F.E. A Doutrina de Jesus Cristo.

--------------------------------------
OLÁ, SEJA BEM VINDO AO FÓRUM EVANGELHO.

CASO DESEJE PARTICIPAR DE DEBATES FAÇA SEU REGISTRO.

ESTE FÓRUM É ABERTO A PESSOAS DE TODOS OS CREDOS.

SE PREFERIR SER APENAS UM LEITOR, ACOMPANHE AS POSTAGENS.

"Conheçamos e prossigamos em conhecer a YHVH ( י ה ו ה )..." (Oséias 6.3)

Norberto
Administrador do Fórum Evangelho

Fórum evangélico, aberto à participação de pessoas de qualquer credo ou religião.


Pastoras - o que pode ser dito biblicamente ?

Compartilhe
avatar
Devaney
- Davi / Abigail -
- Davi / Abigail -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 710
Idade : 52
Cidade/Estado : Taubaté
Religião : Evangélico
Igreja : Assembléia de Deus
País : Brasil
Mensagens Curtidas : 26
Pontos de participação : 1124
Data de inscrição : 27/11/2008

Pastoras - o que pode ser dito biblicamente ?

Mensagem por Devaney em Qua 28 Jan 2009, 10:07

Paz do Senhor, irmãos.

Biblicamente, as mulheres podem assumir congregações e dirigirem ministérios ?

Pr. Francisco Belvedere
- Davi / Abigail -
- Davi / Abigail -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 459
Idade : 35
Cidade/Estado : PR
Religião : Protestante
Igreja : Metodista
País : Brasil
Mensagens Curtidas : 0
Pontos de participação : 285
Data de inscrição : 03/12/2008

Re: Pastoras - o que pode ser dito biblicamente ?

Mensagem por Pr. Francisco Belvedere em Qua 28 Jan 2009, 10:09

Eu acho que sim. Os argumentos para limitar o ministerios apenas aos homens, nao me soa convincentes. Creio que em Cristo nao ha homem, nem mulher, judeu e nem grego.
avatar
Zilton Alencar
- Moisés / Zípora -
- Moisés / Zípora -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 319
Idade : 51
Cidade/Estado : João Pessoa, PB
Religião : Evangélica
Igreja : O Brasil Para Cristo
País : Brasil
Mensagens Curtidas : 0
Pontos de participação : 27
Data de inscrição : 27/11/2008

Re: Pastoras - o que pode ser dito biblicamente ?

Mensagem por Zilton Alencar em Qua 28 Jan 2009, 10:19

Ô, Devaney... Você atira rápido, heim???

Minha posição é mais argumentatória que bíblica, pois é de conhecimento de todos que a Bíblia não menciona mulheres à frente do ministério pastoral.

Há apenas uma menção possível para uma mulher "pastora", e está em Atos dos Apóstolos. Os escritores bíblicos seguiam uma regra áurea da sociedade, onde o nome da mulher jamais aparecia antes do nome do homem (quando o nome da mulher aparecia!). A coisa se inverte quando Lucas e Paulo mencionam o nome de Priscila antes do nome de seu marido, Áquila (At 18.18, 26; Rm 16.3). Isto pode demonstrar uma certa primazia desta, ministerialmente falando, em relação ao marido. Observem que o texto está longe de ser conclusivo. São possibilidades e suposições.

Os textos neotestamentários indicam primazia quando citam o nome de alguém antes dos demais. Istro se dá entre os apóstolos, onde Pedro, Tiago e João são sempre citados, como primazes entre os demais apóstolos (Paulo chega a chamar Pedro e Tiago, o irmão do Senhor, de "colunas"); No início dos seus ministérios, a bíblia menciona "Barnabé e Saulo", e mais adiante, quando a primazia paulina começa a despontar, são chamados de "Saulo e Barnabé". É só um indício de primazia, que alguns chamam de "o maior entre os iguais", onde não há superioridade, mas liderança. Da mesma forma, alguns argumentam que, ao citar Priscila antes do marido, Paulo está demonstrando primazia ministerial desta sobre aquele. Talvez um indicativo de função pastoral, já que a igreja estava na casa deles.

Contudo, não há qualquer base bíblica para a existência de mulheres pastoras, infelizmente.

