F.E. A Doutrina de Jesus Cristo.

--------------------------------------
OLÁ, SEJA BEM VINDO AO FÓRUM EVANGELHO.

CASO DESEJE PARTICIPAR DE DEBATES FAÇA SEU REGISTRO.

ESTE FÓRUM É ABERTO A PESSOAS DE TODOS OS CREDOS.

SE PREFERIR SER APENAS UM LEITOR, ACOMPANHE AS POSTAGENS.

"Conheçamos e prossigamos em conhecer a YHVH ( י ה ו ה )..." (Oséias 6.3)

Norberto
Administrador do Fórum Evangelho

Fórum evangélico, aberto à participação de pessoas de qualquer credo ou religião.


Lei e Graça

Compartilhe

Hernandobh
- Abraão / Sara -
- Abraão / Sara -

Status : no perfil, defina seu status ou deixe em branco.
Sexo : Masculino
Número de Mensagens : 127
Idade : 43
Cidade/Estado : Bhte MG
Religião : A Biblia
Igreja : do Mashiach
País : Brasil
Mensagens Curtidas : 0
Pontos de participação : 312
Data de inscrição : 09/03/2009

Lei e Graça

Mensagem por Hernandobh em Ter 22 Set 2009, 19:33

Lei e Graça

MINISTRAÇÃO: 04 de Abril de 2009.
PRELETOR: Matheus Zandona (judeu messiânico) / Ministério Ensinando de Sião – BH
Apresentação do preletor:
A missão do Ministério Ensinando de Sião, de Belo Horizonte, é a restauração da Igreja de Cristo, visando seu retorno às raízes bíblicas.

Introdução:
Será que a visão que temos do Corpo de Cristo hoje é a mesma que da Igreja primitiva? Estamos no mesmo poder, vivendo na mesma plenitude? Ou será que estamos muito distantes do padrão do passado? Algo aconteceu nos primeiros séculos da igreja cristã, houve um desvio. O simples fato de existir antagonismo entre lei e graça é um espelho de que a Igreja se desviou de suas raízes bíblicas e judaicas. Essa teologia foi propositalmente modificada por alguém que não queria que soubéssemos a verdade.
A principal pergunta desse estudo é será que estamos, como muitos de nós já tanto ouvimos, “na dispensação da graça”? Será verdade que “não estamos mais debaixo da Lei”? Quantos de vocês já não ouviram pelo menos uma das frases abaixo?
- A Lei é ruim, a graça é boa.
- Moisés nos deu a Lei, mas Jesus nos deu a graça.
- Estamos na era da graça e na Antiga Aliança existia apenas a Lei (os mandamentos vigoraram só até Cristo).
- Jesus anulou a Lei com a obra da Cruz, pois “o fim da Lei é Cristo”.
- Paulo instituiu uma nova religião, onde pela graça somos salvos e não mais pela guarda dos mandamentos.
- Israel e o povo judeu não são mais escolhidos, pois Jesus estipulou uma nova aliança com a Igreja.
- A Igreja é o novo “Israel espiritual” de Deus.
A teoria por trás dessas frases é falha. É um desvio dos moldes da comunidade de discípulos no 1º. século depois de Cristo! O antagonismo entre lei e graça não é bíblico, ele foi criado para distanciar a Igreja ainda mais de suas raízes, distanciá-la de Jerusalém. A Igreja não nasce em Roma ou na Grécia, como muitos de nós sempre ouvimos, a Igreja nasce em Jerusalém.
A verdade é que “lei” foi uma péssima tradução para “torá” no hebraico. Torá simplesmente significa instrução. Assim, fomos erroneamente ensinados que o contrário de lei (torá) é graça. O contrário de lei é pecado (hattah), pois pecar significa errar o alvo, errar o caminho!
Deus é o mesmo hoje, ontem e pra sempre. Ele foi o mesmo lá no Sinai, no monte Sião como o é aqui na cidade de São Paulo. Ele é o mesmo, Ele não se arrependeu. E por isso Deus começa a despertar a Sua Igreja para restaurar essas raízes à luz das Escrituras!
Já tivemos reformas ao longo desses dois mil anos e elas foram todas importantes. Um exemplo é que já saímos de Roma. Por causa dessas reformas muitos de nós estamos aqui hoje, mas não é mais hora de reformas. É hora de RESTAURAR. O propósito da restauração é reviver. Para restaurar você tem que ser fiel às origens, não pode usar elementos estranhos. Você quer avivamento? Entenda que não há avivamento sem lei. Não existe avivamento sem Israel, sem judeu se convertendo.

