas não entenderam no passado, e nem entendem até hoje, a revelação do Evangelho de Cristo.

Nem por isso vou deixar de amar o irmão em Cristo Jesus.

Que Deus te abençoe!




Conteúdo patrocinado

Re: Infográfico - das 70 semanas de Daniel

Mensagem por Conteúdo patrocinado


    Data/hora atual: Seg 24 Jul 2017, 03:47