É importante saientar ainda que a maioria das igrejas da época apostólica era dirigida por presbíteros (anciãos), e os escritos paulinos dão a entender a existência de "presbíteras" também (são as "mulheres idosas", citadas por Paulo a Timóteo em 1 Tm 5.2 e a Tito, em Tt 2.3). Nada é mencionado acerca de sua liderança na igreja, em termos de abrangência ministerial.
Pr. Francisco Belvedere escreveu:Eu acho que sim. Os argumentos para limitar o ministerios apenas aos homens, nao me soa convincentes. Creio que em Cristo nao ha homem, nem mulher, judeu e nem grego.
ENtendo e concordo com seu posicionamento, pr. Francisco. Mas a maioria das pessoas só ceitam certas coisas, principalmente em se tratando de liderança, quando está claramente descrito na Bíblia. Como o ministério pastoral feminino não existe no texto sagrado, rejeitam-no por completo.

Este tópico pode render bastante. Vou aguardar...
avatar
Zilton Alencar
- Moisés / Zípora -
- Moisés / Zípora -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 319
Idade : 51
Cidade/Estado : João Pessoa, PB
Religião : Evangélica
Igreja : O Brasil Para Cristo
País : Brasil
Mensagens Curtidas : 0
Pontos de participação : 27
Data de inscrição : 27/11/2008

Re: Pastoras - o que pode ser dito biblicamente ?

Mensagem por Zilton Alencar em Qua 28 Jan 2009, 10:40

Sobre este assunto, transcrevo um texto de minha autoria, para análise dos amados (publicado no antigo Forum Hosanas):

O AT e o NT foram escritos na época de uma cultura patriarcal. No seu estilo literário, visivelmente direcionado ao público masculino (as mulheres não podiam entrar nos espaços masculinos do Tabernáculo, e muitos dos seus direitos no AT foram conquistados com alguma luta), podemos observar muitas vezes a completa omissão do nome das mulheres (p.ex: filhas de Adão, as irmãs de Jesus, etc), e quando a omissão não é completa, obrigatoriamente o nome do marido (ou do homem) vem antes do nome da mulher.

Há ainda nas escrituras, principalmente no Novo Testamento, a figura do "maior entre os iguais". E neste parâmetro vemos doze apóstolos iguais em poder e autoridade apostólica, mas são constantemente citados aqueles que mais se destacaram, que alcançaram uma certa primazia. Os exemplos de Pedro, Tiago e João são marcantes neste sentido. Até hoje, se perguntarmos na igreja o nome dos apóstolos, estes três serão os primeiros, talvez os únicos, a serem citados, e por razões óbvias: eram os "primeiros entre os iguais" (Gl 2.9). E Pedro ainda ganhou uma primazia especial nesta história, reconhecida até mesmo por Jesus (não estou falando de papado, mas de primazia sobre os demais doze, sem contudo ser maior que eles).

Diante disto, como explicar que Priscila tenha sido citada por Lucas e Paulo antes de Áquila, seu marido? Como ela alcançou tal primazia? Seria ela, como dizem alguns estudiosos do assunto, uma "pastora" dos tempos apostólicos? Isto não feriria os princípios da Bíblia em relação ao ministério feminino?

E caso se conclua que não devemos aceitar o ministério feminino por estrita observância à Palavra de Deus, por estar contra seus ditames, como a igreja atual deveria voltar aos princípios puros da Palavra, no tocante à atuação feminina em seu meio? Devemos proibir as mulheres de falar na igreja (silêncio total, já que é isso que se depreende do ensinamento de Paulo), ou só proibir de pregar, ensinar, etc? As viúvas que desejam casar de novo devem ser censuradas na igreja (1 Tm 5.11-12)?

No meu ponto de vista a igreja se transforma com o passar do tempo, "transforma-se pela renovação de seu entendimento" (Rm 12.2). A sociedade a cada dia dá mais espaço às mulheres, e a igreja não pode se esquivar disto, já que a Escritura mostra claramente que em Cristo não há separação de gênero, mas todos são iguais.

Alguns se recusam a aceitar o ministério pastoral feminino por questões de submissão feminina. Logo, uma mulher jamais poderia ser superior a um homem na igreja. Será?