Romanos 11:25-29 – Todo o Israel será salvo!!
Irmãos, não quero que ignorem este mistério, para que não se tornem presunçosos: Israel experimentou um endurecimento em parte, até que chegue a plenitude dos gentios. E assim todo o Israel será salvo, como está escrito: “Virá de Sião o redentor que desviará de Jacó a impiedade. E esta é a minha aliança com eles quando eu remover os seus pecados”. Quanto ao evangelho, eles são inimigos por causa de vocês; mas quanto à eleição, são amados por causa dos patriarcas, pois os dons e o chamado de Deus são irrevogáveis.

A fé judaica não é uma fé de crença apenas. É uma fé de prática, de caminhar. Romanos 11:26 fala para vivermos uma nova vida, andarmos em novidade de vida. A fé se concretiza no caminhar. Você já reparou em como eram conhecidos os primeiros discípulos? Eles eram chamados de os do Caminho. Essa é uma diferença entre a fé judaica original e a fé cristã da modernidade. Para muitos cristãos de hoje, a fé é apenas uma abstração intelectual. Ficam excessivamente preocupados com questões polêmicas de conhecimento, questões irrelevantes, como por exemplo, se crêem que Jesus vai voltar antes ou depois da tribulação.
O cristão precisa entender o seu papel como agente de restauração na Terra. Esse é o mover de Deus para o momento. Naturalmente que é um mover perigoso, pois diversas doutrinas estranhas podem infiltrar-se e causar confusão. Por isso fique atento aos frutos.

O que é lei?
Lei é um conjunto de instruções dadas por Deus para que o seu povo acerte o alvo. São práticas, estilo de vida, coisas materiais que nos ensinam sobre princípios divinos e espirituais.
Deus é tão didático que Ele sabe que você só aprende o espiritual se conseguir visualizá-lo no material. Quando, em Levítico 11, Deus dá uma lista de alimentos que não se deve comer, Ele está ensinando o seu povo a fazer distinção entre o puro e o impuro, a separar o justo do vil. É um exercício no mundo físico para entender o mundo espiritual.
Outra maneira de ilustrar é pensar que a vida é como uma viagem na estrada. A Lei são as placas, a sinalização, etc. Quando há uma placa que impõe certo limite de velocidade, o que ela está dizendo é que acima daquela velocidade a estrada não pode garantir que você vai chegar vivo no seu local de destino. Todas as regras de trânsito visam a segurança do próprio motorista, passageiros e pedestres. Se seguidas, elas cumprem o seu objetivo de que que você faça uma boa viagem.

A Lei foi criada para nos ajudar a viver e não para nos dar vida eterna.

Deuteronômio 7:12-15
Se vocês obedecerem a essas ordenanças, as guardarem e as cumprirem, então o SENHOR, o seu Deus, manterá com vocês a aliança e a bondade que prometeu sob juramento aos seus antepassados. Ele os amará, os abençoará e fará com que vocês se multipliquem. Ele abençoará os seus filhos e os frutos da sua terra: o cereal, o vinho novo e o azeite, as crias das vacas e das ovelhas, na terra que aos seus antepassados jurou dar a vocês. Vocês serão mais abençoados do que qualquer outro povo! Nenhum dos seus homens ou mulheres será estéril, nem mesmo os animais do seu rebanho. O SENHOR os guardará de todas as doenças. Não infligirá a vocês as doenças terríveis que, como sabem, atingiram o Egito, mas as infligirá a todos os seus inimigos.

Ao contrário do que muitos acreditam, a Lei sempre existiu, muito antes do Sinai. O primeiro exemplo é o de Adão, lá em Gênesis, quando Deus expressamente o proibiu de comer do fruto da árvore do conhecimento do bem e do mal. Muitos rabinos ensinam que essa seria a primeira versão da torah, pois era uma instrução divina que visava preservar a humanidade. Outro exemplo foi Noé, Deus instruiu-o a levar consigo na arca 7 pares de animais puros e 1 par de animais impuros de cada espécie. Deus está pela primeira vez ensinando o homem a fazer separação entre o puro e impuro. Por fim, Abrão que se destacou no meio do seu povo por obedecer os mandamentos e estatutos de Deus. Que mandamentos e estatutos? Se eles já não existissem antes de Moisés, por que apareceriam aqui?