Parto do pressuposto inicial de que nós, homens, temos uma opinião muito machista do que seja o real significado de "submissão". Muitos em nossos dias entendem esta submissão como obediência incondicional, algo que justifique e perpetue o machismo e o domínio masculino. Conheço maridos que, nos dias que não estão a fim de ir para a igreja, nem vão e nem permitem que a esposa vá... E apelam para a questão da submissão... Muito espiritual, não?

O segundo pressuposto é mais grave, pois aponta para uma ampliação da abrangência desta submissão. Afinal, a mulher deve ser submissa AO SEU MARIDO ou a TODOS OS HOMENS? A resposta parece ser claríssima, visto que Paulo expressamente diz: "As mulheres sejam submissas ao seu próprio marido, como ao Senhor; porque o marido é o cabeça da mulher, como também Cristo é o cabeça da igreja, sendo este mesmo o salvador do corpo. Como, porém, a igreja está sujeita a Cristo, assim também as mulheres sejam em tudo submissas ao seu marido" (Ef 5.22-24). É engano meu, ou tenho percebido que na igreja sempre se busca ampliar o domínio masculino, deixando transparecer que a submissão da mulher deve ser ao homem, e não exclusivamente ao seu marido? Na igreja, parece que mulher não pode exercer liderança sobre homens, porque afinal a Bíblia afirma que a mulher tem que ser submissa... E não estou falando aqui de mulheres pastoras, mas de mulheres LÍDERES. Muitos se negam a ser liderados por uma mulher. Este fenômeno ocorre em suas igrejas, ou só é observado por aqui???

O terceiro, é interessante: o que é mais duro, mais sério? A submissão que Deus exige da mulher, ou o amor que Deus exige do marido ("Maridos, amai vossa mulher, como também Cristo amou a igreja e a si mesmo se entregou por ela" - Ef. 5.25)? E por que é que os mesmos que exigem da esposa a devida submissão, não buscam viver pelos mesmos parâmetros dispostos em Efésios 5.25ss ??? Quem exige e cobra a submissão, não deveria auto-exigir-se amor incondicional, nos moldes do amor de Cristo?
avatar
Clovis
- Moisés / Zípora -
- Moisés / Zípora -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 253
Idade : 50
Cidade/Estado : Medianeira, PR
Religião : Cristão
Igreja : O Brasil Para Cristo
País : Brasil
Mensagens Curtidas : 0
Pontos de participação : 16
Data de inscrição : 04/12/2008

Re: Pastoras - o que pode ser dito biblicamente ?

Mensagem por Clovis em Qua 28 Jan 2009, 12:52

Devaney,

"Biblicamente, as mulheres podem assumir congregações e dirigirem ministérios?"

Sou contrário à ordenação de mulheres ao pastorado. Mas deixarei que os que são favoráveis apresentem seus argumentos bíblicos, eventualmente comentarei algum deles.

Em Cristo,

Clóvis

Pr. Francisco Belvedere
- Davi / Abigail -
- Davi / Abigail -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 459
Idade : 35
Cidade/Estado : PR
Religião : Protestante
Igreja : Metodista
País : Brasil
Mensagens Curtidas : 0
Pontos de participação : 285
Data de inscrição : 03/12/2008

Re: Pastoras - o que pode ser dito biblicamente ?

Mensagem por Pr. Francisco Belvedere em Qua 28 Jan 2009, 13:06

Clovis, creio que nos dias biblicos devido a sociedade era impensavel uma mulher no ministerial, mas não porque Deus tenha algo contra, mas pelas circunstacias mesmo. Ha evidencias historicas escassa que havia episcopisas na Igreja. Eu vejo o ministerio feminino muito ultil nos dias atuais em especial noa atendimento pastoral a mulheres. Creio que na era da graca nao existe essa barreira de sexo.

Se for levra literalmente op texto que manda as mulheres nao exercerem autoridade de homem ( em oagumas traducoes, sobre o homem ou sobre o marido). Vao ter que ser contra a mulher trabahra fora, pq tera que viver para ser boas donas de casa, dando luz a filhos e cuidado do marido. Vcs tb sao contra a mulher ter uma profissao e ajudar a dar conforto para a familia?

Entendo esses textos que Paulo proibe a mulhre de ensinar como medidas disciplinares locais, para eviter algumas influencias pagas do culto a Diana na igreja. Depois vejo se acho material sobre isso.
avatar
Clovis
- Moisés / Zípora -
- Moisés / Zípora -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 253
Idade : 50
Cidade/Estado : Medianeira, PR
Religião : Cristão
Igreja : O Brasil Para Cristo
País : Brasil
Mensagens Curtidas : 0
Pontos de participação : 16
Data de inscrição : 04/12/2008

Re: Pastoras - o que pode ser dito biblicamente ?

Mensagem por Clovis em Qua 28 Jan 2009, 13:36

Pr. Francisco Belvedere,

Este é um daqueles debates que rendem...

"Clovis, creio que nos dias biblicos devido a sociedade era impensavel uma mulher no ministerial, mas não porque Deus tenha algo contra, mas pelas circunstacias mesmo."

Este argumento carece de fundamento bíblico. Pois havia tantos outros "condicionamentos sociais" e nem Jesus e nem Paulo se curvaram a eles. Não consigo ver Paulo cedendo nesta questão, sendo que em tantas outras ele desafiou o status quo.

"Ha evidencias historicas escassa que havia episcopisas na Igreja."

Creio que antes de irmos para os pais da igreja, o que acho válido para uma argumentação histórica, deveríamos esgotar os argumentos bíblicos.

"Creio que na era da graca nao existe essa barreira de sexo."

Concordo quanto a salvação e a vida em sociedade. Mas na ordenação de ministros, temos que nos ater num testemunho positivo das escrituras. Creio que argumentos sociológicos justificariam coisas impensáveis na igreja.

"Vcs tb sao contra a mulher ter uma profissao e ajudar a dar conforto para a familia?"

Não. Pois vemos na Bíblia exemplos positivos de mulheres exercendo atividades profissionais. Mas cadê os exemplos bíblicos, para não falar em orientações, para mulheres no pastorado?

"Entendo esses textos que Paulo proibe a mulhre de ensinar como medidas disciplinares locais, para eviter algumas influencias pagas do culto a Diana na igreja. Depois vejo se acho material sobre isso."

Aguardarei o seu material. Por enquanto, o que vejo são tentativas de atenuar os textos que restringem o ministério pastoral aos homens, baseados em conjecturas.

Em Cristo,

Clóvis
avatar
Devaney
- Davi / Abigail -
- Davi / Abigail -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 710
Idade : 52
Cidade/Estado : Taubaté
Religião : Evangélico
Igreja : Assembléia de Deus
País : Brasil
Mensagens Curtidas : 26
Pontos de participação : 1124
Data de inscrição : 27/11/2008

Re: Pastoras - o que pode ser dito biblicamente ?

Mensagem por Devaney em Qua 28 Jan 2009, 14:07

Clovis, assino embaixo de suas argumentações.
avatar
Xan
- Abraão / Sara -
- Abraão / Sara -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 123
Idade : 40
Cidade/Estado : Ashkelon
Religião : judeu
Igreja : sinagoga
País : Israel
Mensagens Curtidas : 0
Pontos de participação : 33
Data de inscrição : 19/01/2009

Re: Pastoras - o que pode ser dito biblicamente ?

Mensagem por Xan em Qua 28 Jan 2009, 14:54

Pr. Francisco Belvedere escreveu:Eu acho que sim. Os argumentos para limitar o ministerios apenas aos homens, nao me soa convincentes. Creio que em Cristo nao ha homem, nem mulher, judeu e nem grego.


Shalom!!!

Essa diferênça está unicamente relacionada ao fator salvívico e o versiculo que descreve isso nao pode ser utilizado fora do contexto biblico como base para um conceito baseado em "achismo".


Grande abraço


Xan.
avatar
Bruno
- Moisés / Zípora -
- Moisés / Zípora -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 266
Idade : 31
Cidade/Estado : São Paulo
Religião : Cristã
Igreja : Protestante
País : Brasil, infelizmente!
Mensagens Curtidas : 0
Pontos de participação : 81
Data de inscrição : 02/02/2009

Re: Pastoras - o que pode ser dito biblicamente ?

Mensagem por Bruno em Seg 09 Fev 2009, 13:29

É XAN, também acho...rsrs

Mulheres devem permanecer caladas na igreja.