Os judeus, inclusive os não-messiânicos, crêem que sete coisas existiam antes de Gen. 1:1.
1. O Messias
2. A voz de Deus
3. A misericórdia de Deus
4. O trono de Deus
5. A torá (as leis de Deus)
6. O propiciatório (remissão)
7. A árvore da vida

A Lei é ruim?
Para responder essa pergunta, vamos ler o que a Bíblia diz!

Deuteronômio 4:40
Obedeçam aos seus decretos e mandamentos que hoje eu lhes ordeno, para que tudo vá bem com vocês e com seus descendentes, e para que vivam muito tempo na terra que o SENHOR, o seu Deus, lhes dá para sempre.

Deuteronômio 28:2-6
Todas estas bênçãos virão sobre vocês e os acompanharão, se vocês obedecerem ao SENHOR, o seu Deus: Vocês serão abençoados na cidade e serão abençoados no campo. Os filhos do seu ventre serão abençoados, como também as colheitas da sua terra e os bezerros e os cordeiros dos seus rebanhos. A sua cesta e a sua amassadeira serão abençoadas. Vocês serão abençoados em tudo o que fizerem.

Salmo 19:7-9
A lei do Senhor é perfeita, e revigora a alma. Os testemunhos do Senhor são dignos de confiança, e tornam sábios os inexperientes. Os preceitos do Senhor são justos, e dão alegria ao coração. Os mandamentos do Senhor são límpidos, e trazem luz aos olhos. O temor do Senhor é puro, e dura para sempre. As ordenanças do Senhor são verdadeiras, são todas elas justas.

Salmo 40:8
Tenho grande alegria em fazer a tua vontade, ó meu Deus; a tua lei está no fundo do meu coração.

Salmo 119:1-2
Como são felizes os que andam em caminhos irrepreensíveis, que vivem conforme a lei do Senhor! Como são felizes os que obedecem aos seus estatutos e de todo o coração o buscam!

Salmo 119:18
Abre os meus olhos para que eu veja as maravilhas da tua lei.

Salmo 119:34-36
Dá-me entendimento, para que eu guarde a tua lei e a ela obedeça de todo o coração. Dirige-me pelo caminho dos teus mandamentos, pois nele encontro satisfação. Inclina o meu coração para os teus estatutos, e não para a ganância.

Salmo 119:97
Como eu amo a tua lei! Medito nela o dia inteiro.

Provérbios 29:18
Onde não há revelação divina, o povo se desvia; mas como é feliz quem obedece à lei!

Quando não há lei, o povo perde seus modos, tudo vale, é anarquia!! O povo se corrompe quando não há restrição, ele perde sua moral. Hoje vemos isso claramente no modo em que são feitas festas de carnaval, onde tudo é liberado.

Isaías 2:3
Virão muitos povos e dirão: “Venham, subamos ao monte do Senhor, ao templo do Deus de Jacó, para que ele nos ensine os seus caminhos, e assim andemos em suas veredas”. Pois a lei sairá de Sião,de Jerusalém virá a palavra do Senhor.

Atenção, pois este texto de Isaías é uma palavra profética sobre o futuro!! Ele não está falando de algo que já aconteceu, mas que iria acontecer.

A esse ponto, você pode estar pensando: Mas ele só mostrou textos do Velho Testamento! Então vejamos o que algumas passagens do Novo Testamento dizem sobre a lei.

II Timóteo 3:14-15
Quanto a você, porém, permaneça nas coisas que aprendeu e das quais tem convicção, pois você sabe de quem o aprendeu. Porque desde criança você conhece as Sagradas Letras, que são capazes de torná-lo sábio para a salvação mediante a fé em Cristo Jesus.

Paulo estava dizendo a Timóteo que continuasse guardando a lei que ele havia aprendido desde criança como judeu. E mais, ele que essas sagradas letras eram capazes de torná-lo sábio para a salvação mediante a fé em Cristo Jesus! Veja que revelação: não é a lei que salva, mas ela nos capacita para isso mediante a fé em Cristo! Por isso não podemos abandonar a lei do Senhor.