Se possível em casa, no trabalho, etc...rsrs

Desculpe a brincadeira...mas creio que Paulo é claro quando diz para as mulheres se calarem.
avatar
Iverson Santos
- Adão / Eva -
- Adão / Eva -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 28
Idade : 43
Cidade/Estado : Curitiba
Religião : Cristão Protestante
Igreja : Batista
País : Brasil
Mensagens Curtidas : 0
Pontos de participação : 4
Data de inscrição : 27/11/2008

Re: Pastoras - o que pode ser dito biblicamente ?

Mensagem por Iverson Santos em Qua 11 Fev 2009, 13:10

Eu sou contrário. Acho que Deus deu papeis a homens e mulheres e cada um deve cumprir seus papeis.

Eu, respondendo a pergunta do Belverede, sou contrário que a mulher deixe seu papel de mãe e esposa e vá exercer qualquer outra obrigação que prejudique sua missão principal que é cuidador dos filhos, da casa e do esposo.

Vivemos tempos, onde o feminismo deturpou tanto a imagem de "dona de casa" que quando falamos isto, chega a soar como algo horrível e sem valor.

Creio que tanto homem, como mulheres sãp iguais para Deus, porém, cada um tem seu papel na sociedade.

Não vejo problema, em uma mulher ter profissão e trabalhar, mas no meu entender, isto deveria ser a excessão. Se não precisar, no meu entender não tem porquê.

Um dos maiores motivadores de uma sociedade corrupta é a ausência de mãe em casa.

Desde que o tal feminismo conseguiu tirar as mães dos lares, nossos filhos tem sido criado por babás, televisão, computador, escola e etc. Temos visto o perfil de sociedade atual.

O Belvedere é metodista e logo conhece a história do metodismo. Será que Wesley teria sido o grande homem que foi, se sua mãe que o educou e lhe ensinou em casa a palavra de DEus, tivesse trabalhando, mesmo que na obra???

Desta feita, aceito o ministério feminino com exceção, assim como, por falta de um homem, Deus levantou uma profetisa no livro de Juízes.

Mas acho que cabe a mulher o papel de sustentar a corda da família. Teremos grandes homens de DEus nos púlpitos, quando estes tiverem grandes mulheres de Deus nos lares lhes dando o apoio que precisam.
avatar
David
- Abraão / Sara -
- Abraão / Sara -

Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 180
Idade : 46
Cidade/Estado : João Pessoa - PB
Religião : Cristão
Igreja : Batista
País : Brasil
Mensagens Curtidas : 7
Pontos de participação : 285
Data de inscrição : 11/02/2009

Re: Pastoras - o que pode ser dito biblicamente ?

Mensagem por David em Qua 11 Fev 2009, 18:00

Paz do Senhor a todos...


Li, superficialmente, o que até agora foi postado e me parece que ninguém é favorável a consagração de pastoras...

Para aqueles que são favoráveis, o esposo da pastora deve ser submisso a ela, ao menos na igreja?

O pastor não deveria ser o "cabeça" da sua casa, da sua família?


Que o Senhor nos abençoe

David
avatar
Zilton Alencar
- Moisés / Zípora -
- Moisés / Zípora -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 319
Idade : 51
Cidade/Estado : João Pessoa, PB
Religião : Evangélica
Igreja : O Brasil Para Cristo
País : Brasil
Mensagens Curtidas : 0
Pontos de participação : 27
Data de inscrição : 27/11/2008

Re: Pastoras - o que pode ser dito biblicamente ?

Mensagem por Zilton Alencar em Qua 11 Fev 2009, 18:12

David escreveu:o esposo da pastora deve ser submisso a ela, ao menos na igreja? O pastor não deveria ser o "cabeça" da sua casa, da sua família?
David, eu entendo que, nas denominações que aceitam a ordenação feminina, faz-se necessário se compreender os "ambientes" para que seja aplicada a "lei da submissão". Conheço um caso onde a esposa é pastora, e o marido é diácono. Em casa, o marido é cabeça da família; na igreja, a pastora é cabeça do diácono.

Parece meio confuso, mas é a "análise do ambiente". O lar é um ambiente, e a igreja é outro.

Se fizéssemos uma comparação diferente, chegaríamos à mesma conclusão usando um pouco de bom senso: suponhamos que um casal crente é militar, e que servem no mesmo quartel. O marido é sargento, e a esposa é tenente; no lar, o marido é o cabeça, mas no quartel, a esposa é superior hierárquica. Ou, neste caso, estaria a esposa pecando ao dar uma ordem ao marido, e estaria o marido pecando ao aceitar tal ordem?

No exemplo que eu citei anteriormente sobre Priscila e Áquila, na minha promeira postagem, mesmo que Priscila não fosse pastora, o texto dá a entender (quando cita seu nome à frente do nome do marido) que na igreja ela era superior a ele. Mas este caso é só especulação, já que a Escritura não deixa isto claro.
avatar
David
- Abraão / Sara -
- Abraão / Sara -

Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 180
Idade : 46
Cidade/Estado : João Pessoa - PB
Religião : Cristão
Igreja : Batista
País : Brasil
Mensagens Curtidas : 7
Pontos de participação : 285
Data de inscrição : 11/02/2009

Re: Pastoras - o que pode ser dito biblicamente ?

Mensagem por David em Qua 11 Fev 2009, 21:10

Paz do Senhor, amado

É por isso, irmão, que o índice de divórcio é tão grande. A mulher hoje quer ser "cabeça".

Com relação ao que o irmão falou sobre a Priscila, com certeza não seria algo relacionado a ela ser pastora ou algo do tipo. Pois, lembrando os ensinamentos paulinos, deduzimos que ele não apoiaria algo do tipo. Veja que na passagem abaixo, que Áquila é lembrado primeiro.


1Co 16:19 - As igrejas da Ásia vos saúdam. Saúdam-vos afetuosamente no Senhor Áqüila e Priscila, com a igreja que está em sua casa.


Que o Senhor continue nos Abençoando

David
avatar
Eliane
- Adão / Eva -
- Adão / Eva -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Feminino
Número de Mensagens : 49
Idade : 43
Cidade/Estado : SP
Religião : Evangélica
Igreja : Primeira Igreja Batista
País : Brasil
Mensagens Curtidas : 0
Pontos de participação : 40
Data de inscrição : 17/01/2009

Re: Pastoras - o que pode ser dito biblicamente ?

Mensagem por Eliane em Qua 11 Fev 2009, 22:53

Iverson Santos escreveu:Eu sou contrário. Acho que Deus deu papeis a homens e mulheres e cada um deve cumprir seus papeis.

Eu, respondendo a pergunta do Belverede, sou contrário que a mulher deixe seu papel de mãe e esposa e vá exercer qualquer outra obrigação que prejudique sua missão principal que é cuidador dos filhos, da casa e do esposo.

Vivemos tempos, onde o feminismo deturpou tanto a imagem de "dona de casa" que quando falamos isto, chega a soar como algo horrível e sem valor.

Creio que tanto homem, como mulheres sãp iguais para Deus, porém, cada um tem seu papel na sociedade.

Não vejo problema, em uma mulher ter profissão e trabalhar, mas no meu entender, isto deveria ser a excessão. Se não precisar, no meu entender não tem porquê.

Um dos maiores motivadores de uma sociedade corrupta é a ausência de mãe em casa.

Desde que o tal feminismo conseguiu tirar as mães dos lares, nossos filhos tem sido criado por babás, televisão, computador, escola e etc. Temos visto o perfil de sociedade atual.

O Belvedere é metodista e logo conhece a história do metodismo. Será que Wesley teria sido o grande homem que foi, se sua mãe que o educou e lhe ensinou em casa a palavra de DEus, tivesse trabalhando, mesmo que na obra???

Desta feita, aceito o ministério feminino com exceção, assim como, por falta de um homem, Deus levantou uma profetisa no livro de Juízes.

Mas acho que cabe a mulher o papel de sustentar a corda da família. Teremos grandes homens de DEus nos púlpitos, quando estes tiverem grandes mulheres de Deus nos lares lhes dando o apoio que precisam.

Quem dera que todos os homens pensassem assim. cheers
Hoje, a grande maioria dos homens exige que a mulher trabalhe fora. Os filhos ficam com a avó ou na creche.

Conteúdo patrocinado

Re: Pastoras - o que pode ser dito biblicamente ?

Mensagem por Conteúdo patrocinado


    Data/hora atual: Sab 16 Dez 2017, 05:22