Romanos 7:7
Que diremos então? A Lei é pecado? De maneira nenhuma! De fato, eu não saberia o que é pecado, a não ser por meio da Lei. Pois, na realidade, eu não saberia o que é cobiça, se a Lei não dissesse: “Não cobiçarás”

Romanos 7:12-14
De fato a Lei é santa, e o mandamento é santo, justo e bom. E então, o que é bom se tornou em morte para mim? De maneira nenhuma! Mas, para que o pecado se mostrasse como pecado, ele produziu morte em mim por meio do que era bom, de modo que por meio do mandamento ele se mostrasse extremamente pecaminoso. Sabemos que a Lei é espiritual; eu, contudo, não o sou, pois fui vendido como escravo ao pecado.

Mateus 7:20-23
Assim, pelos seus frutos vocês os reconhecerão! “Nem todo aquele que me diz: ‘Senhor, Senhor’, entrará no Reino dos céus, mas apenas aquele que faz a vontade de meu Pai que está nos céus. Muitos me dirão naquele dia: ‘Senhor, Senhor, não profetizamos em teu nome? Em teu nome não expulsamos demônios e não realizamos muitos milagres?’ Então eu lhes direi claramente: Nunca os conheci. Afastem-se de mim vocês, que praticam o mal!

A palavra grega para Lei é nomos. Esse trecho “vós todos que praticais a iniquidade” ou “vocês que praticam o mal”, dependendo da versão, no original diz “anomia”. Seria melhor traduzido como “vocês que não têm lei”. E olhe que interessante o contexto dessa passagem! Jesus está dizendo que os falsos profetas conhecem a Bíblia, profetizam em Seu nome e acertam, expulsam demônios, são carismáticos (ou seja, as pessoas gostam deles) mas... não guardam a lei. Como conseguir separar entre o verdadeiro e o falso profeta?? O versículo 20 diz que é pelos FRUTOS.
Fruto é a maneira como você anda. Não é o que você constrói para o Reino, como normalmente atribuímos o significado. Veja como o camarada trata a esposa em casa, consulte o CPF dele para saber se ele é um bom pagador, etc.

Afastai-vos de mim vós que praticais o mal = QUE NÃO TÊM LEI (anomos)

Você sabe por que o islamismo é a religião que mais cresce no mundo? Hoje os judeus são apenas 5 milhões de pessoas no meio de aproximadamente 1 bilhão e 500 milhões de muçulmanos. A Europa já está praticamente toda tomada por muçulmanos. Veja a dica que Isaías nos deixou.

Isaías 24:4-6
A terra seca-se e murcha, o mundo definha e murcha, definham os nobres da terra. A terra está contaminada pelos seus habitantes, porque desobedeceram às leis, violaram os decretos e quebraram a aliança eterna. Por isso a maldição consome a terra, e seu povo é culpado. Por isso os habitantes da terra são consumidos pelo fogo, ao ponto de sobrarem pouquíssimos.

Por isso a maldição consome a terra!!
No original, essa palavra maldição é alah. Isso o lembra alguma coisa??

O que é a graça?
Héssed é dádiva, bondade de Deus.
É favor não merecido. A graça gera em nós arrependimento verdadeiro, ou seja, ela é a aproximação de Deus mediante o perdão de nossos pecados.
A melhor ilustração para graça é a de um antibiótico, é um remédio contra o pecado. Só o pecador precisa de graça, só necessita de graça quem está em dívida!
Não sei você, mas eu só tomo remédio quando estou doente. E eu o tomo para ficar melhor e não precisar mais dele. O objetivo é restaurar a saúde e não ficar dependente do remédio!
A mediocridade mental de muitos cristãos os leva a viver em “repetição de vida” em vez de novidade de vida. Pessoas assim vivem no gabinete do pastor pedindo oração porque novamente caíram em pecado... e aquilo se torna um ciclo sem fim.
Pecado tem que ser acidente, meu irmão! Você não pode conviver com ele, não pense que não tem problema pecar porque a graça de Deus faz tudo ficar “tudo bem”. Você precisa CAMINHAR (diz respeito à fé na prática) em novidade de vida, isso tem que ser algo real na sua vida!

Há graça na velha aliança?
Sim! A palavra héssed aparece em vários lugares no Velho Testamento, mas o problema é que ela não foi traduzida do hebraico para os outros idiomas como deveria. Na minha opinião, isso não foi acidente de percurso. Alguém traduziu diferente de propósito, para perpetuar uma linha de pensamento doutrinário diferente da que Deus propôs. Só pode ter sido intencional!
Diferente dos outros idiomas, só existe um original em hebraico, então para recorrer a ele para aprender sobre graça na velha aliança. As partes em negrito contém héssed no original!!

Êxodo 20:6 – trato com bondade
Mas trato com bondade até mil gerações aos que me amam e obedecem aos meus mandamentos.

Deuteronômio 7:9 – mantém a bondade
Saibam, portanto, que o SENHOR, o seu Deus, é Deus; ele é o Deus fiel, que mantém a aliança e a bondade por mil gerações daqueles que o amam e obedecem aos seus mandamentos.

Números 14:18-19 – grande em fidelidade
O SENHOR é muito paciente e grande em fidelidade, e perdoa a iniqüidade e a rebelião, se bem que não deixa o
pecado sem punição, e castiga os filhos pela iniqüidade dos pais até a terceira e quarta geração’. Segundo a tua grande fidelidade, perdoa a iniqüidade deste povo, como a este povo tens perdoado desde que saíram do Egito até agora.

2 Samuel 7:15 – nunca retirarei dele o meu amor
Mas nunca retirarei dele o meu amor, como retirei de Saul, a quem tirei do seu caminho.

2 Crônicas 6:42 – lembra-te da fidelidade prometida
Ó SENHOR, ó Deus, não rejeites o teu ungido. Lembra-te da fidelidade prometida a teu servo Davi

Salmo 37:6 – que você é inocente, o teu direito
Ele deixará claro como a alvorada que você é justo, e como o sol do meio-dia que você é inocente.

Neemias 9:17 – cheio de amor
Eles se recusaram a ouvir-te e esqueceram-se dos milagres que realizaste entre eles. Tornaram-se obstinados e, na sua rebeldia, escolheram um líder a fim de voltarem à sua escravidão. Mas tu és um Deus perdoador, um Deus bondoso e misericordioso, muito paciente e cheio de amor. Por isso não os abandonaste.

Há lei na nova aliança para o crente?
Sim, os judeus messiânicos eram zelosos da Lei!

Exemplos de Yeshua:
Lucas 2:22-32 – apresentação de Jesus no templo, circuncidado ao 8o dia
Mateus 5:17-20 – Jesus veio cumprir a Lei e os Profetas (torná-la plena e não aboli-la)
Mateus 23:2 – fazer tudo o que os fariseus e mestres da lei ensinam, mas não imitá-los

Exemplos de Paulo:
Atos 24:14 – seguidor do Caminho, crê em tudo o que está na Lei e nos Profetas
Atos 25:8 – nada fez de errado contra a lei dos judeus (ou seja, cumpriu-a)

Exemplo de outros judeus crentes:
Atos 21:20 – milhares de judeus creram e todos eram zelosos da lei

Exemplos de gentios convertidos:
Atos 15:20 – Tiago, irmão de Jesus, adota as leis noéticas para os gentios convertidos
Colossenses 2:16 – tradições judaicas que os cristãos não-judeus de Colosso praticavam
1 Coríntios 5:7-8 – menção à celebração da páscoa (conforme tradição judaica)

Quais são as regras de pureza e de conduta que Tiago estabelece para os gentios?
1 – Não comer comida contaminada por ídolos (não praticar a idolatria)
2 – Não praticar a promiscuidade sexual (adultério e defraudação - violação do corpo)
3 – Abster-se da carne de animal sufocado (=sangue, a vida está no sangue)
4 – Abster-se de sangue (=assassinato, tirar a vida do outro)

Que tradições judaicas eram essas que os crentes em Colosso (na Grécia) guardavam e que não deveriam se sentir envergonhados ou julgados por outras pessoas?

O texto cita que eles não deveriam deixar que os outros povos os julgassem por:
1 – comida nem bebida
2 – alguma festividade religiosa
3 – a celebração das luas novas
4 – a celebração dos dias de sábados

Ou seja, esse texto só faz sentido se eles de fato fossem zelosos na prática dessas tradições!

Obs. Esse é um texto comumente mal interpretado, em que normalmente entendemos o oposto do que Paulo diz! Colossenses 2:17 diz que práticas coisas eram sombra do que estava por vir. Algo ser sombra significa que aquilo reflete a imagem do que está por vir e essa imagem é Cristo.

Mas o que fazer com alguns textos aparentemente “contraditórios”?

Mateus 5:17 – Não pensem que vim abolir a Lei ou os Profetas; não vim abolir, mas cumprir.
Plerosai, original da tradução “cumprir”, significa tornar perfeito, vivê-la em plenitude.

Romanos 10:4 – Porque o fim da Lei é Cristo, para a justificaçãoa de todo o que crê.
Thelos, original para “fim”, significa objetivo, propósito, finalidade.

Gálatas 3:13 – Cristo nos redimiu da maldição da Lei quando se tornou maldição em nosso lugar, pois está escrito: “Maldito todo aquele que for pendurado num madeiro”.
Quer dizer então que a lei é maldição? Não! Se fosse assim, então Paulo certamente estaria delirando, pois como ele poderia falar que a Lei era santa, justa e boa em Romanos 7 e agora dizer uma coisa dessas em Gálatas 3?
O problema é que nós interpretamos suas palavras errado. Aqui Paulo se refere às maldições proferidas do monte Ebal em Deuteronômio 27 e ele está falando com judeus que conheciam as Escrituras, que sabiam o que signficava a expressão “maldição da Lei”. Essas maldições estavam previstas em lei para quem a descumprisse e todo judeu zeloso sabia disso!

Deuteronômio 27 e 28 – bênção/maldição prevista em lei para quem a (des)cumpre

Quando Cristo veio, Ele levou sobre si as maldições prescritas na lei. Então Paulo não estava dizendo que a lei era maldição, mas que havia maldição quando alguém a descumprisse.

Jeremias 31:31-33 – a nova aliança é a lei escrita em nosso coração

“Estão chegando os dias”, declara o Senhor, “quando farei uma nova aliança com a comunidade de Israel e com a comunidade de Judá. Não será como a aliança que fiz com os seus antepassados quando os tomei pela mão para tirá-los do Egito; porque quebraram a minha aliança, apesar de eu ser o Senhor deles”, diz o Senhor. “Esta é a aliança que farei com a comunidade de Israel depois daqueles dias”, declara o Senhor: “Porei a minha lei no íntimo deles e a escreverei nos seus corações. Serei o Deus deles, e eles serão o meu povo.

A fé envolve o aspecto prático (e não intelectual apenas). Há uma grande diferença entre saber, ensinar e guardar os mandamentos de Deus!

João 14:21 – Quem tem os meus mandamentos e lhes obedece, esse é o que me ama. Aquele que me ama será amado por meu Pai, e eu também o amarei e me revelarei a ele.

João 15:10 – Se vocês obedecerem aos meus mandamentos, permanecerão no meu amor, assim como tenho obedecido aos mandamentos de meu Pai e em seu amor permaneço.

Rom 11 – o cristão foi enxertado na oliveira que é Israel, temos acesso às mesmas bênçãos!!

Leis que necessitam urgentemente restauradas no Corpo de Cristo:
1. As 10 palavras (original para mandamentos) são para toda a humanidade (Êxodo 20).
2. Interceder pela paz de Jerusalém (Salmo 122:6).
3. Celebrar as festas do Eterno como memoriais (1 Coríntios 5 e Colossenses 2:16).
4. As leis noéticas (Atos 15:20).
5. Andar em boas obras (Efésios 2:10).
6. Amar e exercer misericórdia para com Israel (Romanos 11:28).
7. Causar ciúmes no povo judeu (Rom 11:11) – relacione-se com o Deus deles + do que eles.
8. Ajudar financeiramente os judeus crentes em Israel e no mundo (Romanos 15:27).
9. Estar perto da comunidade de Israel e enxertado nas alianças de Deus com Israel
(Romanos 11:17 e Efésios 2:13)
10. Restaurar suas raízes (sair de Roma e ir para Jerusalém - Isaías 2:3)

Conclusão:
Números 6:24-26 – O SENHOR te abençoe e te guarde; o SENHOR faça resplandecer o seu rosto sobre ti e te conceda graça; o SENHOR volte para ti o seu rosto e te dê paz.

Essa foi uma benção ordenada por Deus para os sacerdotes ministrarem sobre as famílias de Israel. Como nós estamos conectados à videira (Romanos 11), também podemos recebê-la!!

    Data/hora atual: Seg 11 Dez 2017, 22:52